Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11427
Tipo: Dissertação
Data do documento: 9-Mai-2019
Autor(es): MARTINS, Wanessa Rodrigues
Primeiro(a) Orientador(a): BARROS, Thiago Henrique Bragato
Título: Representação arquivística: o papel do CIA e do CONARQ para o desenvolvimento de políticas de descrição
Agência de fomento: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citar como: MARTINS, Wanessa Rodrigues. Representação arquivística: o papel do CIA e do CONARQ para o desenvolvimento de políticas de descrição. Orientador: Thiago Henrique Bragato Barros. 2019. 80 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação, Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11427. Acesso em:.
Resumo: A representação da informação, na Arquivologia, é compreendida como um processo de organização constituído de várias fases, dentre estas: avaliação, classificação e descrição. Centra-se na representação focando na atividade de descrição arquivística, pois reconhece que esta, sendo uma atividade de pesquisa e que busca, nas minúcias do conteúdo e contexto documental, representar as informações contidas em arquivos mediante instrumentos de pesquisa, precisa ser apropriada pela realidade dos arquivos nos âmbitos públicos e privados desses. Desse modo, o propósito dessa pesquisa é verificar a possibilidade de se obter parâmetros teóricos e metodológicos, através do CIA (Conselho Internacional de Arquivos) e o CONARQ (Conselho Nacional de Arquivos) com vistas à proposição de diretrizes políticas de descrição. Possui como objetivos específicos analisar teórica e conceitualmente o conceito de descrição na Arquivologia; apresentar o CIA e o CONARQ, bem como suas respectivas publicações concernentes à descrição arquivística e identificar elementos teórico-conceituais e práticos capazes de subsidiar a criação de políticas de descrição em arquivos. Pesquisa qualitativa, de caráter documental e orientação descritiva, iniciada mediante exploração da literatura concernente aos temas por meio de livros e bases de dados, pelos descritores: “representação da informação”, “representação arquivística”, “descrição arquivística”, “políticas públicas”, “políticas publicas de informação, “políticas Arquivísticas” e os sites do CONARQ e CIA. Os resultados revelam uma gama de produtos e instruções normativas capazes de fornecer suporte e subsídios para a elaboração de políticas de descrição em arquivos. Conclui-se, de acordo com os resultados encontrados, que a descrição Arquivística, vista da perspectiva da representação da informação e sustentada por políticas de descrição Arquivística configura-se um meio facilitador para a organização e representação em arquivos, não representando um fim em si.
Abstract: The representation of information in Archival Science is understood as a process of organization consisting of several phases, among them: appraisal, classification and description. It focuses on representation focusing on the activity of archival description, since it recognizes that this, being a research activity and that seeks, in the detail of the content and the documentary context, represent the information contained in archives using research instruments, and needs to be appropriated by reality of the archives in the public and private scope of these. In this way, the purpose of this research is to verify the possibility of obtaining theoretical and methodological parameters, through the CIA (International Council of Archives) and CONARQ (National Council of Archives) with a view to proposing political guidelines of description. It has as specific objectives to analyze theoretically and conceptually the concept of description in Archivology; present the CIA and CONARQ, as well as their respective publications concerning the archival description and identify theoretical-conceptual and practical elements capable of subsidizing the creation of description policies in archives. Qualitative research, of a documentary nature and descriptive orientation, initiated by exploring the literature of the literature concerning the themes through books and databases, by the descriptors: "archival representation", "archival description", "standards of description", "policies archives” and the CONARQ and CIA websites. The results reveal a range of normative products and instructions that can provide support and support for the development of policy guidelines in file descriptions. It is concluded, according to the results, the archival description, seen from the perspective of information representation and underpinned by policies of archival description is a kind of facilitator for the organization and representation in files, and does not signify an end in itself.
Palavras-chave: Representação arquivística
Descrição arquivística
Políticas arquivísticas
Conselho Internacional de Arquivos
Conselho Nacional de Arquivos
Área de Concentração: GESTÃO DA INFORMAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DO CONHECIMENTO
Linha de Pesquisa: ORGANIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::ARQUIVOLOGIA
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Instituto de Ciências Sociais Aplicadas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Fonte: 1 CD-ROM
Aparece nas coleções:Dissertações em Ciência da Informação (Mestrado) - PPGCI/ICSA

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_RepresentacaoArquivisticaPapel.pdf553,91 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons