Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3245
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Dec-2006
Authors: GUERRA, Denis de Jesus Lima
LEMOS, Vanda Porpino
ANGÉLICA, Rômulo Simões
AIROLDI, Claudio
Title: Influência do método de síntese no processo de pilarização com titânio de uma esmectita da região amazônica
Other Titles: Influence of the synthesis method on the process of pillarization of smectite from the amazonic region with titanium
Citation: GUERRA, D. L. et al. Influência do método de síntese no processo de pilarização com titânio de uma esmectita da região amazônica. Cerâmica, São Paulo, v. 52, n. 324, p. 232-239, out./dez. 2006. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ce/v52n324/02.pdf>. Acesso em: 27 nov. 2012. <http://dx.doi.org/10.1590/S0366-69132006000400003>.
Resumo: Amostras de argila esmectítica provenientes do município de Serra Madureira no Estado do Acre foram utilizadas no processo de pilarização. As matrizes natural e pilarizada foram caracterizadas por difração de raios X, espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier, análises térmicas diferencial e gravimétrica, microscopia eletrônica de varredura, espectroscopia de raios X por energia dispersiva e análise textural. As soluções pilarizantes de titânio, Ti(OC2H5)4 e TiCl4, foram analisadas por espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier. O íon intercalante foi obtido através da reação química entre as soluções de Ti(OC2H5)4 e HCl na proporção aproximada de HCl/Ti=1 e soluções de TiCl4 em reação com etanol com relação Ti/argila= 25 mmol Ti/g. A intercalação da notronita foi efetuada utilizando-se de dois métodos: com a solução de acido clorídrico incorporada paulatinamente na solução de etóxido de titânio, e utilizando o cloreto de titânio em solução de etanol, com vigorosa agitação a 25 ºC durante 3 h e com calcinação a 450 ºC e 600 ºC. Os resultados de difração de raios X do processo de pilarização mostraram alterações no espaçamento basal de 15,30 Å para 18,76 Å, e na área de superfície específica de 44,37 m2/g para 188,72 m2/g. A estabilidade térmica da argila natural foi otimizada com o processo de pilarização.
Abstract: Smectite clays of the State of Acre, Brazil, were used for the pillarization process. The natural and pillarized matrices were characterized by X-ray diffraction, Fourier transform infrared spectroscopy (FTIR), thermal analysis, scanning electron microscopy, energy dispersive spectroscopy and textural analysis. The titanium pillarized solutions Ti(OC2H5)4 and TiCl4 were analyzed by FTIR. The intercalation ion was obtained by reacting Ti(OC2H5)4 with HCl (HCl/Ti ~ 1) and TiCl4 with ethanol (Ti/clay ~ 25 mmol Ti/g). The notronite intercalation was carried out using two methods: with dropwise hydrochloric acid in titanium ethoxide solution, and using titanium tetrachloride, kept under vigorous stirring at 25 °C for 3 h and calcination at 450 °C and 600 °C. The X-ray diffraction results of the pillarization process show an increase (15.30 Å to 18.76 Å) in the basal spacing of the natural clay and in the specific surface area (44.37 m2/g to 188.72 m2/g) The thermal stability of the natural clay was improved by the pillarization procedure.
Keywords: Titânio-argila pilarizada
Intercalação
Esmectita
Serra Madureira - AC
Acre - Estado
Amazônia brasileira
ISSN: 0366-6913
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_InfluenciaMetodoSintese.pdf823,7 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons