Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11308
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorCORRÊA, Angelita Silva de Miranda-
dc.date.accessioned2019-06-25T15:54:44Z-
dc.date.available2019-04-22-
dc.date.available2019-06-25T15:54:44Z-
dc.date.issued2019-03-21-
dc.identifier.citationCORRÊA, Angelita Silva de Miranda. O impacto da implantação do teste NAT-HBV na Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Estado do Pará (HEMOPA), Região Norte do Brasil. Orientador: Rommel Rodríguez Burbano. 2019. 89 f. Tese (Doutorado em Neurociências e Biologia Celular) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2019. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11308. Acesso em:.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11308-
dc.description.abstractNucleic acid testing (NAT) for virus detection during blood screening has helped to prevent transfusion-transmitted infections worldwide. In northern Brazil, NAT was implemented in 2012 for HIV and HCV and more recently, in January 2015, the screening for HBV was included and currently used concomitant with serological tests (HBsAg and anti-HBc). This study aims to evaluate the prevalence and the incidence of HBV infection among voluntary blood donors at ten regional blood centers of HEMOPA Foundation in Pará state and to compare the residual risk of transfusion-transmitted HBV infection before and after the Brazilian HBV-NAT implementation. The prevalence (restricted to FT donors) and incidence (restricted to RP donors) of HBV were calculated based on rates of confirmed positive samples. Residual risk was based on the incidence and WP model described by Schreiber and coauthors. Logistic and Poisson regression were used in the statistical analysis by SPSS v20.0. A p value <0.05 was considered statistically significant. HBV prevalence in the periods before and after the implementation of HBV-NAT were 247 and 251 per 100,000 donations, respectively. Seroconversion rates were 114 and 122 per 100,000 donations in the two periods, respectively. The residual risk (RR) for HBV decreased significantly in the period after the implementation of HBV-NAT, with a reduction of 1: 144.92 to 1: 294.11 donations (p <0.001), significantly increasing transfusion safety at HEMOP Foundation, in the Northern Region of Brazil.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.source1 CD-ROMpt_BR
dc.subjectÁcidos nucleicos - Testespt_BR
dc.subjectSangue - Análise e químicapt_BR
dc.subjectDoadores de sangue - Parápt_BR
dc.subjectDoenças transmitidas pelo sanguept_BR
dc.subjectHepatite B - Infecções - Parápt_BR
dc.subjectTransfusão de sangue - Complicações e sequelaspt_BR
dc.subjectFundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Estado do Parápt_BR
dc.titleO impacto da implantação do teste NAT-HBV na Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Estado do Pará (HEMOPA), Região Norte do Brasilpt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências Biológicaspt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MORFOLOGIA::CITOLOGIA E BIOLOGIA CELULARpt_BR
dc.contributor.advisor1BURBANO, Rommel Mario Rodríguez-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4362051219348099pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5315946367305911pt_BR
dc.description.resumoO teste de ácidos nucléicos (NAT) para detecção de vírus durante a triagem de sangue ajudou a prevenir infecções transmitidas por transfusão em todo o mundo. No norte do Brasil, o NAT foi implementado em 2012 para os vírus HIV e HCV e, em janeiro de 2015, a triagem para HBV foi incluída e atualmente usada concomitantemente com testes sorológicos (HBsAg e anti-HBc). Este estudo teve como objetivo avaliar a prevalência e a incidência de infecção pelo HBV entre doadores voluntários de sangue em dez hemocentros regionais da Fundação HEMOPA no estado do Pará e comparar o risco residual da infecção pelo HBV transmitida por transfusão antes e após a implementação do HBV-NAT no Brasil. A prevalência restrita a doadores de primeira vez (FT) e a incidência restrita a doadores de repetição (RP) do HBV foram calculadas com base nas taxas de amostras positivas confirmadas. O risco residual foi baseado na incidência e no modelo WP descritos por Schreiber e coautores. A regressão logística e de Poisson foram utilizadas na análise estatística pelo SPSS v20.0. Um valor de p <0,05 foi considerado estatisticamente significativo. A prevalência do HBV nos períodos antes e após a implantação do HBV-NAT foi de 247 e 251 por 100.000 doações, respectivamente. As taxas de soroconversão foram 114 e 122 por 100.000 doações nos dois períodos, respectivamente. O risco residual (RR) para HBV diminuiu significativamente no período posterior à implementação do HBV-NAT, com redução de 1: 144,92 para 1: 294,11 doações (p <0,001), aumentando significativamente a segurança transfusional na Fundação HEMOPA, na região Norte do Brasil.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celularpt_BR
dc.subject.areadeconcentracaoHEMATOLOGIApt_BR
Appears in Collections:Teses em Neurociências e Biologia Celular (Doutorado) - PPGNBC/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_ImpactoImplantacaoTeste.pdf4,16 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons