Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11011
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 30-Apr-2013
metadata.dc.creator: SODRÉ, Giordani Rafael Conceição
metadata.dc.contributor.advisor1: VITORINO, Maria isabel
Title: Estudo da convecção de mesoescala em diferentes superfícies na Amazônia Oriental
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: SODRÉ, Giordani Rafael Conceição. Estudo da convecção de mesoescala em diferentes superfícies na Amazônia Oriental. Orientadora: Maria Isabel Vitorino. 2013. 74 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) – Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Belém, 2013. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11011. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Este estudo se propõe realizar uma análise observacional dos sistemas convectivos de mesoescala circular (SCMC) em tempo-espaço na Amazônia Oriental, visando identificar como as diferentes superfícies interferem na gênese dos sistemas e o impacto da ocorrência do mesmo sobre o ambiente urbano. Para alcançar este objetivo, a Amazônia oriental foi divida em quatro regiões distintas: região A (nordeste), região B (sudeste), região C (sudoeste), região D (noroeste), onde, com o uso de imagens de satélite, do aplicativo FORTRACC e os dados da técnica CMORPH, foram selecionados os eventos e calculado a excentricidade, tamanho, tempo de vida, horário preferencial de surgimento dos SCMC’s e o volume pluviométrico precipitado. Os resultados mostraram que as regiões A e D concentraram 66% da ocorrência de SCMC’s, os quais possuem maior frequência no período chuvoso. O horário preferencial, de formação dos sistemas, sofre variação de acordo com as características da superfície local. Na região litorânea (região A), os sistemas tendem a se formar no meio da tarde, com pico máximo no início da noite. Nas regiões mais distantes do litoral e de topografia elevada, como a região D, os SCMC’s tendem a se formar no final tarde com pico máximo no início da madrugada. Contudo, o fator comum encontrado em todas as regiões foi à preferência pelas zonas de transição entre vegetação e áreas desmatadas para a ocorrência dos sistemas, principalmente ao longo da região do Arco do Desmatamento. O volume pluviométrico intenso e os fortes ventos provocados pelo SCMC em interação com os problemas físicos da superfície urbanizada geram um série de prejuízos socioambientais, dentre os quais, os mais frequentes são: destelhamentos de casas, alagamentos de ruas e residências e problemas no trânsito.
Abstract: This study proposes to conduct an observational analysis of circular mesoscale convective systems (SCMC) in space-time in the eastern Amazon, to identify how different surfaces affect the genesis of the systems and the impact of its occurrence on the urban environment. To accomplish this, the eastern Amazon was divided into four distinct regions: region A (northeast), region B (southeast), region C (southwest), D region (northwest), where, with the use of satellite images, the FORTRACC application and data technical CMORPH were selected events and calculated eccentricity, size, lifetime, preferred time of emergence of SCMC's rainfall volume and precipitated. The results showed that regions A and D concentrated 66% of the occurrence of SCMC's, which are more often during the rainy season. The preferred time of forming system suffers vary according to the characteristics of the local surface. In the coastal region (region A), the systems tend to form in the middle of the afternoon, with peak in the early evening. In the more remote regions of the coastline and topography high, as the region D, the SCMC's tend to form in the late afternoon with peak at dawn. However, the common factor found in all regions was the preference for transition zones between vegetation and cleared areas for the occurrence of the systems, especially along the region of the Arc of Deforestation. The volume heavy rainfall and strong winds caused by SCMC in interaction with the physical problems of urbanized surface yield a series of environmental damage, among which the most common are: destelhamentos homes, flooding streets and homes and traffic problems.
Keywords: Precipitação (Meteorologia)
Sistemas convectivos de mesoescala circular
Amazônia oriental
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: CLIMA E DINÂMICA SOCIOAMBIENTAL NA AMAZÔNIA
metadata.dc.subject.linhadepesquisa: INTERAÇÃO CLIMA, SOCIEDADE E AMBIENTE
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Museu Paraense Emílio Goeldi
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
EMBRAPA
MPEG
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Ciências Ambientais (Mestrado) - PPGCA/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EstudoConveccaoMesoescala.pdf3,4 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons