Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8479
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Investigação soroepidemiológica para brucelose e leptospirose em equideos de tração e seus tratadores nos municípios de Belém e Ananindeua - Pará
metadata.dc.creator: SANTOS, Wilson Rogerio Rodrigues dos
metadata.dc.contributor.advisor1: DIAS, Hilma Lúcia Tavares
metadata.dc.description.resumo: O objetivo do trabalho foi a detecção de anticorpos anti - Brucella abortus e anti – Leptospira interrogans em soros de eqüídeos e seus tratadores nos bairros das cidades de Belém e Ananindeua, abrangendo os meses de abril a agosto de 2005, utilizando para este fim, 195 soros sanguíneos de eqüídeos e 70 soros sanguíneos de homens que manipulavam os animais direta ou indiretamente. Para a pesquisa de animais sororeagentes à B. abortus, foram usadas as provas do Antígeno Acidificado Tamponado (AAT) como teste de triagem e a Soro Aglutinação Lenta em Tubos (SAL) e o teste do 2-Mercaptoetanol (2-ME), como teste confirmatórios. Para a Leptospirose, foi utilizada a prova de Soroaglutinação Microscópica (SAM), sendo realizada a triagem dos soros frente à 25 sorovares de L. interrogans, considerando-se positivos aquelas amostras com titulação igual ou maior que 100. De 195 amostras de soros sanguíneos de eqüídeos, 184 (94,87%) foram positivas para todos os sorovares analisados, sendo que os mais frequentemente encontrados foram: Patoc, Automnalis, Ictehaemohragiae, Pyrogenes e Bratislava. Para as amostras sanguíneas de homens, a positividade foi de 49 (70%) de soros reagentes, com os sorovares Patoc, Ictehaemohragiae, Bratislava, Butembo, Copenhageni e Automnalis os mais detectados. Das amostras positivas de animais e seus respectivos tratadores, 47/70 (67,14%) foram semelhantes para os mesmos sorovares de Leptospira spp., sendo que 2/70 (2,86%) amostras foram negativas em ambos os grupos pesquisados, 2/70 (2,86%) foram somente positivas em homens e 19/70 (27,14%) foram exclusivamente positivas nas amostras de soros de eqüídeos. Os bairros do Coqueiro, Guamá, 40 horas, Barreiro e Bengui apresentaram a maior percentagem de casos soropositivos. Não houve diferença significativa em relação às outras variantes estudadas, como: idade (animal e homem), tempo de serviço (animal e homem), espécie do animal, escore corporal do animal e grau de instrução do homem. Tanto nos animais quanto nos homens não foram detectadas reações positivas para B. abortus.
Abstract: The objective of the work was the detention of antibodies anti - Brucella abortus and anti - Leptospira interrogans in serum of equines and equine workers of the quarters of the cities of Belém and Ananindeua, enclosing the months from April to August of 2005, using for this end, 195 sanguineous serum of eqquines and 70 sanguineous serum of men that manipulated the animals direct or indirectly. For the research of reagents serum of animals to B. abortus, the tests used had been Antigen Acidified Test (AAT), as a selection test, and slow seroagglutination (SAL) and and the 2-mercaptoetanol (2-ME) as confirmatory tests. To Leptospirosis, the test used was of microscopical seroagglutination being carried through the selection of the serum front to the 25 serovars of L. interrogans, considering positive those samples with titulation equal or bigger that 100. Of 195 samples of equine sanguineous serum, 184 (94.87%) had been positive for all serovars analyzed, being that more frequent found: Patoc, Automnalis, Ictehaemohragiae, Pyrogenes and Bratislava. For the sanguineous samples of men, the positivity was of 49 (70%) of reacting serum, with the most detected serovars: Patoc, Ictehaemohragiae, Bratislava, Butembo, Copenhageni and Automnalis. Of the positive samples of equine and its respective workers, 47/70 (67.14%) were similar for same serovars of Leptospira spp., being that 2/70 (2.86%) samples had been negative in both the searched groups, 2/70 (2.86%) were only positive in humans and 19/70 (27.14%) were exclusively positive in the samples of equine serum. The quarters of Coqueiro, Guamá, 40 horas, Barreiro and Bengui had presented the biggest percentage of positive cases serum. It did not have significant difference in relation to the other studied variants, as: climate, age (animal and man), time of service (animal and man), species of the animal, props up corporal of the animal and degree of instruction of the man. As much in the animals how much in the men positive reactions for B. abortus had not been detected.
Sponsor: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Keywords: Anticorpos
Brucella abortus
Leptospira interrogans
Brucelose em animais
Leptospirose em animais
Infecção por Leptospira spp.
Teste imunoenzimático
Equino
Diagnóstico veterinário
Doenças em animais
Medicina veterinária
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::MEDICINA VETERINARIA PREVENTIVA::SAUDE ANIMAL (PROGRAMAS SANITARIOS)
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Universidade Federal Rural da Amazônia
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
EMBRAPA
UFRA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
Citation: SANTOS, Wilson Rogerio Rodrigues dos. Investigação soroepidemiológica para brucelose e leptospirose em equideos de tração e seus tratadores nos municípios de Belém e Ananindeua - Pará. 2007. 67 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2007. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8479
Issue Date: 18-Jun-2007
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/NCADR

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_InvestigacaoSoroepidemiologicaBrucelose.pdf301.05 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Admin Tools