Please use this identifier to cite or link to this item: http://10.7.2.42:8080/jspui/handle/2011/8426
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMORAIS, Eziquiel de-
dc.date.accessioned2017-05-17T13:57:56Z-
dc.date.available2017-05-17T13:57:56Z-
dc.date.issued2014-02-28-
dc.identifier.citationMORAIS, Eziquiel de. Óleo de palma na alimentação de ovinos, degradabilidade ruminal e digestibilidade aparente. 2014. 49 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2014. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8426-
dc.description.abstractThe effects of including increasing levels of palm oil on the in situ ruminal degradability parameters of nutrients, dry matter (DM), organic matter (OM), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (FDA) of elephant grass silage, and the apparent digestibility of DM, OM, CP, NDF, ADF, and ethereal extract (EE) in experimental ovine diets were studied. The following treatments were tested: including palm oil at 0, 25, 50, 75, and 100 g/kg DM of the total diet. The diets were made up of elephant grass silage and concentrate based on corn, soy meal, and mineral mix. The palm oil was mixed to the concentrate to facilitate its distribution, with a 1:1 roughage:concentrate ratio maintained with formulations that were isoproteic and isofibrous, but not isoenergetic, offered at a ratio of 1.5% of the live weight (restricted intake). No significant (P>0.05) similarities were found in the ruminal degradation variables assessed with the inclusion of up to 75 g oil/kg DM. The apparent digestibility of organic matter suffered a linear reduction, an effect contrary to what was observed for EE, whose apparent digestibility showed a linear increase. The digestibility of the other nutrients was not impacted by including palm oil in the diet, which suggests this lipid source can be used at levels above the recommendations for including free fat in ruminant diets.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.publisherEmpresa Brasileira de Pesquisa Agropecuáriapt_BR
dc.publisherUniversidade Federal Rural da Amazôniapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectOvinopt_BR
dc.subjectÓleo de palmapt_BR
dc.subjectÓleo de dendêpt_BR
dc.subjectDieta experimentalpt_BR
dc.subjectAlimento do animalpt_BR
dc.subjectComportamento ingestivo animalpt_BR
dc.subjectDigestibilidadept_BR
dc.subjectAlimentação e raçõespt_BR
dc.subjectSuplementação alimentarpt_BR
dc.subjectDendêpt_BR
dc.subjectIngestão de alimentospt_BR
dc.subjectAlimentação e raçõespt_BR
dc.subjectLipídeospt_BR
dc.subjectRuminantespt_BR
dc.subjectRuminaçãopt_BR
dc.subjectSubproduto agroindustrialpt_BR
dc.titleÓleo de palma na alimentação de ovinos, degradabilidade ruminal e digestibilidade aparentept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentCampus Universitário de Castanhalpt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.publisher.initialsEMBRAPApt_BR
dc.publisher.initialsUFRApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL::AVALIACAO DE ALIMENTOS PARA ANIMAISpt_BR
dc.contributor.advisor1SILVA, André Guimarães Maciel e-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8940750096354420pt_BR
dc.contributor.advisor-co1ÁVILA, Sandra Cristina de-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9683521652094464pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6341717122429423pt_BR
dc.description.resumoForam estudados os efeitos de inclusões crescentes de óleo de palma nos parâmetros de degradação ruminal in situ dos nutrientes, matéria seca (MS), matéria orgânica (MO), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), da silagem de capim elefante e a digestibilidade aparente da MS, MO, PB, FDN, FDA e extrato etéreo (EE) das dietas experimentais em ovinos. Foram testados os seguintes tratamentos: inclusão de óleo de palma em 0, 25, 50, 75 e 100 g/kg MS da dieta total. As dietas constituíam de silagem de capim elefante e concentrado a base de milho, farelo de soja e mistura mineral, o óleo de palma foi misturado ao concentrado para facilitar a distribuição, mantendo-se uma relação volumoso:concentrado de 1:1, formuladas para serem isoprotéicas, isofibrosas, porém não isoenergéticas oferecidas na razão de 1.5% do peso vivo (consumo restrito). Não foram observadas semelhanças significativas (P>0.05) nas variáveis de degradação ruminal avaliadas, até a inclusão de 75 g de óleo /kg MS. A matéria orgânica apresentou redução linear na digestibilidade aparente, efeito contrário ao observado para o EE que apresentou aumento linear na digestibilidade aparente, os demais nutrientes não tiveram suas digestibilidades afetadas pelas inclusões de óleo de palma à dieta, e indica que essa fonte lipídica pode ser utilizada em níveis superiores às recomendações para inclusão de gordura livre à dieta de ruminantes.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência Animalpt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/Castanhal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_OleoPalmaAlimentacao.pdf699,52 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Admin Tools