Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8532
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 5-Oct-2015
Authors: AMADOR, Aldenora Perrone
First Advisor: SOUZA FILHO, Erasmo Borges de
Title: A geometria das pinturas corporais e o ensino da geometria: um estudo da escola indígena Warara-Awa Assuriní, Tucuruí, PA
Citation: AMADOR, Aldenora Perrone. A geometria das pinturas corporais e o ensino da geometria: um estudo da escola indígena Warara-Awa Assuriní, Tucuruí, PA. 2015. 96 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Educação Matemática e Científica, Belém, 2015. Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas.
Resumo: Este trabalho de pesquisa é um estudo sobre os aspectos geométricos da pintura corporal Assuriní e o seu uso no ensino da geometria, na Escola Indígena Warara awa Assuriní, da Aldeia Trocará, em Tucuruí, Pará, a partir da prática pedagógica de duas professoras indígenas da própria aldeia. A pesquisa foi feita em duas turmas do ensino fundamental menor nas aulas de geometria com a intenção de verificar-se a interseção entre o conhecimento matemático e o indígena e também nas aulas de conhecimento tradicional, um dos momentos em que é desenvolvida a pintura corporal. O interesse pelo tema se deu a partir da minha experiência profissional de junho de 2006 até agosto de 2011 na Secretaria Municipal de Educação do Município de Tucuruí, ao ter contato com a Educação Escolar Indígena. A pesquisa está apoiada nas concepções de D’Ambrosio (1990; 1997; 2002; 2011); Vergani (2007); Gerdes (1992); Sebastiani Ferreira (1993; 1994) e Almeida (2010). Considerando-se a pintura corporal como um dos importantes aspectos simbólicos da cultura Assuriní, e nessa relação, os determinantes culturais da geometria das pinturas, como esses elementos são considerados nas aulas de matemática, em particular no ensino da geometria, no ensino fundamental menor, por ser a porta de entrada da criança na escola. A partir das práticas pedagógicas das professoras indígenas na escola, fez-se com base na Etnomatemática, uma reflexão sobre o ensino da geometria e a geometria das pinturas corporais. Ao fazer-se um estudo comparativo das práticas das professoras, observou-se dois percursos didáticos, um que valoriza e utiliza os aspectos da cultura indígena, e outras que dissocia no ensino esses aspectos. Nesse sentido, o estudo aponta possibilidades de ensino da geometria escolar a partir da geometria das pinturas, por ser este um dos importantes aspectos simbólicos da cultura Assuriní, e no Ensino Fundamental Menor por ser a porta de entrada da criança indígena na Escola. Isso implica na ressignificação das aulas de geometria, com a valorização da história cultura indígena dessa etnia, favorecendo a contextualização dos saberes indígenas no ensino da Matemática, assim como em articulação com as outras áreas de conhecimento.
Abstract: This research is a study on the geometric aspects of Assuriní body painting and its use in geometry teaching, in Indigenous School Warara awa Assuriní, the Trocará Village in Tucuruí, Pará, from the pedagogical practice of two indigenous teachers of their own village. The survey was conducted in two groups of lower elementary school in geometry lessons with the intention to verify the intersection between mathematical knowledge and indigenous and traditional knowledge also in classes, one of the times when the body painting is developed. Interest in the subject was given from my professional experience from June 2006 until August 2011 at the Municipal Office of the City of Tucuruí Education, have contact with the Indigenous Education. The research is supported by the views of D'Ambrosio (1990; 1997; 2002; 2011); Vergani (2007); Gerdes (1992); Sebastiani Ferreira (1993, 1994) and Almeida (2010). Considering the body painting as an important symbolic aspects of Assuriní culture, and in this respect, the cultural determinants of the geometry of the paintings, as these elements are considered in math classes, particularly in the teaching of geometry in the lower elementary school, to be the child's gateway to the school. From the pedagogical practices of indigenous teachers at the school, was made based on Ethnomathematics, a reflection on the teaching of geometry and the geometry of the body painting. By doing a comparative study of the practices of the teachers, there are two educational paths, one that values and uses aspects of indigenous culture, and others that dissociates in teaching these aspects. In this sense, the study points out of school geometry teaching opportunities from the geometry of the paintings, because this is an important symbolic aspects of Assuriní culture, and in Elementary Education Minor for being indigenous child's gateway to the School. This implies the redefinition of geometry classes, with the appreciation of the history indigenous culture of this ethnic group, favoring the context of indigenous knowledge in the teaching of mathematics, as well as in conjunction with other areas of knowledge.
Keywords: Matemática
Desenho geométrico
Pintura corporal
Cultura indígena
Etnomatemática
Geometria
Estudo e ensino
Aspectos geométricos
Educação em matemática
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::MATEMATICA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Educação Matemática e Científica
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas
Appears in Collections:Dissertações em Educação em Ciências e Matemáticas (Mestrado) - PPGECM/IEMCI

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_GeometriaPinturasCorporais.pdf3.03 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons