Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11532
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 31-Jan-2019
metadata.dc.creator: CASTRO, Nádile Juliane Costa de
metadata.dc.description.affiliation: UFPA - Universidade Federal do Pará
metadata.dc.contributor.advisor1: SIMONIAN, Ligia Terezinha Lopes
Title: Medicina popular e desenvolvimento regional: registros e reflexões a partir da Princesa do Trombetas
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: CASTRO, Nádile Juliane Costa de. Medicina popular e desenvolvimento regional: registros e reflexões a partir da Princesa do Trombetas. Orientadora: Ligia Terezinha Lopes Simonian. 2019. 443 f. Tese (Doutorado em Ciências: Desenvolvimento Socioambiental) - Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. . Disponível em: <>. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: As políticas de desenvolvimento realizadas na Amazônia nas últimas décadas têm interferido na biodiversidade, no modo de vida das populações e nas culturas populares em saúde. Achados apontam que este saber ainda é presente hodiernamente, mas é necessário conhecer como ele se mantém frente ao modelo econômico excludente e avesso ao cuidado cultural. O objetivo do estudo é a manutenção da medicina popular por meio da resistência, transformações práticas e tensões sociais. O desenho do estudo foi orientado pelo método de investigação qualitativa explicativa por meio de estudo de caso e de questões problemáticas que envolvem medicina popular, políticas públicas e intervenções do capital nos espaços e ofícios tradicionais em saúde. O local do estudo foi a cidade de Oriximiná, situada no Estado do Pará, Brasil. A metodologia baseou-se em um estudo de caso múltiplo, executado por meio de entrevistas semiestruturadas, observação participante e registro fotográfico de base antropológica. Participaram do estudo gestores municipais, gerentes de saúde, técnicos em saúde, representações legais, gerentes de organizações públicas e privadas, profissionais do ofício da medicina popular, historiadores e lideranças tradicionais. Como área geográfica de abrangência foram realizados levantamentos na zona urbana em sua totalidade, comunidade de Boa Vista e entorno, região do baixo Trombetas, CASAI e Polo Indígena de Oriximiná e Unidades Básicas de Saúde da região urbana. Considerando estes fatos, a orientação do estudo foi interdisciplinar abrangendo as bases teóricas que fundamentassem o método de interpretação e análise pelo materialismo histórico dialético, por tal a escolha de teorias de base revelam o antagonismo das lutas de classes, a diversidade cultural e as implicações pelo cuidado cultural dentro das análises críticas do desenvolvimento. Após avaliação dos dados o conteúdo foi organizado em categorias temáticas e as análises apontaram que a medicina popular apresenta novos arranjos frente as demandas do desenvolvimento regional, sendo resultantes de políticas de desenvolvimento na Amazônia, reorganização dos sistemas de saúde pós reforma sanitária, novas políticas públicas de saúde que buscam representar as diversidades culturais e déficit de infraestrutura dos serviços de saúde em comunidades rurais, assim como das interferências do empreendimento minerador.
Abstract: The development policies carried out in the Amazon in the last decades have interfered in the biodiversity, in the way of life of the populations and in the popular cultures in health. Findings indicate that this knowledge is still present nowadays, but it is necessary to know how it is maintained before the economic model excluding and averse to cultural care. The aim of the study is to maintain popular medicine through resistance, practical transformations and social tensions. In this sense the design of the study was guided by the method of qualitative explanatory research by case study, through problematic issues involving popular medicine, public policies and capital interventions in traditional health spaces and trades. The study site was the city of Oriximiná, located in the State of Pará, Brazil. The methodology was based on a multiple case study, executed through semi-structured interviews, participant observation and anthropologically based photographic record. Municipal managers, health managers, health technicians, legal representatives, managers of public and private organizations, professionals in the folk medicine profession, historians and traditional leaders participated in the study. As a geographic area of coverage, surveys were carried out in the entire urban area, community of Boa Vista and surroundings, region of low Trombetas, CASAI and Polo Indígena de Oriximiná and Basic Health Units of the urban region. Considering these facts, the orientation of the study was interdisciplinary, encompassing the theoretical foundations underlying the method of interpretation and analysis by dialectical historical materialism, so the choice of basic theories reveals the antagonism of class struggles, cultural diversity and the implications for culture within the critical analysis of development. After evaluating the data, the content was organized into thematic categories and the analyzes pointed out that popular medicine presents new arrangements in response to the demands of regional development, resulting from development policies in the Amazon, reorganization of health systems after sanitary reform, new public policies which seek to represent the cultural diversities and infrastructure deficits of health services in rural communities, as well as the interferences of the mining enterprise.
Keywords: Medicina popular - Pará
Planejamento regional - Amazônia
Vulnerabilidade social - Pará
Cultura
Mineração
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: DESENVOLVIMENTO SOCIOAMBIENTAL
metadata.dc.subject.linhadepesquisa: SOCIEDADE, URBANIZAÇÃO E ESTUDOS POPULACIONAIS
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Altos Estudos Amazônicos
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Teses em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Doutorado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_MedicinaPopularDesenvolvimento.pdf19,41 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons