Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11232
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 20-Aug-2018
Authors: LEITE, Juliane Costa
metadata.dc.description.affiliation: FMAE - Fundação Municipal de Assitência ao Estudante
First Advisor: GONZAGA, Irland Barroncas
Title: Insegurança alimentar em famílias de crianças matriculadas na rede municipal de educação infantil, Belém-PA
Citation: LEITE, Juliane Costa . Insegurança alimentar em famílias de crianças matriculadas na rede municipal de educação infantil, Belém-PA. Orientadora: Irland Barroncas Gonzaga. 2018. 48 p. Dissertação (Mestrado em Saúde, Ambiente e Sociedade na Amazônia) – Instituto de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Pará, Belém, 2018. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11232. Acesso em:.
Resumo: Estudo analítico, observacional de delineamento transversal que objetivou estimar a prevalência de Insegurança Alimentar e Nutricional entre as famílias de crianças matriculadas na rede municipal de educação infantil, Belém-PA. Como instrumentos para essa mensuração foi utilizada a Escala Brasileira de medida de Insegurança Alimentar, e, para avaliar o perfil familiar, utilizou-se formulário sociodemográfico. Procedeu-se também à avaliação antropométrica das crianças para análise do estado nutricional. Foram pesquisadas 368 famílias do município de Belém-PA, distribuídas proporcionalmente entre seis distritos administrativos, oitenta e sete escolas e seis faixas etárias, considerando um erro de 5,16%, sendo uma amostra por conveniência. Na análise estatística da associação entre indicadores sociodemográficos e insegurança alimentar, utilizou-se o teste Qui-quadrado e o teste G. Usou-se a Regressão de Poisson com variância robusta para estimar as razões de prevalência e respectivos intervalos de confiança de 95%, considerando como variável dependente a insegurança alimentar. Em todos os testes foi adotado o nível de significância (α) igual a 5%. Os programas estatísticos usados nas análises foram o BioEstat 5.3 e o SPSS 24.0. Como resultado, encontrou-se prevalência de Insegurança Alimentar e Nutricional de 85,6%, que se distribuiu, de acordo com o gradiente de severidade, em 36,4% de Insegurança Alimentar leve, 28,8% moderada e 20,4% grave. Verificou-se associação estatisticamente significativa entre insegurança alimentar e renda familiar per capita, exercício de trabalho remunerado pelo entrevistado, escolaridade do chefe da família, recebimento do Bolsa Família e tipo de material empregado na construção do domicílio. No modelo de Regressão de Poisson, observou-se que a renda familiar per capita menor que meio salário mínimo e a condição de não possuir trabalho remunerado pelo entrevistado, associaram-se com a insegurança alimentar, apresentando razão de prevalência, 1,61 e 1,10, respectivamente. O estudo se apresenta como um instrumento importante na identificação do público pesquisado como um grupo de risco, no que se refere à Insegurança Alimentar e Nutricional, para o qual estratégias de intervenção e enfrentamento devem ser prioritárias e, também, favorece a criação e a análise de políticas públicas municipais de promoção de segurança alimentar e nutricional, além de permitir o reconhecimento das causas contemporâneas do problema investigado.
Abstract: Analytical study, observational of cross-sectional design that aimed to estimate the prevalence food and nutrition insecurity among the families with enrolled children at schools from the municipal early childhood education network in Belém-PA-Brazil. As an instrument to collect data, it was used the Brazilian Scale of Insecurity Food Measurement, and, in order to evaluate the family profile, it was used the socio demographic form. It was also managed with the children anthropometric evaluation for the children nutritional situation analysis. Three hundred sixty-eight families from Belém-PA participated in the study, they were proportionally divided into six administrative districts, eighty-seven schools and six age groups. The sampling technique considered a error of 5,16% and it was a proportional stratified random. In statistical analysis of the association among the socio demographic indicators and insecurity food, the Chi-square tests were used and G test. Prevalence rates and prevalence ratios were estimated for food insecurity, and Poisson multiple regression analysis with robust variance was performed and the respective confidence intervals (CI 95%). In all tests, it was adopted the significance level (a) equal to 5%. The statistic program that was used in the reviews was BioEstat 5.3 and SPSS 24.0. As a result, it was found the prevalence of 85,6% of food and nutritional insecurity, that was distributed according to the severity gradient, in 36,4% light food and nutritional insecurity, 28,8% were moderated and 20,4% were serious. It was verified a significative statistically association between insecurity food and family income per capita, have work, education level of the family chief, received of the Bolsa Família and type of material used in the construction of the home. In the Poisson regression model, it was observed that food insecurity was associated with have a family income per capita that is less than half a minimum wage (PR = 1,61) and does not have work (PR = 1,10). The study presents an important instrument to identify those risks and permits the analysis of the investigated problems causes.
Keywords: Segurança alimentar e nutricional
Indicadores sociais
Antropometria
Estado nutricional
Crianças
Concentration Area: SAÚDE COLETIVA
Research Line: SÓCIO-ANTROPOLOGIA, POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE NA AMAZÔNIA
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde, Ambiente e Sociedade na Amazônia
Source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Saúde, Ambiente e Sociedade na Amazônia (Mestrado) - PPGSAS/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_InsegurancaAlimentarFamilias.pdf1.14 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons