Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/1982
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 29-Dec-2008
Authors: NUNES, Kariane Mendes
First Advisor: SILVA JÚNIOR, José Otávio Carréra
Title: Caracterização química e físico-química e estudos preliminares de planejamento da formulação fitoterápica semi-sólida contendo tintura de Calendula officinalis L.
Sponsor: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: NUNES, Kariane Mendes. Caracterização química e físico-química e estudos preliminares de planejamento da formulação fitoterápica semi-sólida contendo tintura de Calendula officinalis L. 2008. 141 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Saúde, Belém, 2008. Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas.
Resumo: A fitoterapia constitui uma forma de terapia medicinal que vem crescendo visivelmente ao longo dos anos, no entanto, apesar da extensa utilização dos fitoterápicos, a qualidade destes medicamentos muitas vezes é deficiente e questionável. Dentre as plantas medicinais mais empregadas como fitoterápicos, temos a Calendula officinalis L.(Asteraceae), utilizada pelos seus efeitos antiinflamatórios, antisépticos e cicatrizantes. Sendo assim, o presente estudo objetivou aprimorar e consolidar o emprego de metodologias de tecnologia farmacêutica na área de desenvolvimento de fitoterápicos, por meio da realização de estudos preliminares do planejamento/pré-formulação de uma formulação fitoterápica semi-sólida contendo tintura de C. officinalis L., visando o controle de qualidade das etapas do seu desenvolvimento. Na caracterização física e físico-química do pó e da tintura de calêndula foi possível obter especificações farmacognósticas condizentes com as da literatura, além de constatar a identidade do material vegetal através da detecção do marcador químico rutina por CCD. Por meio da validação do método, que apresentou parâmetros recomendados pela legislação vigente, foram determinados 463 μg/mL de rutina na tintura. Os espectros obtidos na região do infravermelho (IV) mostraram bandas características da rutina no extrato liofilizado, além de demonstrar a permanência dessas bandas após sua mistura com os excipientes da formulação. As técnicas termoanalíticas confirmaram a compatibilidade entre os excipientes e o extrato liofilizado de calêndula. Na avaliação da estabilidade preliminar do gel, a formulação permaneceu estável durante a realização dos ciclos em estufa (45 2 0C) e temperatura ambiente (25 2 0C). No estudo preliminar da permeação, o gel apresentou tendência para favorecer a permeação dos flavonóides totais expresso em rutina para a fase receptora. Estes resultados demonstram a importância do emprego de protocolos de controle de qualidade das matérias primas vegetais, além do estabelecimento de metodologias tecnológicas para a produção de fitoterápicos.
Abstract: The phytotherapy is a form of medicinal therapy that has been grown noticeably over the years, however, despite the broad use of phytomedicines, the quality of these drugs is often poor and questionable. Among the several medicinal plants used as herbal medicine, the Calendula officinalis L. is known for its anti-inflammatory, antiseptic and healing effects. Thus, this present study aimed to enhance and consolidate the use of methods of pharmaceutical technology in the development of phytotherapeutic agents, through the completion of preliminary studies of the planning of a semi-solid formulation phytotherapic containing tincture of Calendula officinalis L., for the quality control of the stages of their development. In the physical characterization and physical chemistry of the dust and tincture of calendula were obtained farmacognóstics specifications consistent with the literature, and to establish the identity of the plant material through the detection of the chemical marker rutin by Thin-Layer Chromatography (TLC). Through the validation of the method, that presented parameters recommended by existing legislation, was given 463 μg/mL of rutin in tincture. The infrared (IR) spectra showed characteristics of rutin in the lyophilised extract, in addition to demonstrate the permanence of these bands after mixing with the excipients of the formulation. The thermoanalytic techniques confirmed the compatibility between the excipients and lyophilisate of calendula extract. In the preliminary assessment of the stability of the gel formulation remained stable during the cycles in greenhouse (45 ± 2 0C) and temperature (25 ± 2 0C). In the preliminary study of the gel, permeation tended to favor the permeation of total flavonoids as rutin for receiving phase. These results demonstrate the importance of employment of protocols for quality control of raw materials plant, besides the establishment of technological methods for the production of phytotherapic.
Keywords: Calendula officinalis L.
Rutina
Fitoterapia
Controle de qualidade
Planejamento
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA::FARMACOTECNIA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
Appears in Collections:Dissertações em Ciências Farmacêuticas (Mestrado) - PPGCF/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_CaracterizacaoQuimicaFisico.pdf1,6 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons