Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/1732
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 5-Oct-2005
metadata.dc.creator: FIGUEIREDO, Elielson de Souza
metadata.dc.description.affiliation: UEPA - Universidade do Estado do Pará
metadata.dc.contributor.advisor1: FURTADO, Marli Tereza
Title: Identidade e história: Belém do Grão-Pará como narrativa da nacionalidade
Other Titles: Identity and history: "Belém of Grain-Pará" as narrative of the nationality
Citation: FIGUEIREDO, Elielson de Souza. Identidade e história: "Belém do Grão Pará" como narrativa da nacionalidade. Orientadora: Marlí Tereza Furtado. 2005. 145 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Centro de Letras e Artes, Universidade Federal do Pará, Belém, 2005. Disponível em: http://www.repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/1732. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A motivação inicial desta pesquisa é a fértil discussão acerca da Identidade e das diferenças culturais entabulada especialmente pelos Estudos Culturais e Literários, especificamente a partir da categoria conceitual da nacionalidade. Norteada pelo conceito de Alegoria proposto por Fredric Jameson, para quem tal conceito se aplica principalmente à análise dos textos literários do capitalismo tardio, tentou-se desnudar as estratégias usadas na composição de Belém do Grão-Pará1 para narrar a complexidade da identidade nacional inscrita no Inconsciente Político. Admitindo que a Alegoria, para Jameson, é o próprio objeto cultural e estético cuja constituição e disposição dos elementos estruturais narra, às vezes em foro íntimo ou privado das personagens, a História das sociedades, segundo a experiência político-ideológica de suas classes. Tomados estes pressupostos, fez-se a análise do romance dalcidiano considerando-se a migração do protagonista como alegoria do cruzamento entre diferentes culturas, fato social gerador de uma hipotética diluição da identidade. Contudo, apoiado num paralelo traçado entre o contato do ribeirinho com o modus vivendi da cidade e a reação antropofágica do modernismo brasileiro frente ao modus vivendi civilizado da Europa, este trabalho nega a idéia de que o cruzamento de fronteiras culturais implique no fim da nacionalidade. Em linhas gerais tratamos de um conceito de Identidade fundado na experiência coletiva de indivíduos que, apesar de grandes diferenças de classe social, gênero ou etnia, construíram-se sob ideologias comuns. Nesta análise de Belém do Grão-Pará, cenas urbanas como ir ao cinema ou ver passar o trem são resignificadas pelo protagonista com base nas referências que trouxe de Cachoeira do Arari, seu lugar de origem, enquanto este também passa por uma revisão segundo o novo paradigma urbano que o protagonista vive em Belém.
Abstract: This work admits the allegory concept presented by Fredric Jameson as Possibility for reading speech of the history through Brazilian poetic speech, especially the Dalcidio Jurandirs novel, Belém do Grão-Pará. The beginning of the twentieth century is read through circumstances lived by the protagonist Alfredo, starting from his move from Cachoeira do Arari to Belém. Using the Marxist dialectic premises, little by little we analyzed the meaning of anthropophagi as sort of decisive political attitude to rupture with the idea of Brazilian culture submission front to the external cultures, specifically Europes. The new dimension given to the European vanguard in cultural and esthetic Brazilian means, as well the intellectual argument between the revolutionary sections of the national art and the academic eighteenth century tradition, were essentials to the statement of a very peculiar place to Brazilian literature in Latin-American and global context, especially. Alfredo's migration, central character in the play, from country-side to the city although he finds out a Belém ruined because of the economical climax of rubber exploitation, its read, allegorically as kind of crossing between the cosmopolitan way of national elites and the cultural roots which popular sections of the country-side are linked. Instruments of this historical debate between the elites and the people, were in the movies and newspapers, also mentioned by the novel. In a glance on post-modernity and the appearance of global society, under the tutelage of cultural industry, It insists on the possibility of a Brazilian national identity despite of strong differences among areas, social classes and ethnic.
Keywords: Identidade
História
Nacionalidade
Literatura brasileira
Jurandir, Dalcídio, 1909-1979
Escritores paraenses
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: ESTUDOS LITERÁRIOS
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LITERATURA BRASILEIRA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Letras e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Letras
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Letras (Mestrado) - PPGL/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_IdentidadeHistoriaBelem.pdf726,59 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons