Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/7235
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorARAUJO, Zilah Therezinha de Souza-
dc.date.accessioned2017-01-06T15:59:35Z-
dc.date.available2017-01-06T15:59:35Z-
dc.date.issued2015-03-26-
dc.identifier.citationARAUJO, Zilah Therezinha de Souza. Processo participativo da mulher na cadeia produtiva do mexilhão Mytella charruana (D’orbgny, 1846) na comunidade Vila Nova, Bragança-PA. 2015. 88 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Estudos Costeiros, Bragança, 2015. Programa de Pós-Graduação em Biologia Ambiental.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7235-
dc.description.abstractThe study of the sexual division of the Mytella Charruana productive chain from Vila –nova, Bragança-PA, was developed on Juner 2013 to February, 2014. Aiming to analyze women’s participation and appreciation in those activities. For this, we have chosen two categories for analysis: traditional community and the work’s sexual division. Presenting the productive chain of Mitilídeo Mytella charruana. With Own resources, we followed the qualitative method presenting ten families that selected because they used to organize the mollusk’s extraction activities in the same area. As an methodological instrument the snow ball technique, to identify the leaders and the formation of the sample group; the interview ,the questionnaire and the informal talk, the participative observation, and picture registers.The investigation resulted in the following of identification of men and women in the productive chain: the collection data, the extraction process and the Mytella charruana’s commercialization. Concluding that from the moment it started to be introduced and sold in market, men became responsible for the collection, and responsible for the first and final step of the mollusk extraction. And that women are responsible for the space prepping to the products’ arriving after the extraction of it, the cleaning of each product, the rescues’ collect process after selection, of the review process of extraction of each shell to extract possible content of mass, adding to daily domestic activities. Whereas women’s work, the strict hygienic treatment of Mytella charuana, is considered the big deal when dealing with regional costumers, the valorization goes to man. The investigation also showed the excessive exploration of the natural resources that need normatization and extra hand careful dealing with it, to avoid damages in the environment.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectBiologia ambientalpt_BR
dc.subjectMexilhãopt_BR
dc.subjectMytella charruanapt_BR
dc.subjectComunidades tradicionaispt_BR
dc.subjectExtrativismo animalpt_BR
dc.subjectMulheres no desenvolvimentopt_BR
dc.subjectRecursos naturaispt_BR
dc.subjectConservação animalpt_BR
dc.subjectBragança - PApt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.titleProcesso participativo da mulher na cadeia produtiva do mexilhão Mytella charruana (D’orbgny, 1846) na comunidade Vila Nova, Bragança-PApt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Estudos Costeirospt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOLOGIA GERALpt_BR
dc.contributor.advisor1SIQUEIRA, Deis Elucy-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8347270681208567pt_BR
dc.contributor.advisor-co1SILVA, Iracely Rodrigues da-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5393264898435715pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9980325429878093pt_BR
dc.description.resumoO estudo da divisão sexual do trabalho na cadeia produtiva do mexilhão Mytella charruana em Vila Nova, Bragança – PA foi desenvolvido no período de julho de 2013 a fevereiro de 2014 a janeiro de 2014, com o principal objetivo de analisar a participação e a valorização da mulher nas atividades desse processo. Para tal optou-se por duas categorias de análise: comunidade tradicional e divisão sexual do trabalho, tendo como fundo a cadeia produtiva do mexilhão Mytella charruana. A pesquisa seguiu os princípios do método qualitativo, tendo como amostra dez famílias, que foram selecionadas em função de organizarem as atividades de extração do molusco num mesmo local. Usou-se como instrumento metodológico a técnica efeito bola de neve, para identificação das lideranças e formação do grupo amostral; a entrevista, o questionário, a conversa informal, a observação participativa, além de registros fotográficos. A investigação resultou na identificação do trabalho da mulher e do homem na cadeia produtiva: coleta, catação e comercialização do mexilhão Mytella charruana, concluindo-se que a partir do momento que o produto começou a ser inserido no mercado, o homem ficou responsável pela coleta, pela fase inicial e final da catação e pela comercialização do molusco, cabendo a mulher o preparo do espaço para o recebimento do produto após a coleta, a limpeza de cada molusco, a catação de resíduos depois da primeira peneiragem, da organização da catação revisada de cada concha para retirada de possível massa retida, somando às atividades domésticas cotidianas. Embora o trabalho da mulher, a higienização rigorosa no trato do mexilhão seja considerado o diferencial para a preferência dos compradores da região, a maior valorização é dado ao trabalho do homem, considerado o mantenedor da casa. Foram avaliadas as diferenças no comprimento da concha de M. charruana entre os meses estudados, onde houve diferenças significativas entre janeiro e fevereiro (p < 0,05). A investigação apontou para indícios de exploração desordenada desse recurso natural, que precisa de normatização e cuidados para o manejo, a fim de assegurar a manutenção do estoque.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Biologia Ambientalpt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Biologia Ambiental (Mestrado) - PPBA/IECOS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ProcessoParticipativoMulher.pdf2,36 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons