Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11774
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 5-Feb-2002
metadata.dc.creator: MELO JUNIOR, Homero Reis de
metadata.dc.contributor.advisor1: SOUZA, Eliene Lopes
Title: Mapeamento da vulnerabilidade e análise de risco de contaminação como instrumentos de proteção das águas subterrâneas em áreas industriais: caso ALBRAS, Barcarena-PA.
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: MELO JUNIOR, Homero Reis de. Mapeamento da vulnerabilidade e análise de risco de contaminação como instrumentos de proteção das águas subterrâneas em áreas industriais: caso ALBRAS, Barcarena-PA. Orientadora: Eliene Lopes de Souza. 2002. 138 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) – Centro de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2002. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11774. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O trabalho foi realizado na Área de Disposição de Resíduos Sólidos (ADRS) da Industria Alumínio Brasileiro S.A. (ALBRAS), no município de Barcarena, Estado do Pará, norte do Brasil. Seu objetivo foi determinar as principais características físicas do aquífero livre, a sua vulnerabilidade natural à contaminação, bem como os riscos de contaminação do aquifero considerado. O conhecimento da hidrogeologia local apoiou-se em perfurações a trado manual, análises granulométricas do material coletado nessas perfurações, ensaio de bombeamento, além da interpretação de perfis de sondagens geotécnicas. A vulnerabilidade natural do aquífero foi determinada através dos métodos GOD e DRASTIC, fundamentada em diversos parâmetros como profundidade da água, tipo de aquífero, características litológicas da zona não saturada, condutividade hidráulica dos sedimentos, recarga do aquífero e topografia. Na avaliação do risco de contaminação do local foram considerados os riscos aos bens a proteger (recursos naturais e saúde pública). O aquífero estudado é do tipo livre, sem cobertura, sendo a zona não saturada constituída por sedimentos areno-siltosos a areno-silto-argilosos, inconsolidados, de coloração amarelo-creme a alaranjado chegando a cinza claro, mal selecionados e sub- angulosos, apresentando condutividade hidráulica da ordem de 10% cm/s. No período de maior intensidade de chuvas, a profundidade do nível estático variou entre O e 5,1 metros. A transmissividade, obtida através de teste de bombeamento de curta duração, foi de 43,92 mí/dia. Por fim, a recarga do aquifero apresentou taxa de infiltração média de 115,58 mmiano. A vulnerabilidade do aquífero livre, determinada através do método GOD variou entre moderada e alta; enquanto que, pelo modelo DRASTIC, foram obtidos índices de vulnerabilidade entre 128 a 151. Embora esses números não indiquem nenhum valor intrínseco, eles podem ser interpretados através da comparação com valores de índices DRASTIC obtidos em outras áreas. Como os valores desse índice variam entre 65 a 223 para todos os ambientes hidrogeológicos típicos, para os quais o método foi desenvolvido nos Estados Unidos; pode-se considerar que, a vulnerabilidade natural do aquífero estudado através do modelo DRASTIC também apresenta valores moderados 2 (118) a altos (141). Para determinar a vulnerabilidade natural do aquifero livre em áreas de pequena extensão como a investigada, o método GOD apresentou maior exequibilidade em relação ao Índice DRASTIC por utilizar um menor número de parâmetros; uma vez que, elementos como litotipo da zona saturada, recarga, condutividade hidráulica apresentam pouca ou nenhuma variação em uma área com cerca de 5 km?, pouco influenciando portanto no índice de vulnerabilidade final. A pontuação final obtida para avaliar o risco de contaminação mostrou-se abaixo do valor crítico de 200.
Abstract: This work was made in the Solid Waste Disposal Site (SWDS) at the Alumínio Brasileiro S.A. Industry (ALBRAS)., in the town Barcarena, State of Pará; Northern Brazil. The principal objective was to find the main physical properties of the unconfined aquifer its natural vulnerability to contamination and the risk of contamination of the studied aquifer. To know and understand the local hydrogeology, were made manual bore holes, grain size analyses and a pumping test, were made as well as interpretation of geotechnical bores profiles. The natural vulnerability of the unconfined aquifer was determined by the GOD and DRASTIC methods, based basically on water depth, type of aquifer, lithology, characteristics of non-saturated zone, hydraulic conductivity, topography and aquifer recharge. The local assessment of contamination risk considered the risks to environmental resources and public health. The studied aquifer is unconfined, and the vadose zone consists of unconsolidated silty-sand, silty-sand-clay sediments, with creamy yellow and orange till light gray colors, badly sorted and sub-angled. The hydraulic conductivity is approximately 10“cm/s. In the rainy season the water level reached from O to 5,1 meters depth. The transmissivity, obtained by pumping test of short time, is estimated in 43.92 mí/day. The net recharge showed an infiltration rate of 115.58 mm/year. The unconfined aquifer vulnerability, obtained through the GOD method, ranged between high and moderated levels; and by the DRASTIC model, the vulnerability index ranged between 118 and 141. Although these numbers do not imply an intrinsic value, they could be extrapolated by the comparison with DRASTIC index of others regions. The index of all hydrogeologic environments studied by the method authors in the United States range between 65 and 223. Therefore we can consider the index of the current study area moderated (128) until high (151), considering the environment constituted by unconsolidated sediments. The natural groundwater vulnerability assessment in areas with small extension as in SWDS was better 4 applied throughout the GOD Method than by the DRASTIC Indexes. Mainly because the first one apply less parameters than the second one; e.g. litology of non-saturated zone, recharge net and hydraulic conductivity, which show little or any difference in its values in an area with 5 km”, presenting not very important for the final vulnerability indexes. The final value obtained for the risk contamination was bellows the critic index of 200.
Keywords: Vulnerabilidade
Águas subterrâneas
Contaminação
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GEOLOGIA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_MapeamentoVulnerabilidadeAnalise.pdf50,21 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons