Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6425
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Sep-2013
Authors: TÁVORA, Vladimir de Araújo
NOGUEIRA NETO, Ignácio de Loiola Alvares
MACIEL, Lidiane Medeiros
Title: Geologia e paleontologia do biohermito da Formação Pirabas (Mioceno Inferior)
Other Titles: Geology and paleontology of the reef facies of the Pirabas Formation (Early Miocene)
Citation: TÁVORA, Vladimir de Araújo; NOGUEIRA NETO, Ignácio de Loiola Alvares; MACIEL, Lidiane Medeiros. Geologia e paleontologia do biohermito da Formação Pirabas (Mioceno Inferior). Geologia USP. Série Científica, São Paulo, v. 13, n. 3, p. 23-40, set. 2013. Disponível em: <http://ppegeo.igc.usp.br/pdf/guspsc/v13n3/a03v13n3.pdf>. Acesso em: 11 mar. 2015. <http://dx.doi.org/10.5327/Z1519-874X201300030004>.
Resumo: O presente trabalho compreende o estudo geológico e paleontológico detalhado da litofácies recifal da Formação Pirabas, Estado do Pará, aflorante na Praia do Maçarico, município de Salinópolis, como um corpo pequeno, isolado e lenticular, que deve ter se desenvolvido na rampa interna da plataforma do Mar de Pirabas. O conteúdo biótico é rico e variado, composto por três grupos de algas coralíneas, poríferos, corais, briozoários, equinoides, foraminíferos, ostracodes, e moluscos. Foram reconhecidos neste recife em mancha três estágios de sucessão ecológica, estabilização, colonização e diversificação, onde as finas crostas micríticas reconhecidas na parte superior do estágio diversificação indicam degradação das condições ambientais favoráveis à acreção recifal, provavelmente devido a continentalização do sítio deposicional. O exame petrográfico revelou apenas uma microfácies deposicional, biomicrito, sem consideráveis variações texturais e composicionais. A cimentação marinha é predominante, representada por massas microcristalinas e cimentos micríticos, localmente neomorfisados para bioesparito, e detritos carbonáticos advindos do fluxo biogênico inconsolidado, resultantes principalmente da dispersão de cristais de aragonita dos fragmentos algálicos, acumulados sob a forma de lama micrítica. Para a gênese da bioconstrução as algas foram fundamentais na consolidação e modelagem do arcabouço, principalmente as macroalgas vermelhas, decisivas para a proteção e cimentação dos demais organismos.
Abstract: This work concerns with the detailed geological and paleontological study of the reef facies of the Pirabas Formation, that outcrop at the Maçarico beach, of Salinópolis district, Pará State, as a small, isolated and lenticular sedimentary bodie developed in the inner platform inner ramp of the Pirabas Sea. The biotic constituents are diverse and composed by three groups of coralline algae, sponges, corals, bryozoans, echinoids, foraminifera, ostracodes and molluscs. Three stages of the ecologic sucession were recognized in this patch reef: stabilization, colonization and diversification. Thin micritic crusts, recognized at top of the beds in diversification stage suggest the degradation of the environmental conditions favorable to reef accretion probably due to continentalization of the depositional site. The petrographic investigation reveals only one, homogeneous depositional microfacies, named biomicrite, without compositional and textural changes. The marine cementation is represented by microcrystalline agglomerates and micritic cement, locally neomorphosed to biosparite and detrital carbonatic components of the unconsolidated biogenic debris, resulted from the disintegration of the aragonite from the algalic remains accumulated as micritic mud. In the construction of the reef framework the red macroalgae were fundamental to the lithification and building of the framework, and very important to the protection and cementation of the others constituents.
Keywords: Paleontologia
Biohermito
Mioceno Inferior
Formação Pirabas
Salinópolis - PA
Pará - Estado
Amazônia Brasileira
ISSN: 1519-874X
Appears in Collections:Artigos Científicos - IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_GeologiaPaleontologiaBiohermito.pdf17.11 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons