Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11166
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 3-Sep-2013
metadata.dc.creator: ARAÚJO, Naíla Arraes de
metadata.dc.contributor.advisor1: ALMEIDA, Oriana Trindade de
metadata.dc.contributor.advisor-co1: PINHEIRO, Claudio Urbano Bittencourt
metadata.dc.contributor.advisor-co2: CIVIDANES HERNANDEZ, Jose Luis
Title: Uso e composição de valor dos aterrados na baixada maranhense
Citation: ARAÚJO, Naíla Arraes de. Uso e composição de valor dos aterrados na baixada maranhense. Orientador: Oriana Trindade de Almeida. 2013. 231 f. Tese (Doutorado em Ciências do Desenvolvimento Socioambiental) - Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Universidade Federal do Pará, Belém, 2013. Disponível em:http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11166. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Na região da Baixada Maranhense, na Amazônia Legal Brasileira, mais particularmente no município de Penalva, os Aterrados são parte importante da paisagem, constituindo ambientes peculiares desta região. São ambientes inusitados em sua ocorrência e estrutura, diversos em sua composição florística, importantes em sua relação com as populações ribeirinhas regionais, por proporcionarem alimento e renda, e cruciais do ponto vista ambiental, como base de sustentação das bacias hidrográficas onde ocorrem. Esta pesquisa teve como objetivo principal o entendimento da composição de valor dos ambientes de Aterrados. Especificamente, se pretendeu utilizar o etnoconhecimento para entendimento das relações das populações com o uso e manejo da vegetação em ambientes de Aterrados e percepção de mudanças ambientais ocorridas na área de estudo; realizar levantamento florístico por meio de amostragem fitossociológica para caracterização da vegetação dos Aterrados na região do lago Formoso; levantar e analisar a cultura local relacionada às crenças em entidades encantadas que protegem os Aterrados e as consequências da perda ou manutenção dessa cultura em relação à conservação desses ambientes; valorar os principais recursos naturais com base nos valores de produção e consumo obtidos pela população com as atividades de pesca, agricultura, extrativismo da juçara e de coco babaçu, comparando os valores gerados ao longo de um ano; e conhecer a percepção dos moradores da região de entorno do lago Formoso em relação à importância de preservação ambiental e os seus conhecimentos sobre a legislação ambiental brasileira. Para atingir estes objetivos, foi utilizada uma combinação teórico-metodológica de instrumentos da ecologia e da botânica (como a fitossociologia e a etnobotânica), da economia ambiental, da antropologia e do direito ambiental, o que lhe confere caráter interdisciplinar, buscando, adicionalmente, identificar, descrever e analisar os ambientes de Aterrados na Baixada Maranhense, em sua importância ecológica, composição florística, padrões de uso, de manejo e de valor. Para valorar monetariamente os Aterrados foi utilizado o Método de Registro Econômico para Valoração Ambiental (REVA) criado para esta pesquisa. Os resultados mostram que o valor de produção médio anual das famílias com o extrativismo da juçara é de R$4.757,45, com a pesca é de R$2.916,08 e com a quebra de coco Babaçu é de R$515,41. Para tais atividades, o valor monetário dos Aterrados, ao final de um ano, para as 121 famílias da região é de, respectivamente, R$575.651,45, R$352.845,68 e R$62.364,61. A conclusão é de que a conservação dos Aterrados é fundamental para o sustento continuado das populações locais que mantêm suas atividades produtivas e de subsistência com produtos extraídos desses ambientes. A integração das comunidades às dinâmicas econômicas atuais é um dos fatores que contribuem para a degradação do meio ambiente e perda cultural. Aliado a isso, o desconhecimento sobre a legislação ambiental e inexistência de uma educação ambiental concorrem para uso dos recursos de maneira insustentável.
Abstract: In the region of low lands in the Brazilian Amazon, particularly in the city of Penalva, the Aterrados are an important part of the landscape, a unique environment of this region. Environments are unusual in its occurrence and structure, different in its floristic composition, important in its relationship with regional traditional populations. It provides food and income essential for sustaining watersheds where they occur. This research was aimed at understanding the value of Aterrados environments. We intended to use the ethnoknowledge to understand the relationships of populations with the use and management of vegetation in the Aterrados and the perception of environmental changes in the study area; phytosociological sampling floristic survey was carried on to characterize the vegetation of the region Aterrados Lake Formoso. The local culture was examine in relation to beliefs in enchanted entities that protect the Aterrados and the consequences of the loss or maintenance of this culture in relation to the conservation of these environments, valuing the main natural resources based on the income earned by the population with the activities of fishing, agriculture, extraction of palm coconut (babaçu) and açaí berry. The value was compared in a montly bases during a year period. Also it was analysed the perceptions of local residents surrounding the lake Formoso regarding the importance of environmental preservation and their knowledge about Brazilian environmental legislation. To achieve these goals, we use a combination of theoretical and methodological tools of ecology and botany (as phytosociology and ethnobotany), environmental economics, anthropology and environmental law, with as interdisciplinary strategy, seeking to identify, describe and analyze the environments Aterrados in the low lands of Maranhão State, in their ecological importance, floristic composition, usage patterns, and value management. To value monetarily Aterrados Method was used to Economic Valuation of Environmental Registry (REVA) created for this research. The results show that the average annual income of families was R$ 4.757,45 with Juçara extraction, R$ 2.916,08 with fishing activity, and R$ 515,41 the palm coconut. For such activities, the monetary value of Aterrados at the end of one year for the 121 families in the region are, respectively, R$ 575.651,45, R$ 352.845,68 and R$ 62.364,61. The conclusion is that the conservation of Aterrados is essential to the support of local people who keep their productive activities and livelihood with products taken from these environments. The integration of the dynamic current economic communities is one of the factors that contribute to environmental degradation and cultural loss. Allied to this, the lack of knowledge about environmental legislation and lack of environmental education compete for use of resources in an unsustainable manner.
Keywords: Solos - Composição
Solos - Uso
Comunidades vegetais
Mitos geográficos
Meio ambiente - Legislação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Altos Estudos Amazônicos
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Teses em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Doutorado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_UsoComposicaoValor.pdf7,98 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons