Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6004
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorDIAZ, Rafael Paiva de Oliveira-
dc.date.accessioned2014-11-06T16:37:39Z-
dc.date.available2014-11-06T16:37:39Z-
dc.date.issued2013-03-07-
dc.identifier.citationDIAZ, Rafael Paiva de Oliveira. As populações pesqueiras e a maricultura: um olhar sobre os processos de diminuição dos recursos pesqueiros no litoral paraense - RESEX Mãe Grande de Curuçá. 2013. 99 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Ecologia Aquática e Pesca.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6004-
dc.description.abstractThis dissertation work on fish populations in the coastal Pará, from their natural relationships based on knowledge about the use of natural resources, can contribute to the implementation of successful strategies in reducing the pressure on natural resources in common use. For this work turns to the village of Lauro Sodré, located in Resex Mãe Grande de Curuçá, Curuçá County, northeastern Pará. The village of Lauro Sodré is the banks of the river Tijoca, having a vegetation composed of forests lush mangroves, which provide extraction of mangrove resources in the community , and favorable conditions for mariculture, which was established since 2006, with the creation of the Aquaculture Association of the village of Lauro Sodré (Aquavila), with the cultivation oyster. The mariculture has been used as one of the strategies adopted by the United Nations Foundation Units for Food and Agriculture (FAO), to stop the pressure on marine resources in common use worldwide. Objective of this study contribute to a reflection on how the people of the Amazonian coast, from their relationships with nature, build processes for successful or not halt the decline of fishery resources in the region. It is possible to observe how diverse and complex the scenario of the use of common resources in the Municipality of Curuçá, more specifically in the village of Lauro Sodré, the Resex Mãe Grande de Curuçá. They introduced themselves as the main difficulties for the realization of cultivation, the availability of resources in nature favoring the extraction and the lack of incentive from the state. You can see that they are intrinsic to the way of life of local residents the knowledge and techniques necessary for mariculture is consolidated as an effective strategy to curb the exploitation of marine resources in coastal Pará.pt_BR
dc.description.sponsorshipCNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectEcologia humanapt_BR
dc.subjectMariculturapt_BR
dc.subjectPopulação pesqueirapt_BR
dc.subjectVila de Lauro Sodré - PApt_BR
dc.subjectReseva Mãe Grande de Curuçá - PApt_BR
dc.subjectCuruçá - PApt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titleAs populações pesqueiras e a maricultura: um olhar sobre os processos de diminuição dos recursos pesqueiros no litoral paraense - RESEX Mãe Grande de Curuçápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências Biológicas-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA::AQUICULTURA::MARICULTURA-
dc.contributor.advisor1RAVENA CAÑETE, Voyner-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9961199993740323-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/0071623721470815-
dc.description.resumoDisserta sobre como as populações pesqueiras do litoral paraense, a partir do acesso e uso dos recursos naturais, podem contribuir para a efetivação de estratégias exitosas na diminuição da pressão sobre os recursos naturais de uso comum. Para tanto o trabalho se volta à vila de Lauro Sodré, localizada na RESEX Mãe Grande de Curuçá, município de Curuçá, litoral nordeste do Pará. A vila de Lauro Sodré se encontra às margens do rio Tijoca. Possui uma vegetação composta por florestas de manguezais exuberantes, o que proporciona à comunidade a atividade de extração de recursos do mangue, além de condições favoráveis à maricultura, que se estabeleceu a partir de 2006, com a criação da Associação dos Aquicultores da Vila de Lauro Sodré (Aquavila) para o cultivo de ostras. Para a coleta de dados o estudo contou com a observação direta em campo das atividades de maricultura, assim como fez uso de questionários com perguntas objetivas e entrevistas semiestruturadas junto aos associados, no que se refere à extração e ao cultivo das ostras. A maricultura vem sendo utilizada como uma das estratégias adotadas pela Fundação das Nações Unidades para a Agricultura e Alimentação (FAO), para frear a pressão sobre os recursos marinhos de uso comum em todo o mundo. Objetivou-se neste estudo contribuir para uma reflexão sobre como as populações do litoral amazônico, a partir de suas relações com a natureza, constroem processos produtivos exitosos ou não para frear a diminuição dos recursos pesqueiros da região. Foi possível observar o quanto é diverso e complexo o cenário da utilização dos recursos comuns no município de Curuçá, mais especificamente na vila de Lauro Sodré, na RESEX Mãe Grande de Curuçá. Apresentaram-se como principais dificuldades para a efetivação do cultivo, a disponibilidade de recursos na natureza favorecendo o extrativismo e a falta de incentivo por parte do Estado. É possível perceber que estão intrínsecos ao modo de vida dos moradores locais os saberes e técnicas indispensáveis para que a maricultura se consolide como uma estratégia eficaz para frear a exploração dos recursos marinhos no litoral paraense.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ecologia Aquática e Pesca-
Appears in Collections:Dissertações em Ecologia Aquática e Pesca (Mestrado) - PPGEAP/NEAP

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_PopulacoesPesqueirasMaricultura.pdf1,92 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons