Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6659
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: 2010
Authors: ARAÚJO, Sônia Maria da Silva
Title: Educação republicana sob a ótica de José Veríssimo
Other Titles: Republican Education under the optics of José Veríssimo
Citation: ARAÚJO, Sônia Maria da Silva. Educação republicana sob a ótica de José Veríssimo. Educar em Revista, Curitiba, n. spe 2, p. 303-318, 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/er/nspe2/19.pdf>. Acesso em: 11 maio 2015. <http://dx.doi.org/10.1590/S0104-40602010000500019>.
Resumo: Este artigo vincula-se aos estudos sobre o pensamento educacional no Brasil. Abordamos as interpretações de José Veríssimo sobre os problemas nacionais da educação brasileira no final do século XIX e início do século XX. Nossa intenção é apresentar e analisar estas interpretações, realizadas na Primeira República. José Veríssimo nasceu em Óbidos, no Pará, em 1857, e faleceu no Rio de Janeiro, em 1916, passando parte de sua vida intelectual no Pará e parte na capital da República, onde fundou e participou ativamente da Academia Brasileira de Letras (ABL) e da Revista Brasileira. O autor foi estudioso importante nas discussões sobre as consequências do colonialismo português e as tentativas frustradas de uma política republicana de educação no Brasil. Para José Veríssimo, a educação pública deveria estrategicamente superar as degenerescências raciais, especialmente localizadas nos sertões do Brasil, promovidas pela colonização. Os "Brasis" que sociologicamente constituíam o território nacional àquela época são pensados por Veríssimo como um entrave a ser superado pela República para a inserção do País na ordem moderna que, para ele, significava civilização. Mas esta civilização almejada se efetivaria, na sua perspectiva, na medida em que todos os brasileiros fossem incluídos em um projeto de unidade nacional.
Abstract: This article associates the studies about educational thought in Brazil. We approach the interpretations of José Veríssimo on the national problems of the Brazilian education in the end of the 19th century and beginning of the 20th century. Our intention is to present and analyze these interpretations, carried through in the First Republic. José Veríssimo was born in Óbidos, Pará, in 1857, and died in Rio de Janeiro, in 1916. He spent part of his intellectual life in Pará and another part in the capital of the Republic, where he established and participated actively in the Brazilian Academy of Letters (ABL) and in the Brazilian Magazine (Revista Brasileira). The author was an important studious man in the discussions on the consequences of the Portuguese colonialism and the frustrated attempts to have some republican politics of education in Brazil. For José Veríssimo, the public education would have strategically overcome the racial degenerations promoted by the settling in Brazilian backlands. The "Brazis" that sociologically made the domestic territory to that time are thought by Veríssimo as an impediment to be overcome by the Republic for the insertion of the Country in the modern order that for him meant civilization. But this so called civilization would be effective under his perspective, as all the Brazilians were included in a project of national unit.
Keywords: Educação
Veríssimo, José, 1857-1916 - Crítica e interpretação
Brasil republicano
Pará - Estado
Amazônia brasileira
ISSN: 0104-4060
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - ICED

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_EducacaoRepublicanaOtica.pdf389,46 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons