Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11482
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 22-Dec-1983
metadata.dc.creator: FIGUEIRAS, Alexandre José Martins
metadata.dc.contributor.advisor1: TRUCKENBRODT, Werner Hermann Walter
Title: Petrologia dos carbonatos da formação Itaituba na região de Aveiro - PA
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: FIGUEIRAS, Alexandre José Martins. Petrologia dos carbonatos da formação Itaituba na região de Aveiro - PA. Orientador: Werner Truckenbrodt. 1983. 135 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) – Núcleo de Ciências Geofísicas e Geológicas, Universidade Federal do Pará, Belém, 1983. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11482. Acesso em: .
metadata.dc.description.resumo: A Formação Itaituba (Westphaliano "D" ao Stephaniano), na região de Aveiro - Pa, é constituída predominantemente por calcário e dolomito associados a níveis de siltito e argilito e mais raramente a arenito.A fauna ali presente está representada principalmente por braquiópodes, equinodermas, foraminíferos e menos frequentemente ostracodes, briozoários, moluscos, trilobitas, além de algas.As evidências mineralógicas, texturais e geoquímicas sugerem que o processo de dolomitização ali atuante desenvolveu-se em um ambiente "schizohalino" de subsuperfície, acompanhado de uma intensa silicificação. O estudo microfaciológico desses carbonatos constatou a presença de sete tipos de microfacies, sendo predominante os biomicritos e biomicroesparitos com textura packstone. Menos frequentemente ocorrem grainstones com foraminíferos e biointrapelesparitos com ou sem agregados. Estas microfacies sugerem um ambiente de "Facies Plataformal Marinha Aberta", embora localmente de circulação restrita. Outros tipos de microfacies estão representadas por grainstones com bioclastos micritizados e grainstones com pelóides e oólitos, sugerindo uma "Fácies de Areia em Margem de Plataforma". A evolução da seqüência diagenética nesses calcários, constatou que os primeiros eventos verificados durante a fase sinsedimentar foram os processos de micritização, glauconitização e bioturbação. Durante a diagênese inicial ocorreu dolomitização, a compactação e a formação do cimento "A". Já na fase de diagênese tardia verificou-se a precipitação do cimento "B", a segunda dolomitização, a fluoritização, silicificação, piritização, estilolitização e a formação da desdolomita. A fração insolúvel é predominantemente síltico-argilosa, constituindo geralmente menos que 18% dos carbonatos. O argilomineral mais abundante é a ilita, seguido da esmectita e caulinita, sendo considerados basicamente de origem terrígena, embora tenha ocorrido neoformação como atesta a presença da "glauconie". O estudo da fração pesada, constatou a presença dominante da pirita e granada, associada a turmalina e zircão e menos frequentemente rutilo, fluorita e anatásio. Um certo valor paleoclimático é atribuído aos feldspatos, granada e ilita sugerindo, para a área de erosão, um clima mais moderado, com tendências a semi-árido. Dos nove elementos analisados (Cu, Pb, Ni, Zn, Sr, Mn, Fe, K e Mg), apenas os três primeiros apresentaram valores abaixo do limite de detecção do aparelho. Os resultados mostraram uma boa correlação entre o potássio e o ferro, e entre manganês e o magnésio, além de uma propensão ao aumento dos teores de ferro e potássio, em direção ao topo do perfil, acompanhado de uma diminuição dos teores de manganês nesse mesmo sentido. Esse comportamento associado ao aumento da fração insolúvel seria indicador de uma mudança vertical de facies com tendências mais continentais (regressão marinha).
Keywords: Rochas sedimentares
Petrologia
Aveiro - PA
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GEOLOGIA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_PetrologiaCarbonatosFormacao.pdf69,72 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons