Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11204
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorPEREIRA, Pablo Vitor Viana-
dc.date.accessioned2019-05-24T16:37:00Z-
dc.date.available2019-05-24T16:37:00Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationPEREIRA, Pablo Vitor Viana. Práticas sociais de lazer e suas relações nos espaços públicos Estação das Docas e Ver-o-Rio em Belém-Pará. Orientadora: Mirleide Chaar Bahia. 2019. 141 f. Dissertação (Mestrado em Planejamento do Desenvolvimento) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2019. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11204. Acesso em:.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11204-
dc.description.abstractThe principal goal of this study was analyze social practices of leisure and their relations in the public spaces Estação das Docas and Ver-o-Rio. Then, were analyzed governmental projects and actions in social practices of leisure and different forms surveillances in both places, to identify social practices of leisure by users and to identify the barriers and possibilities of users’ social practices of leisure. As procedure theoretical-methodological was applied the habitus concept, proposed by Bourdieu (1983) to understand the social practices of leisure in Estação das Docas and Ver-oRio. Was realized a descriptive analytical research with qualitative approach by a combination with bibliographical research, documental analysis and field research with systematic observation and semi structured interviews. Through data analysis, the two spaces prove to be representative by different historical contexts. In Complexo Turístico Estação das Docas many users can experience leisure, however with restrictions and by surveillance watched in regulations printed by “acts” by employees witch controlled the actions by users telling what is permitted or not to do locally. In other wise, new leisure’s practices can be observed been practiced with certain freedom transcending the imposed “rules”. In Complexo Turístico Ver-o-Rio although social practices occurs independently without surveillance or rules, was noticed, for example, that the lack of local security in some moments contributes to space idleness. The action plans proposed by responsible manager contributes to this, since actions and projects are directed to occur in certain period of time. In this way, when analyzing the social practices of leisure in both public spaces was possible notice some aspects of urban life besides practices that hour compete time complement each other. Then, were concluded that analyzing the social practices of leisure in Estação das Docas and Ver-o-Rio revealed acting field forces on the use in those places, but permitted identify social practices, by artifices and strategies by users to experience leisure in both public spaces.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.source1 CD-ROMpt_BR
dc.subjectLazer - Belém (PA)pt_BR
dc.subjectLazer - Aspectos sociais - Belém (PA)pt_BR
dc.subjectEspaços públicos - Aspectos sociais - Belém (PA)pt_BR
dc.subjectEstação das Docas (PA)pt_BR
dc.subjectVer-o-Rio (PA)pt_BR
dc.titlePráticas sociais de lazer e suas relações nos espaços públicos Estação das Docas e Ver-o-Rio em Belém-Parápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentNúcleo de Altos Estudos Amazônicospt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::TURISMO::SOCIOLOGIA DO LAZERpt_BR
dc.contributor.advisor1BAHIA, Mirleide Chaar-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6052323981745384pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1550483432633898pt_BR
dc.description.resumoO objetivo principal desta pesquisa foi analisar as práticas sociais de lazer e suas relações nos espaços públicos Estação das Docas e Ver-o-Rio. Para isso, buscou-se analisar os projetos e as ações governamentais voltados às práticas sociais de lazer e as formas de vigilância dos dois espaços estudados, identificar quais são as práticas sociais de lazer dos usuários nesses dois espaços e identificar os entraves e as possibilidades das práticas sociais de lazer dos usuários. Como procedimento teórico-metodológico utilizou-se o conceito de habitus, proposto por Bourdieu (1983), para entender as práticas sociais de lazer na Estação das Docas e Ver-o-Rio. Optou-se por uma pesquisa descritiva analítica, com abordagem qualitativa, por meio da combinação entre levantamento bibliográfico, análise documental e pesquisa de campo, com observação sistemática e entrevistas semiestruturada. Conforme foi observado nas análises dos dados, os dois recortes espaciais dessa pesquisa se revelam representativos, por diferentes contextos da história. Em se tratando do Complexo Turístico Estação das Docas, muitos usuários conseguem vivenciar o lazer, entretanto, de forma “regulada”, com certa vigilância, sem muita liberdade, visualizadas nas normas e regras impressas no “agir” dos funcionários, os quais utilizam de certa autoridade para dizer o que pode e o que não pode fazer no local. No entanto, novos usos acabam fazendo parte da cena e se instalando numa espécie de práticas sociais de lazer com certa liberdade, as quais imprimem pequenas transgressões ao que está imposto como norma. No Complexo Turístico Ver-o-Rio, apesar das práticas de lazer acontecerem de maneira independente, sem muitas normas, regulação e vigilância, ficou evidente, por exemplo, que a falta de segurança no local, em alguns momentos acaba contribuindo para a ociosidade no espaço. O próprio planejamento de ações do órgão responsável pelo Ver-o-Rio contribui com essa situação, já que as ações e os serviços são direcionados para ocorrerem naquele espaço em determinado horário. Desse modo, ao analisar as práticas sociais de lazer nos dois espaços públicos, foi possível ver determinados aspectos da vida urbana, além de práticas que hora competem hora se complementam. Portanto, conclui-se que analisar as práticas sociais de lazer na Estação das Docas e no Ver-o-Rio revelou não somente os campos de forças atuantes sobre o uso desses espaços, mas também permitiu desvelar práticas sociais, por meio de artifícios e de estratégias que os usuários utilizam para vivenciar o lazer nos dois espaços públicos.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmidopt_BR
dc.subject.linhadepesquisaSOCIEDADE, URBANIZAÇÃO E ESTUDOS POPULACIONAISpt_BR
dc.subject.areadeconcentracaoDESENVOLVIMENTO SOCIOAMBIENTALpt_BR
dc.description.affiliationInstituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Parápt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Mestrado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_PraticasSociaisLazer.pdf4,83 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons