Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8072
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Aug-2006
Authors: SIMONIAN, Ligia Terezinha Lopes
Title: Pescadoras de camarão: gênero, mobilização e sustentabilidade na ilha Trambioca, Barcarena, Pará
Other Titles: Shrimp fishing wonen: gender, mobilization and sustainability on the Trambioca island, Barcarena, Pará
Citation: SIMONIAN, Ligia Terezinha Lopes. Pescadoras de camarão: gênero, mobilização e sustentabilidade na ilha Trambioca, Barcarena, Pará. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas, Belém, v. 1, n. 2, p. 35-52, mai./ago. 2006. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-81222006000200004&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 04 abr. 2017. <http://dx.doi.org/10.1590/S1981-81222006000200004>.
Resumo: A partir deste artigo discute-se a relação entre gênero, mobilizações sociais e sustentabilidade no contexto da ilha Trambioca, município de Barcarena, Pará, especialmente quanto à experiência das pescadoras de camarão (Macrobrachium amazonicum). A pesquisa foi orientada pela metodologia antropológica do trabalho de campo e pela produção fotográfica, mas foram igualmente incorporadas estratégias que permitiram a produção de dados para uma análise quanto à economia política. Fundamentalmente, a mesma revelou uma experiência em que as mulheres pescadoras acabam sendo o destaque na produção de camarão nessa ilha, participando de todo o processo de produção, beneficiamento e comercialização. Em face à crise ambiental e econômica globalizada, tais pescadoras propõem a criação de camarão, com o que esperam aumentar a renda. Entretanto, nesse processo organizativo, elas percebem que os limites são muitos e que precisam de financiamento, capacitação e tecnologia voltadas para a criação de camarão. Conseqüentemente, muitas implicações apresentam-se para a sustentabilidade, em especial se a possibilidade de uma economia diferenciada for levada em consideração.
Abstract: Through this paper the relations between gender, social mobilizations and sustainability in the context of the Trambioca Island - Barcarena, Para, Brazil -, specially regarding the shrimp (Macrobrachium amazonicum) fisherwomen. The research was oriented by the anthropological methodology of fieldwork and by the photographic production, but strategies were incorporated in a way to allow data production to do an analysis towards the political economy. Fundamentally, it revealed an experience in which fisherwomen end being the highlight in the shrimp production in this Island, who participate in the entire process of production, of transformation of the raw material and of commercialization. In spite of the globalized environmental and economic crisis, such fisherwomen are proposing the raising of shrimp, through which they intend to raise the income. However, in such an organizational process, they perceive that the limits are many and that they need training and technology linked to the raising of shrimp and financing. Consequently, the implications to sustainability appear as many, in special if a possibility of a differentiated economy is to be taken into consideration.
Keywords: Pescadores
Camarão
Ilha Trambioca
Mobilidade social
Sustentabilidade
Produção de camarão
Barcarena - PA
Pará - Estado
metadata.dc.relation.ispartof: Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas
ISSN: 1981-8122
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Appears in Collections:Artigos Científicos - NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_PescadoresCamaraoGenero.pdf970.75 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons