Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8860
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 18-Jun-2014
Authors: OLIVEIRA, Robson Cardoso de
First Advisor: CANCELA, Cristina Donza
Title: “Égua”, é a hora do intervalo na tv: marcadores sociais da diferença, consumidores/as e publicidade produzida em Belém do Pará
Sponsor: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: OLIVEIRA, Robson Cardoso de. Égua, é a hora do intervalo na tv: marcadores sociais da diferença, consumidores/as e publicidade produzida em Belém do Pará. 2014. 230 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2014. Programa de Pós-Graduação em Antropologia.
Resumo: Esta dissertação “nasce” com uma missão: investigar sobre a recepção de marcadores sociais da diferença entre consumidores/as da publicidade produzida na cidade de Belém do Pará, no intuito de observar como são recebidos e (re) significados as categorias de Gênero e Sexualidade no momento em que assistíamos ao horário comercial. Contudo, outros marcadores sociais da diferença como Classe, Cor/Raça e Geração foram acionados pelos/as interlocutores/as, nas conversas, e, consequentemente, problematizados nesta pesquisa. Além disso, discussões em torno de publicidade e consumo também ganharam o devido destaque como uma consequência da própria força dos discursos dos/as consumidores/as. Como resultado, percebi que os marcadores sociais da diferença estavam sendo operados, nas narrativas, de modo interseccionado (ou articulados), dentre essas, as mais ativadas nesse tangenciamento foram às categorias de Gênero, Cor/Raça e Classe, compreendidas por discursos como: homem, negro e pobre; e mulher, branca e rica. O “jogo” entre o real e o “mágico” mundo dos anúncios (Rocha 1990), também fora comentado pelos/as interlocutores/as, visualizando a publicidade muito mais próxima de idealizações do real, ao invés de mostrar realidades na hora do intervalo na TV.
Abstract: This dissertation is "born" with a mission: to investigate on the receipt of social markers of the difference between the advertising consumers produced in the city of Belém, Pará, in order to observe how the categories of Gender and Sexuality are received and (re) signified at the moment we watch the interval time in TV. However, other social markers of difference as Class, Color/Race and Generation were added by consumers in conversations, and consequently were problematized in this study. In addition, discussions about advertising and consumption also gained prominence as a consequence of the very strength of the consumers’ speeches. As a result, I realized that social markers of difference were being operated in the narratives in an intersected (or articulated) mode, among these, the most active in this tangency were the Gender, Color/Race and Class categories, comprised by speeches as: black and poor male; and white and rich woman. The "game" between the real and the "magical" world of ads (Rocha 1990), also commented out by consumers, viewing the advertising much closer to real idealizations, instead of showing the realities at the interval time in TV.
Keywords: Antropologia
Classe social
Consumidores - Aspectos sociais
Publicidade
Propaganda
Belém - PA
Pará - Estado
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em Antropologia
Appears in Collections:Dissertações em Antropologia (Mestrado) - PPGA/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EguaHoraIntervalo.pdf10,19 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons