Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11936
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 19-Apr-2018
metadata.dc.creator: CRISTO, Luiz Carlos Ferreira de
metadata.dc.contributor.advisor1: MACAMBIRA, Moacir José Buenano
Title: Estudo petrográfico e isotópico (Pb-Pb, U-Pb e Sm-Nd) de rochas metavulcânicas, mineralizações auríferas e rochas granitoides relacionadas ao Greenstone Belt Três Palmeiras, Volta Grande do Xingu, Domínio Bacajá, Pará
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: CRISTO, Luiz Carlos Ferreira de. Estudo petrográfico e isotópico (Pb-Pb, U-Pb e Sm-Nd) de rochas metavulcânicas, mineralizações auríferas e rochas granitoides relacionadas ao Greenstone Belt Três Palmeiras, Volta Grande do Xingu, Domínio Bacajá, Pará. Orientador: Moacir José Buenano Macambira. 2018. 52 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) - Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém,2018. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11936. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo foi baseado em estudos de petrografia, geoquímica isotópica e geocronologia, tendo como objetivo discutir a possível relação genética e temporal entre a formação das mineralizações auríferas, suas hospedeiras e as sequências metavulcânicas que formam o Greenstone Belt Três Palmeiras, noroeste do Domínio Bacajá, estado do Pará. Descrições de amostras de campo e de testemunhos de sondagem permitiram a classificação dos litotipos que ocorrem na área de estudo: (1) uma sequência de metabasaltos, xistos máficos e restritos corpos de metagabros (Anfibolito Itatá); (2) uma sequência de metaandesitos porfiríticos e rochas metavulcanoclásticas (Micaxisto Bacajá). Essas rochas afloram às proximidades de rio Xingu e formam corpos alongados, com orientação WNW-ESE, que registram os efeitos da deformação predominante na área. Essas sequências são seccionadas por corpos de dioritos e granodioritos, que constituem a unidade Granodiorito Oca. Os depósitos são formados por veios de quartzo mineralizados em pirita, calcopirita e ouro, que se alojam nos granitoides intrusivos, sob a forma de microinclusões nesses sulfetos. Os dados isotópicos Pb-Pb por lixiviação obtidos em amostras de pirita de quartzo-diorito e metaandesito, não associados aos depósitos de ouro, forneceram idades de 2146 ± 19 Ma e 2353 ± 43 Ma, respectivamente, enquanto o método de evaporação de Pb em zircão forneceu idades de 2417 ± 4 Ma (MSDW=0,64) para uma amostra de meta-andesito e 2410 ± 4 Ma (MSWD=4,3) para uma amostra de rocha metavulcanoclástica. Essas idades são similares àquela fornecida pela isócrona Sm-Nd (2465 ± 17 Ma) para metabasaltos e meta-andesitos. Finalmente, o método de evaporação de Pb em partículas de ouro, extraídas de corpos mineralizados, alojados em granodioritos e quartzo-dioritos, após diversas tentativas de gerar uma isócrona com baixo desvio, forneceu a idade de 2189 ± 11 Ma (MSWD=31). Essas idades indicam que a mineralização tenha se formado durante o Riaciano. Com base nas idades já determinadas para as rochas graniticas presentes na área, é provável que a mineralização tenha relação genética e temporal com essas rochas. Os dados isotópicos sugerem, até o momento, que as sequências metavulcânicas do Greenstone Belt Três Palmeiras não apresentam relação genética com as mieralizacoes auriferas. As idades-modelo NdTDM de 2,49 a 2,39 Ga, obtidas neste trabalho para amostras de meta-andesitos e metadacitos do GBTP e seus εNd(T) (+2,03 e +3,33) sugerem que essas rochas se originaram do manto no Paleoproterozoico, seguido de rápida residência crustal.
Abstract: The present study was based on studies of petrography, isotopic geochemistry and geochronology, aiming to discuss the possible genetic and temporal relationship between the formation of auriferous mineralization, its host and the metavulcanic sequences that form the Três Palmeiras Greenstone Belt. Descriptions of outcrop and drilling holes samples allowed the definition of the following lithotypes in the study area: (1) a sequence of metabasalts, mafic schists and restricted metagabbro bodies (Anphibolite Itatá); (2) a sequence of porphyritic metandesites and metavulcanoclastic rocks (Micashist Bacaja). These rocks cropout nearby of the Xingu River, as elongated bodies, with WNW-ESE direction and record the effects of the predominant deformation in the area. These sequences are sectioned by bodies of diorites and granodiorites, with 2160 ± 3 Ma in age, comprising Oca Granodiorite. The gold deposits are composed of mineralized quartz veins in pyrite, chalcopyrite and gold, housted in the bodies of quartz-diorites and granodiorites, in the form of microinclusions in these sulphides. Pb-Pb isotopic data, obtained on pyrite from quartz-diorite and metandesite samples by Pb-leaching technique, provided ages of 2146 ± 19 Ma and 2353 ± 43 Ma, respectively, whereas the Pb-evaporation method on zircon provided ages of 2417 ± 4 Ma (MSDW = 0.64) for a meta-andesite sample and 2410 ± 4.3 Ma (MSWD = 4.3) for a sample of metavulcanoclastic rock occurring in the same area. These ages are similar to the age furnished by a whole-rock Sm-Nd isochron (2465 ± 17 Ma). Finally, the Pb-evaporation method on gold particles provides the age of 2189 ± 11 Ma (MSWD = 31). These ages indicate that mineralization has formed during the Riacian period. Based on the ages already determined for the granitic rocks present in the area, it is probable that the mineralization has a genetic and temporal relationship with these rocks. Isotopic data discard, so far, any possible genetic relationship as greenstone metavulcanic sequences. NdTDM model ages of 2.49 to 2.39 Ga obtained in this work for metandesite and metadacite samples from TPGB and its εNd(T) (+2.03 and +3.33) suggest that these rocks originated from the mantle in the Paleoproterozoic, followed by a rapid crustal residence.
Keywords: Geologia estratigráfica – Proterozóico
Petrologia – Pará
Chumbo – Isótopos
Minérios de ouro – Pará
Datação de samário-neodímio – Pará
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GEOQUÍMICA E PETROLOGIA
metadata.dc.subject.linhadepesquisa: GEOCRONOLOGIA E GEOQUÍMICA ISOTÓPICA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EstudoPetrograficoIsotopico.pdf4,65 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons