Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11949
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 17-Oct-2007
metadata.dc.creator: ABREU, Marcelo Wanderley Matos de
metadata.dc.contributor.advisor1: EL-ROBRINI, Maâmar
Title: Aplicação do modelo hidrodinâmico no estuário do rio Caeté (NE do Pará)
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: ABREU, Marcelo Wanderley Matos de. Aplicação do modelo hidrodinâmico no estuário do rio Caeté (NE do Pará). Orientador: Maaâmar El-Robrini. 2008. 149 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) - Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2007. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/11949. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A costa norte do Brasil é recortada por uma grande e complexa rede hidrográfica, onde o principal rio é o Amazonas. Este rio, assim como outros menores, desembocam no Oceano Atlântico formando os estuários, que são freqüentemente definidos como um trecho do rio, onde ocorre a interação das águas fluviais e oceânicas (zona de transição). No NE do Pará está inserido o estuário do rio Caeté (00º43’18” – 00º04’17” S e 46º32’16” – 46º55’11” W) que sofre influência de macro-marés semi-diurnas com amplitude média de 5,6 m, correntes costeiras (aproximadamente 0,75 m/s de velocidade média), ondas de 0,7 m e ventos alísios, que possuem direção preferencialmente NE com velocidade média de 6 m/s. Esse estuário situa-se numa região tropical de clima úmido, com temperatura média anual de 27ºC e elevada pluviosidade com média anual de 2500 mm/ano. Na região, observa-se também, a existência de épocas com características distintas: chuvosa (dezembro a maio), seca (junho a novembro) e intermediária. O estuário do rio Caeté se enquadra num estuário dominado por marés (quanto aos processos físicos), do tipo formado em planície costeira (quanto à geomorfologia) e do tipo bem misturado (quanto à circulação das águas). A circulação hidrodinâmica em estuários é considerada como um importante processo que vem sendo continuamente estudado, porém na região Norte do Brasil, ainda são poucos os estudos de modelagem estuarina. Sendo assim, adotou-se para este trabalho o uso do modelo hidrodinâmico do programa de Modelagem SisBAHIA (Sistema Base de Hidrodinâmica Ambiental), visando observar os aspectos gerais da circulação hidrodinâmica em diferentes fases de maré (preamar, baixamar, enchente e vazante) no estuário do rio Caeté (PA) e assim validar, através da modelagem, os dados (correntes, marés e amplitude de maré) coletados no estuário do rio Caeté. A metodologia foi executada em duas etapas (campo e laboratório). A etapa de campo consistiu em: (1) levantamento ecobatimétrico, vinculado ao Projeto de Pesquisa do PROGRAMA SET/CT-Hidro que utilizou uma base cartográfica georeferenciada previamente digitalizada, tendo como base uma imagem de radar LANDSAT-ETM+7, além de uma sonda ecobatimétrica analógico-digital/ODEC e um DGPS (Differential Global Positionning System); (2) registros de elevação do mar, através da fixação de dois marégrafos digitais Orphimedes da marca OTT-Hidrometrie, localizados na vila de Bacuriteua e na ponte sobre o Furo do Maguary, onde se obtiveram valores diários a cada 20 minutos durante 7 dias consecutivos com resultados variando de um mínimo de 0,01 m a um máximo de 5,08 m e de 0,42 a 5,18 no ponto situado na ponte sobre o furo do Maguary e na vila de Bacuriteua, respectivamente; e (3) medir a velocidade das correntes utilizando um correntógrafo Falmouth 2D ACM em um ponto do estuário dentro do domínio do modelo, que ficou acoplado ao barco durante sete dias consecutivos e que apresentou valores para as correntes variando de um mínimo de 2,95 cm/s a um máximo de 154,59 cm/s. Na etapa de laboratório, foi realizado o processo de calibração entre os dados do modelo e os medidos no campo. Foram geradas simulações das condições hidrodinâmicas durante a enchente, vazante, meia maré enchente, meia maré vazante, estofas de preamar e baixamar, para marés de quadratura e sizígia. Através dessas simulações foram gerados mapas superficiais de correntes para observar os diferentes padrões de circulação.
Abstract: The northern coast of Brazil is trimmed by a big and complex hydrographic net, where the main river is the Amazon. This river, as well as others smaller, flow into in the Atlantic Ocean finalist the estuaries, that are frequently defined like a stretch of the river, where occurs the interaction of the ocean and fluvial waters (transition zone). The Caeté estuary is inserted at the northeast of Pará (00º43’18" – 00º04’17" S and 46º32’16" – 46º55’11" W) that suffers influence of macro-tides and semi-diurnal with medium amplitude of 5,6 m, coastal currents (mean velocity approximately 0,75 m/s), waves of 0,7 m and Trade winds that possess NE preferential direction with medium speed of 6 m/s. That estuary is situated in a tropical region of humid climate, with annual medium temperature of 27ºC and elevated precipitation with annual medium of 2500 mm/year. In this area, are also showed, the existence of seasons with distinct characteristics: rainy (December to May), dry (June to November) and intermediate. The estuary of the Caeté river is a tide-dominated estuary (as regards the physical process), that forms an extensive coastal plain (as regards the coastal geomorphology) and well mixed (as regards waters circulation).The hydrodynamic circulation in estuary is considered as an important trial and it has a lack of studies in this area until today, principally in the North’s region of Brazil, where still have a few the studies of estuarine modeling. So, for this work were adopted the use of the hydrodynamic model with the Modeling program called SisBAHIA (Environmental Hydrodynamics Base System), aiming the observation of the general aspects of the hydrodynamic circulation in different phases of tide (high tide, low tide, flood and ebb tide) in the Caeté estuary (PA) and like this validate, through the modeling, the facts (current, tides and amplitude of tide) collected in the estuary. The methodology was performed in two phases,( fieldwork and laboratory). The phase of fieldwork consisted of: (1) hoist bathymetric, linked to the Research’s Project of the SET PROGRAM/ CT-Hidro that utilized a cartographic base previously digitalized, having like base a satellite image LANDSAT-ETM+7, beyond a digital ecobatymetric and a DGPS (Differential Global Positioning System); (2) records of elevation of the sea level, through the fixation of two digital tide predictors Orphimedes OTT-Hydrometric, located in the Maguary city, where was observed daily values to each 20 minutes during 7 consecutive days with results varying of a minimum of 0,01 m to a maximum one of 5,08 m and of 0,42 to 5,18 in the point situated in the bridge about the hole of the Maguary and in the Bacuriteua city, respectively; and (3) measure the speed of the shackles utilizing a current predictor Falmouth 2D YMCA in a point inside the model, that stayed coupled to the boat during seven consecutive days and that presented values for the currents varying of a minimum of 2,95 cm/s to a maximum one of 154,59 cm/s. In the laboratory’s phase, was carried out the trial of calibration between the facts of the model with the measurements taken in the fieldwork. They were generated simulations of the hydrodynamics conditions during the flood, ebb tide, half tide flood, half tide ebb tide, and the high value of high tide and low tide, and in the neap and spring tides. Through those simulations were generated superficial maps of currents to see the different standards of circulation.
Keywords: Estuários - Pará, Nordeste
Hidrodinâmica
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GEOLOGIA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA::HIDROGEOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AplicacaoModeloHidrodinamico.pdf8,59 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons