Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/2156
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Issue Date: Aug-2009
metadata.dc.creator: VASCONCELOS NETO, Aécio de Borba
TOURINHO, Emmanuel Zagury
Title: Usos do conceito de eventos privados à luz de proposições pragmatistas
Citation: BORBA, Aécio; TOURINHO, Emmanuel Zagury. Usos do conceito de eventos privados à luz de proposições pragmatistas. Estudos de Psicologia (Natal), Natal, v. 14, n. 2, p. 89-96, ago. 2009. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/epsic/v14n2/a01v14n2.pdf>. Acesso em: 03 maio 2011. <http://dx.doi.org/10.1590/S1413-294X2009000200001>.
metadata.dc.description.resumo: O conceito de eventos privados tem sido apontado na literatura da Análise do Comportamento como central para a abordagem de fenômenos relativos à subjetividade, no contexto de uma adesão à instrumentalidade como critério de verdade. Este trabalho discute os usos do conceito de eventos privados a partir de questões levantadas pelo pragmatismo, filosofia com a qual aquele critério de verdade tem sido consistentemente identificado. É examinado em particular o enfoque relacional verbal na análise de conceitos relativos à privacidade, e como esse enfoque se reflete em uma rejeição do mentalismo e do organicismo. O trabalho segue discutindo a importância da comunidade verbal na produção do “mundo privado” individual. Por fim, ressalta-se que alguns autores afastam-se de uma referência funcional/instrumental ao elaborarem o problema da imprecisão de auto-descrições de eventos privados.
Abstract: Uses of the concept of private events from the standpoint of pragmatist assumptions. The concept of private events has been used in behavior-analytic literature as a major topic to the treatment phenomena related to subjectivity, in the context of adopting instrumentality as a criterion of truth. This paper aims to discuss uses of the concept of private events from the standpoint of Pragmatism, a philosophy in which that criterion of truth has been consistently identified. It is particularly examined the focus on verbal relations in the analysis of contents related to privacy, and also how that focus reflects a rejection on mentalism and organicism. The paper continues to discuss the importance of the verbal community in the production of an individual “inside world”. In the end, the paper points out that some authors depart from functionalist/instrumentalist reference when working on the problem of imprecision of private events.
Keywords: Behaviorismo
Análise do comportamento
Comportamento
Eventos privados
ISSN: 1413-294X
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - FAPSI/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_UsosConceitoEventos.pdf539,26 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons