Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6212
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMIRANDA, Diogo Silva Miranda de-
dc.date.accessioned2015-01-15T15:18:04Z-
dc.date.available2015-01-15T15:18:04Z-
dc.date.issued2014-03-17-
dc.identifier.citationMIRANDA, Diogo Silva Miranda de. Palafitas Digitais: comunicação, convergência cultural e relações de poder em Afuá. 2014. 120 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Letras e Comunicação, Belém, 2014. Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Cultura e Amazônia.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6212-
dc.description.abstractThis research aims to analyze the communication issues in the Amazon. To do this, I try to understand the social uses that individuals do of different technologies involved in the process. And I also try to understand the power relations that are established at scene. For this exercise, I‟m using Jesús Martín-Barbero‟s (2004) theoretical and methodological aspects, which identifies the mapping like a more open and rigorous perspective of study. This aspects allows the researcher to experience the dynamics of the object. This experience was the key to grasping the reality that must be experienced to finally be understood. In analyzing this contemporary setting, I also seek support in the work of Henry Jenkins (2012) to understand that culture is changing and the different information and communication technologies (ICTs) are organizing to provide individuals an experience unlike interaction society. However, one thing must keep in mind that not all participate in the same manner. Here, Michell Foucault (1996, 2008) help to understand the analytical issues of power in society, how manifest disputes in small stocks and how individuals perform small forms of domination. From these questions we can say that Amazon has a multifaceted context, where the differences are inscribed in each part of its territory. Afua is an example of the complexity that exists in the region. Located at the Marajo‟s archipelago, in the brasilian Amazon, the "Venice of Marajó" (as the city is called by its residents) has its streets, houses and high buildings on stilts that support the entire city on the rivers. In this particular place, the web became popular a few years ago by the signal of mobile phones and provided a new scenario of interaction among its residents. But their success is strongly linked to the importance that the radios have the articulation of social relations that community. So we can see how each form of use of ICTs is linked to experiences that take place in society. In this sense, thinking of communication in the Amazon is an exercise that requires looking at the communicative nature of social events (FRANÇA, 2001). These developments reflect specific contexts, that particularize the place where they happen. It is these contexts that enable the particular practices of appropriation and the different uses of social media. They make the experience of individuals a unique and singular event and that allow us to understand the extent of the communication process that goes beyond simple social interaction.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectComunicaçãopt_BR
dc.subjectConvergência culturalpt_BR
dc.subjectInternetpt_BR
dc.subjectRede socialpt_BR
dc.subjectIlha de Marajó - PApt_BR
dc.subjectAfuá - PApt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titlePalafitas Digitais: comunicação, convergência cultural e relações de poder em Afuápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentInstituto de Letras e Comunicação-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::TEORIA DA COMUNICACAO-
dc.contributor.advisor1NEVES, Ivânia dos Santos-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2648132192179863-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3412954744981250-
dc.description.resumoO presente trabalho tem por objetivo analisar as questões de comunicação na Amazônia. Para isso, procuro discutir os usos sociais que os sujeitos atribuem às diferentes tecnologias envolvidas nesse processo e as relações de poder que se estabelecem nesse ambiente. Para tal exercício, entre os diferentes teóricos que subsidiam essa pesquisa, parto da proposta teórico-metodológica de Jesús Martín-Barbero (2004), que identifica na cartografia uma perspectiva de estudo mais aberta e rigorosa e que possibilita ao pesquisador experienciar as dinâmicas do objeto. Essa vivência seria a chave para apreender a materialidade social, que necessita ser experienciada para, enfim, ser analisada. E, para observar esse cenário contemporâneo, também busco apoio na obra de Henry Jenkins (2012) a fim de entender que a cultura está passando por transformações e as diferentes Tecnologias da Comunicação e Informação (TICs) estão se articulando e proporcionando aos indivíduos uma experiência diferente de interação em sociedade. Contudo, é preciso ter em vista que nem todos participam da mesma forma e, nesse sentido, Michell Foucault (1996; 2008) dá suporte a essa investigação para compreender as questões analíticas do poder em sociedade, a maneira como se manifestam as disputas em pequenas ações e como os indivíduos exercem pequenas formas de dominação entre si. A partir dessas questões é possível afirmar que a Amazônia apresenta um contexto multifacetado, onde as diferenças se inscrevem em cada parte de seu território. Afuá é um exemplo da complexidade que existe na região. Localizada no extremo norte do Arquipélago de Marajó, na Amazônia paraense, a “Veneza do Marajó” (como a cidade é chamada pelos seus moradores) tem suas ruas, casas e construções elevadas sobre palafitas que sustentam a cidade inteira sobre o leito dos rios. Neste lugar particular, a web se popularizou há poucos anos pelo sinal da telefonia móvel e proporcionou um novo cenário de interação entre os seus moradores. Mas é preciso destacar que seu sucesso está fortemente atrelado à importância que as rádios possuem no estabelecimento das relações sociais dessa comunidade. Por esse fenômeno é possível perceber como cada forma de uso das TICs está ligada as experiências que se estabelecem em sociedade. Nesse sentido, pensar a comunicação na Amazônia é um exercício que exige olhar a “natureza comunicativa” dos fenômenos sociais (FRANÇA, 2001), sem perder de vista que esses acontecimentos (FRANÇA, 2012) traduzem contextos específicos, que particularizam o lugar onde se realizam. São esses contextos que possibilitam as práticas de apropriação e os usos sociais diferentes das mídias que estão à disposição dos sujeitos, que tornam a experiência dos indivíduos um acontecimento único e singular e que permitem compreender a amplitude do processo comunicativo, que vai além da simples interação social.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Comunicação, Cultura e Amazônia-
Appears in Collections:Dissertações em Comunicação, Cultura e Amazônia (Mestrado) - PPGCOM/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_PalafitasDigitaisComunicacao.pdf7,28 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons