Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12138
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 28-Oct-2019
metadata.dc.creator: CRUZ, Danilo José do Nascimento
metadata.dc.contributor.advisor1: GORAYEB, Paulo Sérgio de Sousa
Title: Geologia e petrologia dos enxames de diques máficos da região de Santa Maria das Barreiras-Conceição do Araguaia: evidências de eventos distintos de magmatismo intracontinental no Centro- Norte do Brasil.
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: CRUZ, Danilo José do Nascimento. Geologia e petrologia dos enxames de diques máficos da região de Santa Maria das Barreiras-Conceição do Araguaia: evidências de eventos distintos de magmatismo intracontinental no Centro- Norte do Brasil. Orientador: Paulo Sérgio de Sousa Gorayeb. 2019. 74 f. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geoquímica) – Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12138. Acesso em: .
metadata.dc.description.resumo: Enxames de diques máficos subparalelos de direção N-S e NNW-SSE ocorrem intrudindo as rochas metassedimentares do Grupo Tocantins, Cinturão Araguaia, centro-norte do Brasil. Eles são pouco estudados, não havendo nenhuma informação acerca da natureza de sua fonte mantélica e dos processos petrológicos envolvidos em sua gênese, além de uma incerteza quanto à sua idade. Para discutir essas questões, foram estudados diques máficos representativos da região de Santa Maria das Barreiras-Conceição do Araguaia, na fronteira entre os estados do Pará e Tocantins. Foi possível separar os diques em dois grupos: um consistindo de diabásios afetados pelo metamorfismo regional neoproterozoico do Cinturão Araguaia com grau variado de transformações e deformação mineral; e outro contendo diabásios e leucodiabásios sem metamorfismo e deformação. Os diques estudados foram composicionalmente classificados como basaltos sub-alcalino de afinidade toleítica. No entanto, os metadiabásios apresentam uma assinatura arco-like caracterizada por uma anomalia negativa de Nb-Ta, enquanto que os leucodiabásios e diabásios não apresentam anomalia negativa de Nb-Ta e exibem padrões enriquecidos de LREE, que se assemelha às assinaturas de rochas basálticas geradas por plumas mantélicas. Ambos os grupos de diques foram interpretados como sendo originados em ambiente tectônico intracontinental com a ajuda de diagramas de discriminação Ti–V, Zr–Zr/Y e Zr–Ti. Há indícios de importante contribuição de componentes mantélicos enriquecidos (EN) na fonte dos metadiabásios e significante contribuição de componentes do manto primitivo (PM) na fonte dos leucodiabásios e diabásios. Sugeriu-se que os metadiabásios representam os condutos expostos de basaltos intracontinentais com assinatura arc-like que precedem o metamorfismo Neoprotezoico da área e que os leucodiabásios e diabásios representam os condutos expostos de basaltos intracontinentais cujo magmatismo é posterior ao evento metamórfico. As rochas do evento mais antigo compartilham similaridades com rochas máficas Neoproterozoicas do leste do Cinturão Araguaia, enquanto que as rochas do evento mais recente são bastante similares com basaltos e diques de diabásios da CAMP que se encontram próximos à área de estudo.
Abstract: N-S and NNW-SEE-trending subparallel mafic dike swarms are intruded into metasedimentary rocks of the Tocantins Group, Araguaia Belt, central-north Brazil. They are under-examined and there is little to no information about their origin and mantellic sources and uncertainty about their ages. Representative mafic dikes from the Santa Maria das Barreiras-Conceição do Araguaia region, at the boundary between the states of Pará and Tocantins, were studied in order to address these problems. It was possible to separate the dikes into two groups: one consisting of diabases affected by the Neoproterozoic regional metamorphism of the Araguaia Belt with varied degrees of transformations and mineral deformation; and the other consisting of unmetamorphosed and undeformed diabases and leucodiabases. The studied dikes are compositionally classified as subalkaline basalts with tholeiitic affinity. However, metadiabases present an arc-like geochemical signature characterized by a pronounced Nb-Ta negative anomaly, whereas leucodiabases and diabases lack a negative Nb-Ta anomaly and show a LREE-enriched pattern, which resembles the signatures of plume-generated basaltic rocks. Both group of dikes were interpreted to be originated in an intracontinental setting with the aid of Ti–V, Zr–Zr/Y and Zr–Ti discrimination diagrams. There is evidence of important contribution of enriched (EN) mantle components in the source of metadiabases and significant contribution of primitive mantle (PM) to the source of both leucodiabases and diabases. We suggested that the metadiabases represent the exposed plumbing system of arc-like intracontinental basalts which precede the regional Neoproterozoic metamorphism of the area and the leucodiabases and diabases represent the exposed conduits of intracontinental basalts whose magmatism succeed the metamorphic event. The rocks from the older event share several similarities with Neoproterozoic mafic rocks from the eastern domain of the Araguaia Belt and nearby Tonian rocks of the 1100 Ma Rincón del Tigre-Huanchaca LIP event, while the rocks from the newer event are remarkably similar to nearby CAMP basalts and diabase dikes.
Keywords: Petrologia
Diques (Geologia)
Magmatismo
Cinturão Araguaia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geoquímica
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Geologia e Geoquímica (Mestrado) - PPGG/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_GeologiaPetrologiaEnxames.pdf5,39 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons