Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12044
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 27-Sep-1991
metadata.dc.creator: MORAES, Fernando Sergio de
metadata.dc.contributor.advisor1: Douglas Patrick O’Brien
Title: Modelo interpretativo para os levantamentos gravimétricos de Poço da Bacia de SE/AL
Other Titles: Interpretation of borehole gravity data from the Sergipe/Alagoas Basin, Brasil
metadata.dc.description.sponsorship: PETROBRAS - Petróleo Brasileiro S.A.
Citation: MORAES, Fernando Sergio de. Modelo interpretativo para os levantamentos gravimétricos de Poço da Bacia de SE/AL. Orientador: Douglas Patrick O’Brien. 1991. 92 f. Dissertação (Mestrado em Geofísica) - Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 1991. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12044. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O primeiro levantamento gravimétrico em poço no Brasil foi realizado na Bacia de Sergipe - Alagoas, num programa conjunto envolvendo a participação da Universidade Federal do Pará, o U.S.G.S. (United States Geological Survey) e Petrobrás (CENPES/DEPEX/DENEST), durante Outubro e Novembro de 1990. Um total de três poços terrestres foram perfilados, visando avaliar a resposta da gravimetria de poço, em comparação com os perfis convencionais de densidade, no estudo do embasamento pré-cambriano produtor, sobreposto por rochas sedimentares de idade cretácea. Na área, o embasamento é bastante raso com profundidades variando entre 500 e 800m. A interpretação dos dados foi dificultada pelo fato da superfície rasa do embasamento ser bastante complexa. Na área estudada, esta superfície corresponde à. chamada discordância pré-aptiana. Sobre esta superfície ondulada, depositou-se uma seqüência evaporítica e o contraste de densidade, entre estas duas unidades e o resto do pacote sedimentar, foi responsável por uma parte significativa do efeito gravimétrico observado. Para retirar este efeito, a superfície de cada unidade foi reconstituída, a partir de informações de poços vizinhos, e o seu campo gravimétrico foi modelado através de malhas de triângulo, utilizando um algoritmo de corpos poliédricos. O campo residual resultante foi então usado para estimar as densidades, que foram representadas em perfis. Estas estimativas foram comparadas com os perfis de densidade convencionais e, o resultado, foi possível indicar alguns intervalos de interesse dentro e acima do embasamento produtor.
Keywords: Interpretação gravimétrica
Geofísica
Perfilagem geofísica de poços - Alagoas
Petrologia - Alagoas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOFISICA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geofísica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geofísica (Mestrado) - CPGF/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ModeloInterpretativoLevantamentos.pdf16,11 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons