Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11202
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2-Apr-2018
metadata.dc.creator: PRESTES, Bernardo Onça
metadata.dc.contributor.advisor1: DEL PELOSO, Pedro Luiz Vieira
metadata.dc.contributor.advisor-co1: ALEIXO, Alexandre Luis Padovan
Title: Recente dispersão através do Rio Amazonas promoveu forte isolamento genético no Formigueiro-ferrugem Myrmoderus ferrugineus (Aves: Thamnophilidae)
Other Titles: Recent dispersal across the Amazon River promoted strong genetic isolation in the Ferruginous-backed Antbird Myrmoderus ferrugineus (Aves: Thamnophilidae)
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: PRESTES, Bernardo Onça. Recente dispersão através do Rio Amazonas promoveu forte isolamento genético no Formigueiro-ferrugem Myrmoderus ferrugineus (Aves: Thamnophilidae). Orientador: Pedro Peloso. 2018. 31 f. Dissertação (Mestrado em Zoologia) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2018. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11202. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Uma das hipóteses mais discutidas para explicar a origem de uma biota amazônica tão rica, é a hipótese dos "rios como barreira", referindo-se à atuação dos principais rios amazônicos como barreira promotora do isolamento e diversificação das espécies. Utilizamos abordagem de filogeografia estatística para estudar a espécie de Myrmoderus ferrugineus, espécie amazônica endêmica de florestas terra-firme com duas subespécies morfologicamente pouco diferenciadas e separadas pelo rio Amazonas (M. f. ferrugineus e M f. elutus). Usamos dados filogeográficos para abordar os cenários de diversificação em M. ferrugineus: 1) o rio Amazonas não coincide com as grandes rupturas filogeográficas que separaram as populações de M. ferrugineus; 2) o rio Amazonas está correlacionado com a antiga estruturação filogeográfica dentro de M. ferrugineus, provavelmente resultante do estabelecimento do rio durante o Plio-Pleistoceno ou antes disso; e 3) o rio Amazonas correlaciona-se com uma divergência recente entre as populações de M. ferrugineus, provavelmente devido à dispersão e isolamento recente após o estabelecimento do rio durante o Plio-Pleistoceno. Sequenciamos 2 genes mitocondriais e 2 genes nucleares de 13 indivíduos de M. f. ferrugineus e 15 indivíduos de M. f. elutus para estimar filogenias concatenadas e multilocus coalescentes temporalmente calibradas. Testamos a ocorrência de bottlenecks na população passada, fluxo gênico e flutuações no tamanho efetivo populacional em M. f. ferrugineus e M. f. elutus. Nossos resultados recuperaram com um forte apoio estatístico para monofilia entre M. f. ferrugineus e M. f. elutus, seguido de forte estruturação populacional e ausência de fluxo gênico entre as subespécies. Porém, segundo os dois métodos independentes de datação coalescente, M. f. ferrugineus e M. f. elutus divergiram entre 2,5 e 75.000 anos atrás, bem depois do estabelecimento moderno para o rio Amazonas. Nossos resultados demonstraram que até mesmo táxons de florestas de terra firme com baixas habilidades de dispersão, como os Papa-formigas, foram capazes de estabelecer populações através do rio Amazonas depois de seu curso moderno ter se estabelecido. Se esse evento foi causado por dispersão ativa ou passiva mediada por eventos de captura de drenagem permanecem por incertos, embora o segundo cenário seja mais provável, considerando os atributos ecológicos da espécie. Antecipamos que eventos importantes de captura de drenagem envolvendo o curso médio do rio Amazonas poderiam ter ocorrido entre o Pleistoceno tardio até o Holoceno recente, favorecendo o cruzamento de várias linhagens previamente isoladas em bancos de rios opostos.
Abstract: One of the most debated hypotheses to explain the origin of such a rich Amazonian biota is the "river-barrier" hypothesis, which advocates that main Amazonian rivers acted as powerful barriers promoting isolation and species diversification. Herein, we used an statistical phylogeography approach to study the Ferruginous-backed Antbird species Myrmoderus ferrugineus, an Amazonian upland terra-firme forest endemic species with two known morphologically little differentiated subspecies separated by the mid-Amazon River (M. f. ferrugineus and M. f. elutus). We used the phylogeographic data to address the following alternative scenarios of diversification for M. ferrugineus: 1) the Amazon River does not coincide with major phylogeographic breaks separating M. ferrugineus populations; 2) the Amazon River is correlated with ancient phylogeographic structure within M. ferrugineus, probably resulting from the river's establishment during the Plio-Pleistocene or before that; and 3) the Amazon River correlates with a recent divergence between M. ferrugineus populations, probably due to recent dispersal and isolation after the river's establishment during the Plio-Pleistocene. We sequenced 2 MtDNA and 2 nuclear genes from 13 individuals of M. f. ferrugineus and 15 individuals of M. f. elutus to estimate concatenated and time-calibrated coalescent multilocus phylogenies. We also tested for the occurrence of past population bottlenecks, gene flow and effective population size fluctuations in M. f. ferrugineus and M. f. elutus. Our results retrieved with strong statistical support the monophyly between M. f. ferrugineus and M. f. elutus, and pointed to a scenario of strong population structure and absence of gene flow between these subspecies. However, according to two independent coalescent dating methods, M. f. ferrugineus and M. f. elutus diverged between 2.5 and 75,000 years ago, therefore well after the modern establishment of the Amazon River. Our results demonstrate that even upland terra-firme forest taxa with low dispersal abilities such as antbirds, have been have able to establish populations across the Amazon River after its modern course became established. Whether these events were caused by active or passive dispersal mediated by drainage capture events remain to be determined, although the second scenario is more likely considering the Ferruginous-backed Antbird ecological attributes. Therefore, we anticipate that important drainage capture events involving the middle Amazon River course could have taken place between the Late Pleistocene and as recent as the Holocene, favoring the crossing of several lineages previously isolated on opposite river banks.
Keywords: Aves – Amazônia - Filogenia
Ave – Amazônia – Distribuição geográfica
Genética animal
Filogeografia - Amazônia
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GENETICA DE POPULAÇÕES
metadata.dc.subject.linhadepesquisa: FILOGEOGRAFIA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Museu Paraense Emílio Goeldi
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
MPEG
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Zoologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Zoologia (Mestrado) - PPGZOOL/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_RecenteDispersaoAtraves.pdf762,47 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons