Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10356
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Issue Date: Mar-2006
metadata.dc.creator: BARBOSA, Maria Angélica Guimarães
MICHEREFF, Sami Jorge
MORA-AGUILERA, Gustavo
metadata.dc.description.affiliation: BARBOSA, M. A. G. Universidade Federal do Pará
Title: Elaboração e validação de escala diagramática para avaliação da severidade da ferrugem branca do crisântemo
Other Titles: Elaboration and validation of diagrammatic key to evaluate white rust severity in Chrysanthemum
Citation: BARBOSA, Maria Angélica G.; MICHEREFF, Sami J.; MORA-AGUILERA, Gustavo. Elaboração e validação de escala diagramática para avaliação da severidade da ferrugem branca do crisântemo. Summa Phytopathologica, Botucatu, v. 32, n. 1, p. 57-62, jan./mar. 2006. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-54052006000100008. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10356. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A ferrugem branca, causada pelo fungo Puccinia horiana, é considerada a principal doença do crisântemo no Brasil, induzindo severas perdas aos produtores. Apesar da importância, inexistem estudos epidemiológicos no país, e para que estes estudos sejam realizados, é necessário o desenvolvimento de métodos padronizados de quantificação da severidade da doença no campo. Visando atender a essa demanda, foi elaborada uma escala diagramática com os níveis de 1, 3, 6, 10, 18 e 30% de área foliar lesionada, testando-se a acurácia, a precisão e a reprodutibilidade das estimativas de severidade da ferrugem branca com e sem a sua utilização. Na validação da escala diagramática, 50 folhas com diferentes níveis de severidade da doença, mensurados previamente com o programa AutoCADâ, foram avaliadas por 10 pessoas sem e com a utilização da escala diagramática. Foram realizadas duas avaliações com a utilização da escala, com intervalo de sete dias, onde seqüências diferentes das mesmas folhas foram estimadas visualmente pelos mesmos avaliadores. A acurácia e a precisão de cada avaliador foi determinada por regressão linear simples, entre a severidade real e a estimada. Sem o auxílio da escala, todos os avaliadores superestimaram consistentemente a severidade, indicando a presença de desvios positivos constantes para todos os níveis de severidade da doença. As avaliações realizadas com a escala diagramática foram mais acuradas nas estimativas da maioria dos avaliadores e mais precisas para todos os avaliadores, além de proporcionar boa repetibilidade e elevada reprodutibilidade entre avaliações de diferentes avaliadores. A escala diagramática mostrou-se adequada para avaliação da severidade da ferrugem branca do crisântemo.
Abstract: White rust, caused by Puccinia horiana, is considered the major disease of Chrysanthemum in Brazil, which results in severe losses for the growers. Despite of its economic importance, very few epidemiological studies have been carried out in Brazil. In order to conduct these studies it is necessary to develop standard methods to quantify disease severity under field conditions. Therefore, a diagrammatic key, including the levels 1, 3, 6, 10, 18, and 30% of diseased leaf area, was elaborated. The severity of the white rust was estimates using the key or not in order to test its accuracy, precision and reproducibility. The diagrammatic key was validated by 10 raters using 50 leaves with different levels of severity, which were previously measured by the AutoCAD® software. Two evaluations were performed with the key at 7-day intervals when different sequences of the same leaves were visually estimated by the same raters. The accuracy and precision of each rater were determined by using simple linear regression between actual and estimated severity. When the key was not used, all raters overestimated disease severity indicating the presence of constant positive errors for all levels of disease severity. The evaluations using the diagrammatic key were more accurate for the great majority of the raters and more precise for all the raters. In addition, the key also showed good repeatability and high level of reproducibility among the evaluations from the different raters. The diagrammatic key is suitable for the evaluation of severity of white rust of Chrysanthemum.
Keywords: Dendranthema grandiflora
Fungo Puccinia horiana
crisântemo
Flores e Folhas (Fungos)
Pathometry
Series/Report no.: Summa Phytopathologica
ISSN: 1980-5454
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Grupo Paulista de Fitopatologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: http://ref.scielo.org/m25vjt
metadata.dc.identifier.doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-54052006000100008
Appears in Collections:Artigos Científicos - CALTA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_ElaboracaoValidacaoEscala.pdf129,52 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons