Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/3056
Tipo: Dissertação
Data do documento: 3-Abr-2008
Autor(es): CAMPELO, Simone Rodrigues
Primeiro(a) Orientador(a): SALGADO, Claudio Guedes
Título: Modulação imunológica in vitro de células de Langerhans e macrófagos por drogas utilizadas no manejo de reações hansênicas
Agência de fomento: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citar como: CAMPELO, Simone Rodrigues. Modulação imunológica in vitro de células de Langerhans e macrófagos por drogas utilizadas no manejo de reações hansênicas. 2008. 64 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2008. Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular.
Resumo: As células de Langerhans (CLs) estão localizadas na epiderme e desempenham um papel chave na indução da resposta imune e da tolerância imunológica. Os macrófagos são células fagocíticas que atuam como primeira linha de defesa do organismo, e que estão envolvidos na formação de granulomas em pacientes com hanseníase. A imunopatogenia da resposta celular nos estados reacionais ainda é pouco estudada, porém, diversas evidências sugerem que as drogas prednisona, talidomida, ciclosporina e amitriptilina, utilizadas no controle das reações hansênicas, exercem seus efeitos pela modulação das funções de diferentes células imunocompetentes. O objetivo do presente estudo foi analisar a ação in vitro das drogas prednisona, talidomida, ciclosporina e amitriptilina sobre a produção de citocinas por CLs e macrófagos de camundongos BALB/c. As CLs foram isoladas, purificadas e cultivadas a partir da epiderme pela técnica de “panning” e os macrófagos foram isolados da cavidade peritoneal de camundongos BALB/c. Após 36 h de tratamento com as drogas, os níveis de TNF-, IL-12 e IL-10 foram medidos por ELISA. Prednisona, talidomida, ciclosporina e amitriptilina inibiram os níveis de TNF- produzidos pelas CLs, em ambas as concentrações, no entanto, não foi detectada alteração significativa na produção de IL-12. A produção de TNF- e de IL-12 por macrófagos peritoneais também foi diminuída após o tratamento, porém os níveis de IL-10 não foram modificados por nenhuma das drogas testadas. Nossos resultados mostram que estas drogas podem modular a resposta imune através da regulação das citocinas pró-inflamatórias TNF- e IL-12 por CLs purificadas da epiderme e por macrófagos peritoneais, indicando que as citocinas constituem importante alvo de drogas usadas no tratamento dos estados reacionais.
Abstract: Langerhans cells (LCs) are localized in the epidermis and performs a key role in the induction of immune response and immunologic tolerance. Macrophages are phagocytic cells that act as first line of defense of the organism, and they are involved in the granuloma formation in patients with leprosy. The immunopathogeny of the cellular response in the reactional states is yet little studied, however, several evidences suggest that the drugs prednisone, thalidomide, cyclosporine and amitriptyline, used in the control of leprosy reactions, perform their effects by the modulation of different immunocompetent cells functions. The objective of the present study was to analyze in vitro action of prednisone, thalidomide, cyclosporine and amitriptyline on the cytokine production by LCs and macrophages of BALB/c mice. LCs were isolated, purified and cultivated from the epidermis by the panning technique and macrophages were isolated by the peritoneal cavity of BALB/c mice. After 36 h of treatment with the drugs, the levels of TNF-, IL-12 and IL-10 were measured by ELISA. Prednisone, thalidomide, cyclosporine and amitriptyline inhibited TNF- produced by LCs, in both concentrations, however no important alterations in IL-12 production were detected. TNF- and IL-12 production by macrophages was also decreased after treatment, but IL-10 levels were not modified for none of the drugs tested. Our results show that these drugs can modulate the immune response by the regulation of pro-inflammatory cytokines TNF- and IL-12 by purified epidermal LCs and peritoneal macrophages, indicating that they constitute an important target for the drugs used in treatment of leprosy reactional states.
Palavras-chave: Células de Langerhans
Macrófagos peritoneais
Sistema imunológico
Hanseníase
Citocinas
Doenças infecciosas
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA::IMUNOLOGIA CELULAR
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Instituto de Ciências Biológicas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Aparece nas coleções:Dissertações em Neurociências e Biologia Celular (Mestrado) - PPGNBC/ICB

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_ModulacaoImunologicaInvitro.pdf466,14 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons