Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4314
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Feb-2011
Authors: SAWADA, Leila
PINHEIRO, Andréia Cristina Costa
LOCKS, Daiane
PIMENTA, Adriana do Socorro Coelho
REZENDE, Priscila Rocha de
CRESPO, Deborah Maia
CRESCENTE, Jose Angelo Barletta
LEMOS, José Alexandre Rodrigues de
OLIVEIRA FILHO, Aldemir Branco de
Title: Distribution of hepatitis C virus genotypes among different exposure categories in the State of Pará, Brazilian Amazon
Other Titles: Distribuição dos genótipos do vírus da hepatite C em diferentes categorias de exposição no Estado do Pará, Amazônia Brasileira
Citation: SAWADA, Leila, et al. Distribution of hepatitis C virus genotypes among different exposure categories in the State of Pará, Brazilian Amazon. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, Uberaba, MG, v. 44, n. 1, p. 8-12, jan./fev. 2011. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rsbmt/v44n1/03.pdf>. Acesso em: 30 set. 2013. <http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822011000100003>.
Resumo: INTRODUÇÃO: Estudos epidemiológicos sobre a distribuição genotípica do HCV na Amazônia Brasileira são escassos. Baseado nisto, determinamos o padrão de distribuição genotípica do HCV em diferentes categorias de exposição no Estado do Pará, Amazônia Brasileira. MÉTODOS: Estudo transversal foi realizado com 312 indivíduos infectados pelo HCV, pertencentes a diferentes categorias de exposição atendidas pelo HEMOPA, CENPREN e uma clínica privada de hemodiálise em Belém. Eles foram testados quanto à presença de anticorpos anti-HCV por teste imunoenzimático, RNA-HCV utilizando PCR em tempo real e genotipados através de análise filogenética da 5' UTR. Os grupos de populações foram caracterizados epidemiologicamente de acordo com dados coletados em breve entrevista ou consulta de prontuários médicos. RESULTADOS: Em todas as diferentes categorias de exposição ao HCV, foram encontrados predomínio do genótipo 1. A distribuição genotípica do HCV em doadores de sangue (BD) foi constituída pelos genótipos 1 (94%) e 3 (6%). Todos os pacientes com doenças hematológicas crônicas (PCHD) possuíam genótipo 1. A distribuição genotípica em usuários de drogas ilícitas (DU) foi constituída pelos genótipos 1 (59,6%) e 3 (40,4%). Em pacientes em hemodiálise (PUH) foram detectados os genótipos 1 (90,1%), 2 (3,3%) e 3 (6,6%). Finalmente, a frequência entre os genótipos 1 e 3 foi significativamente diferente entre os grupos: BD e DU, PUH e DU, PUH e PCHD, e PCHD e DU. CONCLUSÕES: A frequência genotípica e distribuição de HCV em diferentes categorias de exposição no Estado do Pará mostraram predominância do genótipo 1, independentemente do possível risco de infecção.
Abstract: INTRODUCTION: Epidemiological studies concerning HCV genotypic distribution in the Brazilian Amazon are scarce. Thus, this study determined the patterns of distribution of HCV genotypes among different exposure categories in the State of Pará, Brazilian Amazon. METHODS: A cross-sectional study was conducted on 312 HCV-infected individuals belonging to different categories of exposure, who were attended at the HEMOPA, CENPREN and a private hemodialysis clinic in Belém. They were tested for HCV antibodies using an immunoenzymatic test, RNA-HCV, using real-time PCR and HCV genotyping through phylogenetic analysis of the 5' UTR. The population groups were epidemiologically characterized according to data collected in a brief interview or medical consultation. RESULTS: Genotype 1 predominated in all the different categories of HCV exposure. HCV genotypic distribution among blood donors comprised genotypes 1 (94%) and 3 (6%). All patients with chronic hematologic diseases had HCV genotype 1. The genotypic distribution in illicit-drug users comprised genotypes 1 (59.6%) and 3 (40.4%). In patients under hemodialysis, genotypes 1 (90.1%), 2 (3.3%), and 3 (6.6%) were detected. Finally, the frequency of genotypes 1 and 3 was significantly different between the groups: BD and DU, PUH and DU, PUH and PCHD and PCHD and DU. CONCLUSIONS: The genotypic frequency and distribution of HCV in different categories of exposure in the State of Pará showed a predominance of genotype 1, regardless of the possible risk of infection.
Keywords: Hepacivirus
Genótipo
Grupo de risco
Pará - Estado
Amazônia brasileira
Hepatite C
ISSN: 1678-9849
0037-8682
Appears in Collections:Artigos Científicos - ICB
Artigos Científicos - NMT
Artigos Científicos - FACIN/CBREVE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_DistributionHepatitisC.pdf803,29 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons