Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/8216
Tipo: Dissertação
Data do documento: 6-Ago-2013
Autor(es): OLIVEIRA, Jucilene Belo de
Primeiro(a) Orientador(a): NAHUM, João Santos
Título: Território e políticas de ação afirmativa para remanescentes quilombolas na Amazônia: programa Raízes e Pará Quilombola nas comunidades de Itacoã-Miri e Guajará-Miri
Citar como: OLIVEIRA, Jucilene Belo de. Território e políticas de ação afirmativa para remanescentes quilombolas na Amazônia: programa Raízes e Pará Quilombola nas comunidades de Itacoã-Miri e Guajará-Miri. 2013. 116 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
Resumo: Esta dissertação tem como objetivo mostrar por que os programas Raízes e Pará Quilombola não conseguem concretizar seus objetivos diante das comunidades remanescentes de quilombo do estado do Pará no que tange a esfera socioeconômica. Buscou-se este propósito através da comparação e análise da atuação destes dois programas, a partir de 2000, dentro da comunidade Filhos de Zumbi, focalizando os projetos produtivos inseridos na mesma. Esta dissertação se estrutura em 4 capítulos: No 1º capítulo apresenta-se a base teórico-metodológica que contou com a discussão de conceitos chaves como comunidades remanescentes quilombola, políticas de ação afirmativa, território e ordenamento territorial, também foram utilizadas entrevistas semi-estruturadas na comunidade Filhos de Zumbi, na CEPPIR e no IDESP. O 2º capítulo traça os caminhos do processo de titulação de terras quilombolas no estado, estreitando a discussão à formação de seus quilombos, aos do Baixo Acará e da comunidade Filhos de Zumbi. O 3º capítulo enfatiza a origem do programa Raízes e Pará Quilombola suas caracterizações, obstáculos e analise das ações, principalmente, na esfera dos projetos produtivos. O 4º capítulo mostra a atuação destes dois programas na comunidade remanescente Filhos de Zumbi.
Abstract: This thesisaims to show that the programs Raízes and Pará Quilombola from realizing their goals before the remaining of quilombo communities of the state of Pará regarding the socioeconomic sphere. We attempted to this point by comparing and analyzing the performance of these two programs, since 2000, within the community Filhos de Zumbi, focusing on productive projects entered in the same. This thesisis divided into four chapters: In the 1st chapter presents the theoretical and methodological basis which included discussion of key concepts such as remaining of quilombo communities, affirmative action policies, territory and territorial, were also used semi-structured interviews in Filhos de Zumbi community in CEPPIR and IDESP. The 2nd chapter traces the paths of the process of land titling Maroons in the state, narrowing the discussion to the formation quilombos of state, to the Baixo Acará quilombos and community Filhos de Zumbi. The 3rd chapter emphasizes the origin of the program Raízes and Pará Quilombola his characterizations, analysis of obstacles and actions, especially in the realm of productive projects. The 4th chapter shows the performance of these two programs in the community remaining Filhos de Zumbi.
Palavras-chave: Quilombolas
Programas de ação afirmativa
Programa Raízes
Programa Pará Quilombola
Comunidade Itacoã-Miri
Comunidade Guajará-Miri
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Geografia
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Aparece nas coleções:Dissertações em Geografia (Mestrado) - PPGEO/IFCH

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_TerritorioPoliticasAcao.pdf5,12 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons