Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/1772
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 25-Aug-2006
metadata.dc.creator: ARAÚJO, Marcus de Souza
metadata.dc.description.affiliation: UNAMA - Universidade da Amazônia
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, Walkyria Alydia Grahl Passos Magno e
Title: Leitura e gêneros textuais em livros didáticos de língua inglesa do Ensino Médio
Other Titles: Reading and text genre on English textbooks on High School level
Citation: ARAÚJO, Marcus de Souza. Leitura e gêneros textuais em livros didáticos de língua inglesa do ensino médio. 2006. 158 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Centro de Letras e Artes, Curso de Letras, Belém, 2006. Programa de Pós-Graduação em Letras.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa, apoiada em uma abordagem de gêneros textuais, teve como objetivo analisar a questão das atividades de compreensão escrita nos livros didáticos de Língua Inglesa do Ensino Médio. Para tanto, buscou verificar se as atividades de leitura procuram trabalhar o gênero de uma maneira comunicativa. Para isso, examinamos os gêneros, os tipos de atividades e os tipos de perguntas de compreensão escrita presentes em dois livros didáticos. Além disso, o presente estudo objetivou investigar em que medida as estratégias de leitura foram trabalhadas, explícita ou implicitamente, como um instrumento que facilita a construção de sentidos dos textos. A metodologia de pesquisa adotada foi a descrição focalizada (Larsen-Freeman e Long, 1991) que buscou selecionar dois livros didáticos constituídos em volume único, publicados em 2004 e trabalhados em escolas particulares na cidade de Belém. Este estudo fundamentou-se nos construtos teóricos sobre gênero textual (Bakhtin [1952-53] 2003; Swales, 1990,1992 e 1998; Marcuschi, 2002, 2003, 2004 e 2005; Ramos, 2004 e outros), sobre o ensino de leitura em língua inglesa (Dias, 2002, 2005; Grabe e Stoller, 2001, 2002; Koda, 2005 e outros) e sobre o livro didático de língua inglesa (Day e Park, 2005; Garinger, 2001; Souza, 1999 e outros). Além disso, retomamos as orientações relacionadas ao ensino de leitura em língua inglesa provenientes dos Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio para a Língua Estrangeira (PCNEM-LE, 2000, 2002 e 2004). Os resultados mostraram que os livros didáticos não favorecem as atividades para a construção de sentidos na compreensão escrita de uma forma comunicativa, além de não tomar os gêneros como objetos de ensino. A construção dos sentidos é de fato escamoteada pela tradução (ou cópia) de informações do texto. Os resultados da análise evidenciam, ainda, o uso implícito das estratégias de leitura, sem uma conscientização que favoreça a busca de informação de forma mais crítica e significativa para a aprendizagem do aluno. Esses resultados têm implicações pedagógicas, principalmente porque urge a criação de espaço no cenário educacional brasileiro para que se repense e se reflita sobre o uso do livro didático no contexto de ensino e aprendizagem de Língua Inglesa como língua estrangeira.
Abstract: This study is aimed at analyzing the question of written comprehension activities from the perspective of the approach of genre on English textbooks on High School level. Therefore, it intends to discuss the ways in which reading activities work genre in a communicative way. For this, we examine genres, the types of activities and types of written comprehension questions present in two textbooks. Futhermore, it is focused on investigating to what extent the reading strategies have been worked, explicit or implicitly, as a tool that facilitates the construction of meanings from the texts. The research methodology underlying this study was based on a focused description (Larsen-Freeman & Long, 1991) that selected two textbooks in a single volume. These English books were published in 2004 and used in private schools in Belem. This research was based on the theoretical framework of genre (Bakhtin [1952-53] 2003; Swales, 1990, 1992 and 1998; Marcuschi, 2002, 2003, 2004 and 2005; Ramos, 2004 and others); on the teaching of English reading (Dias, 2002 , 2005; Grabe & Stoller, 2001, 2002; Koda, 2005 among others) and on the use of the English textbooks (Day & Park, 2005; Garinger, 2001; Souza, 1999 and others). In addition, this study has its basis on the National Curriculum Parameters for the teaching of reading in a foreign language on High School level (PCNEM-LE, 2000, 2002, 2004). It is also verified that textbooks do not favor the activities in a communicative way for the construction of meaning in written comprehension, and besides the textbooks do not take genres as teaching tools. This construction is conjured by translation (or copy) of information of the text. The data analysis results still show the implicit use of reading strategies, without an awareness that favors the search of more critical and significant ways to help student?s learning. These results have pedagogical implications especially because it urges the opening for new spaces in the Brazilian educational scenario. This way, the use of these textbooks can be redefined and reflected in the teaching and learning of English as a foreign language.
Keywords: Língua inglesa
Leitura
Livro didático
Gênero textual
Ensino
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUAS ESTRANGEIRAS MODERNAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Letras e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Letras
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Letras (Mestrado) - PPGL/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_LeituraGenerosTextuais.pdf1,59 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons