Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/11556
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 30-Oct-1995
metadata.dc.creator: RAMOS, Jader Muños
metadata.dc.contributor.advisor1: RAMOS, José Francisco da Fonseca
Title: Caracterização geoquímica das drenagens afetadas pelo beneficiamento de ouro no distrito aurífero de Ginebra, departamento del Valle Del Cueda, Colômbia
Citation: RAMOS, Jader Muños. Caracterização geoquímica das drenagens afetadas pelo beneficiamento de ouro no distrito aurífero de Ginebra, departamento del Valle Del Cueda, Colômbia. Orientador: José Francisco da Fonseca Ramos. 1995. 85 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) - Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 1995.. Disponível em: < >. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O Distrito Aurífero de Ginebra apresenta, regionalmente, três unidades geológicas bem definidas: a formação Amaime (pillow-lavas tectonizadas), em contato falhado com o maciço ofiolítico de Ginebra (sequência de peridotitos, gabros, metabasaltos, plagiogranitos e micro-brechas), e o batólito de Buga (quartzo-diorito com variações a tonalito). O batólito de Buga intrudiu o maciço ofiolítico de Ginebra produzindo uma ampla zona de alteração hidrotermal e uma mineralização rica em sulfetos e ouro, na área de contato, gerando um depósito aurífero tipo stockwork e uma série de filões com ouro nas vizinhanças. Os garimpeiros do setor vêm explorando e explotando o distrito há quase um século, utilizando técnicas rudimentares, desperdiçando o minério e jogando os rejeitos nos riachos que vertem seus efluentes no rio de onde é captada a água para os aquedutos dos municípios de Ginebra e Guacarí. Daí a importância desse estudo. Para caracterizar e avaliar geoquimicamente os níveis de metais pesados nas drenagens do setor, foram analisadas 27 amostras de água, para As, Au, Co, Cr, Cu, Fe, Mn, Nie Pb, e 28 amostras de sedimento (das quais 1 de sedimento em suspensão), para Ag, As, Au, Cd, Co, Cr, Cu, Fe, Hg, Mn, Ni, Pb e Zn, coletadas no Distrito. Os resultados de tais análises foram submetidos a tratamento estatístico, obtendo-se valores anômalos locais associados às descargas mineiras. 2 Observaram-se anomalias para As, Au, Co, Cr, Cu, Fe, Mn, Ni e Pb nas águas, próxima aos locais de descarga dos rejeitos mineiros. O pH de background, que varia de levemente básico a básico, funciona como barreira geoquímica e faz baixar as concentrações anômalas dos metais em águas, aumentando suas concentrações nos sedimentos, que podem apresentar anomalias para As, Au, Co, Cu, Hg, Mn, Ni, Pb e Zn. O mercúrio encontrado na área tem fonte antropogênica e é usado para amalgamar o ouro. As perdas na recuperação do amálgama e na queima do mesmo, para obter o ouro, aumentam a concentração desse metal nos sedimentos de corrente e no ar. O transporte aéreo do Hg foi deduzido através dos resultados das concentrações de Hg obtidos em perfis verticais em solos. A possibilidade de mudanças maiores no pH e Eh das águas da área, produto da atividade antropogênica em geral, a remobilização mecânica dos sedimentos com concentrações altas de metais pesados (sejam sedimentos de corrente ou em suspensão) e o transporte aéreo do Hg, justificam um monitoramento contínuo das águas para consumo doméstico dos municípios de Ginebra e Guacari e dos sedimentos em suspensão contidos nelas, assim como o acompanhamento técnico do uso do mercúrio e melhoramento do beneficiamento do ouro, de modo a ser diminuída a agressão ao meio ambiente.
Abstract: The gold-bearing district of Ginebra shows regionally three well defined geological units: the Amaime formation (tectonized pillow-laves), the ophiolitic massif of Ginebra (sequency of peridotites, gabros, metabasalts, plagio-granites and micro-breccias) and the Buga”s batolith (quartz diorite varying to tonalite). The Buga”s batolith intrusion in the ofiolitic massif of Ginebra produced a hydrotermal alteration and a gold bearing sulfide mineralization in the contact zone, resulting a stockwork-like gold-bearing deposit surrounded by gold-bearing veins. The local miners have explored and exploted the district for almost a century, using rudimentar tecniques. A part of the ore and the tails are dispersed by gorges flowing into the Guabas river, from where the water for the municipal aqueducts of Ginebra e Guacarí is taken. This 1s the importance of this study. To obtain the geochemical evaluation of the heavy metal levels in the drainages of the zone, 27 water samples were collected in the district and analysed for As, Au, Co, Cr, Cu, Fe, Mn, Ni and Pb. Aditionally, 28 sediment samples (27 of stream sediments and 1 of suspension sediment) from the same zone were analysed for Ag, As, Au, Cd, Co, Cr, Cu, Fe, Hg, Mn, Ni, Pb and Zn. The statistical treatment applied to the results showed local anomalies related to the dispersion of mining tails. 4 Anomalous concentrations for As, Au, Co, Cr, Cu, Fe, Mn, Ni and Pb, as metals in solution in the waters, were detected near to the input of the effluents of mine to the gorges, due to a decay of the pH by oxidation of the sulfides within it. The pH background, varying from slightly basic to basic, is a geochemical barrier that decreases the anomalous concentrations of metals to normal levels in the waters, increasing their concentrations in the sediments. The stream sediments showed local anomalies for As, Au, Co, Cu, Hg, Mn, Ni, Pb and Zn. The mercury detected in the district has an antropogenic source. This metal is used for gold amalgamation. Dangerous emissions of mercury to the stream sediments and the air are released by losses of amalgama”s recoverying and amalgama”s burning (to recover the gold). The airbomne transport of mercury was deduced by the observation of a vertical variation of the Hg concentrations in the soils. The possibility of higher antropogenic changes on the pH and Eh conditions in the waters of the district gorges, the mechanical remobilization of the sediments with high heavy metal concentrations and the airborne transport of mercury justify a continuous monitoring of the concentrations of heavy metals in solution in the waters for domestic use at the municipalities of Ginebra and Guacarí and the suspension sediments within it. These analysis must be accompanied by technical directions for the use of mercury and recovering of gold, for the miners of the district, minimizing the environmental agressions.
Keywords: Geoquímica
Minérios de ouro
Minas e recursos minerais
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GEOQUÍMICA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA::GEOQUIMICA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_CaracterizacaoGeoquimicaDrenagens.pdf8,08 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons