Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6315
Tipo: Artigo de Periódico
Data do documento: 2011
Autor(es): GUIMARÃES, Diva Anelie de Araújo
GARCIA, Sylvia Cristina Garcia de
LE PENDU, Yvonnick
ALBUQUERQUE, Natália Inagaki de
Afiliação do(s) Autor(es): GUIMARÃES, D. A. A.; GARCIA, S. C. G. Universidade Federal do Pará
Título: Determinação do ciclo estral em catetos Pecari tajacu: aspectos colpocitológicos e clínicos
Título(s) alternativo(s): Determination of the estrous cycle in collared peccary Pecari tajacu: colpocytological and clinical aspects
Citar como: GUIMARAES, Diva Anelie de Araujo et al. Determinação do ciclo estral em catetos Pecari tajacu: aspectos colpocitológicos e clínicos. Acta Amazonica, Manaus, v. 41, n. 4, p. 583-588, 2011. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672011000400016. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6315. Acesso em:.
Resumo: Este trabalho teve por objetivo estudar o ciclo estral do cateto, aplicando a colpocitologia como método diagnóstico. As amostras da citologia vaginal foram coletadas em dez fêmeas adultas, durante três vezes na semana, por seis meses. Verificou-se que a duração média do ciclo estral para esta espécie foi de 28,45 ± 5,45 dias. Observou-se diferença estatística (p<0,01) em relação à frequência dos diferentes tipos celulares na mesma fase do ciclo estral. No proestro foi verificado o aumento de células intermediárias e superficiais. A fase de estro caracterizou-se pela elevação significativa de células superficiais em relação aos demais tipos celulares e pela ausência de leucócitos. Durante este período, a genitália externa estava hiperêmica, edemaciada e com muco. No metaestro houve um decréscimo de células superficiais, quando comparado com o proestro e com o estro, e uma elevação significativa de células intermediárias, presença de leucócitos, de células de metaestro e de foam. Na fase de diestro, houve um aumento de células intermediárias, e um decréscimo no número de leucócitos. Conclui-se que, por meio da colpocitologia, é possível diferenciar as fases do ciclo estral em catetos.
Abstract: The main objective of this work was to study the estrous cycle of collared peccary by vaginal cytology. Samples were collected in 10 adult females, three times a week, for six months. The estrous cycle period for this specie was 28.45 ± 5.45 days. We observed a significant difference (p<0.01) between the cell types in the same phase of the oestrous cycle. During the proestrus phase, the exfoliative cytology arrangement showed high frequency of intermediate and superficial cells. The estrus phase had elevated rates of superficial cells, when compared to the other types, and an absence of leukocytes. During this phase, the external genitalia were reddish, tumescent; and the cervical mucus was evident. In the metaestrus phase, we observed a decrease of superficial cells, as well as the highest indices of intermediate cells, an increase of leukocytes and the presence of metestrus and foam cells. In the diestrus phase, the intermediate cells increased and leukocytes decreased. In conclusion, the present study suggests that it is possible to differentiate the phase of estrous cycle by vaginal cytology.
Palavras-chave: Citologia vaginal
Reprodução
Pecari tajacu
Tayassuidae
Amazônia
Vaginal cytology
Reproduction
Título do Periódico: Acta Amazonica
ISSN: 1809-4392
País: Brasil
Sigla da Instituição: INPA
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Fonte URI: http://ref.scielo.org/p3nrhj
Identificador DOI: https://doi.org/10.1590/S0044-59672011000400016
Aparece nas coleções:Artigos Científicos - ICB

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo_DeterminacaoCicloEstral.pdf1,51 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons