Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3711
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Aug-2010
Authors: BERTO, Silvia Justina Papini
CARVALHAES, Maria Antonieta Barros Leite
MOURA, Erly Catarina de
Title: Tabagismo associado a outros fatores comportamentais de risco de doenças e agravos crônicos não transmissíveis
Other Titles: Smoking associated with other behavioral risk factors for chronic non-communicable diseases
Citation: BERTO, Silvia Justina Papini; CARVALHAES, Maria Antonieta Barros Leite; MOURA, Erly Catarina de. Tabagismo associado a outros fatores comportamentais de risco de doenças e agravos crônicos não transmissíveis. Cadernos de Saúde Pública, v. 26, n. 8, p. 1573-1582, ago. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/csp/v26n8/11.pdf>. Acesso em: 19 abr. 2013. <http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2010000800011>.
Resumo: Foram entrevistados via ligação telefônica 1.410 indivíduos, amostra aleatória e representativa da população acima de 18 anos residente em domicílios conectados à rede de telefonia fixa. A prevalência de tabagismo foi de 21,8%, maior em homens (25%) e em indivíduos na faixa entre 18 e 29 anos. Tabagismo e sedentarismo juntos ocorrem em 13,9% dos homens e 14,2% das mulheres; tabagismo e baixo consumo de frutas em 12,9% dos homens e 12,3% das mulheres; e tabagismo e baixo consumo de legumes em 5,8% dos homens e 5,1% das mulheres. A associação de tabagismo e consumo excessivo de álcool foi observada apenas nos homens (em 3,5% deles) e, da mesma forma que verificada para tabagismo isoladamente, sua ocorrência concomitante a outros fatores comportamentais de risco de doenças e agravos crônicos não transmissíveis (DANT) associou-se inversamente à escolaridade. Os dados apontam indícios de efeito de aglomeração entre tabagismo e sedentarismo, tabagismo e álcool em excesso, tabagismo e dieta inadequada, justificando intervenções focadas na prevenção e redução concomitante dos principais fatores comportamentais de risco de DANT.
Abstract: The study interviewed 1,410 adults by telephone. Respondents comprised a random sample and represented the population over 18 years of age living in households with landline telephone services. Smoking prevalence was 21.8%, higher in males (25%) and in the 18-29 year bracket. Smoking and sedentary lifestyle occurred together in 13.9% of males and 14.2% of females; smoking and low fruit consumption in 12.9% of males and 12.3% of females; and smoking and low vegetable consumption in 5.8% of males and 5.1% of females. An association between smoking and excessive alcohol intake was only observed in males (3.5%). As observed for smoking alone, the simultaneous occurrence of smoking and other behavioral risk factors for CNCD was inversely associated with schooling. Evidence of clustering between smoking and sedentary lifestyle, smoking and excessive alcohol intake, and smoking and improper diet thus calls for interventions focused on prevention and the concomitant reduction of major behavioral risk factors.
Keywords: Tabagismo
Estilo de vida sedentário
Hábito alimentar
Fatores de risco
ISSN: 1678-4464
0102-311X
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - FANUT/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_TabagismoAssociadoFatores.pdf114,83 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons