Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4936
Compartilhar:
Type: Tese
Issue Date: 2009
Authors: NOBRE, Angélica Homobono
First Advisor: BELTRÃO, Jane Felipe
Title: Atravessando fronteiras: viagem rumo à saúde tradicional
Citation: NOBRE, Angélica Homobono. Atravessando fronteiras: viagem rumo à saúde tradicional. 2009. 195 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2009. Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais.
Resumo: Esta tese possui como tema o estudo da saúde tradicional, traz a proposta de pesquisar os saberes e práticas dos profissionais de saúde tradicional que utilizam técnicas corporais para tratar perturbações e desconfortos restabelecendo a saúde aos atendidos. Trabalho de campo foi realizado no distrito de Icoaraci na cidade de Belém e na localidade de Chipaiá, no município de Cachoeira do Arari, o qual faz parte do arquipélago do Marajó. Apresenta como objeto de estudo a construção social da prática do profissional de saúde tradicional, como elemento mágico-simbólico e social de saúde nas regiões trabalhadas. Foram selecionados oito profissionais de saúde tradicionais, quatro em cada localidade. Por meio de observações e entrevistas abertas o estudo busca aprofundar a medida curativa conhecida como “puxação”, prática pertencente ao Sistema Tradicional de Ação para a Saúde (STAS), discutindo as concepções que dizem respeito a crenças, mitos e representações simbólicas utilizadas para a construção do saber tradicional; a forma que são realizados os ritos e como tais práticas levam à construção social do profissional de saúde tradicional; as concepções de saúde e doença na concepção do STAS; e a relação das práticas de cura com o sistema social. A análise também aborda a inter-relação dos ritos: puxação da mãe-do-corpo e puxação de barriga-cheia como exemplos de práticas singulares do STAS, sua importância na atenção à saúde da mulher e reflexo gerado no Sistema Ocidental de Ação para Saúde (SOAS).
Abstract: The work aims at traditional health and proposes the research of knowledge and practice of traditional healthcare practitioners who apply body techniques to heal those who seek help. Conducted in two separate locations – Icoaraci District in Belém Metropolitan Area and in Chipaiá village in Cachoeira do Arari municipality in Marajó Island, both in the Brazilian Amazon – study explores the social construction of traditional healthcare practices as symbolic-magic and social element. Research methods involved observation and open interviews of/with eight different practitioners, four in each location, to understand and deepen knowledge on a popular massage practice named “puxação” which belongs to the Traditional Healthcare System (STAS). Study discusses concepts of creed, myth and symbolic representation in traditional knowledge; the way rituals are conducted and how such practices contribute to the social construction of traditional health practitioners; concepts of health and disease according to STAS understanding; the relationship between healing practices and the social system. Analysis also presents the interrelation between two different rituals Alma Mater massage in Portuguese, “puxação-da-mãe-do-corpo“ and Pregnant Massage “puxação de barriga-cheia” unique STAS practices, their importance for women´s health as well as their influence on the Western Healthcare System (SOAS).
Keywords: Medicina tradicional
Antropologia médica
Benzedeiras
Icoaraci - PA
Cachoeira do Arari - PA
Ilha de Marajó - PA
Belém - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Teses em Ciências Sociais (Doutorado) - PPGCS/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_AtravessandoFronteirasViagem.pdf1,86 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons