Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10361
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Jun-2014
Authors: TEISSERENC, Pierre
TEISSERENC, Maria José da Silva Aquino
metadata.dc.description.affiliation: TEISSERENC, P. Dr. Docente visitante da Universidade Federal do Pará (Período de 2010 - 2014)
TEISSERENC, M. J. S. A. Pós-Dra. Docente da Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Faculdade de Ciências Sociais
Title: Território de ação local e de desenvolvimento sustentável: efeitos da reivindicação socioambiental nas ciências sociais
Other Titles: Local action and sustainable development territory: effects of socio-environmental claims in social sciences
Citation: TEISSERENC, Pierre; TEISSERENC, Maria José da S. A. Território de ação local e de desenvolvimento sustentável: efeitos da reivindicação socioambiental nas ciências sociais. Sociologia & Antropologia, Rio de Janeiro, v. 4, n. 1, p. 97-125, jan./jun. 2014. Disponível em: <http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10361>. Acesso em:.
Resumo: Neste artigo discutem-se as mudanças pelas quais passa o conceito de território tomado como um lugar privilegiado de produção da ação pública. Em um contexto de globalização e de ambientalização dos conflitos, o território se apresenta, por parte das chamadas populações tradicionais, como objeto de reivindicação socioambiental, permitindo-lhes valorizar os saberes nativos, de afirmar uma identidade política e de assegurar com toda legitimidade o controle de seu destino coletivo. Neste mesmo tempo, no campo das Ciências Sociais, a análise do território, tradicionalmente identificada com a história e a geografia torna-se objeto de interesse para a sociologia e a ciência política. Resulta disso uma renovação da questão territorial que encontra fundamento e coerência na visão não somente econômica, social e cultural do território, mas também na perspectiva política.
Abstract: This article discusses the changes in the concept of territory as a privileged environment for the production of public action. In a context of globalization and environmentalization of conflicts, the territory becomes an object of socio-environmental claim for some of the so-called traditional populations, which enables them to value native knowledge, affirm a political identity, and assure with full legitimacy the control of their collective destiny. At the same time, in the field of the social sciences, the analysis of territory traditionally identified with History and Geography becomes an object of interest to Sociology and Political Sciences as well. That has resulted in a renovation of the territorial issue that serves as the basis for not only the economic, social, and cultural vision of the territory, but also for its political perspective
Keywords: Território
Territorialidade
Ação pública
Ambientalização
Saberes nativos
CNPq: CNPQ::OUTROS::CIENCIAS SOCIAIS
metadata.dc.relation.ispartof: Sociologia & Antropologia
ISSN: 2236-7527
2238-3875
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
metadata.dc.source.uri: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2238-38752014000100097&lng=pt&nrm=iso
metadata.dc.identifier.doi: http://dx.doi.org/10.1590/2238-38752014v415
Appears in Collections:Artigos Científicos - FACS/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_TerritoriosAcaoLocal.pdf138.14 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons