Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12370
Tipo: Artigo de Periódico
Fecha de publicación : dic-2015
Autor(es): CASTRO, Fabíola Fernandes Paiva de Castro
GAMA, Thália do Socorro Serra
SANTOS, Ana Carla Feio dos
DEMARCO, Diego
DIAS, Ana Cristina Andrade de Aguiar
metadata.dc.creator.ORCID: https://orcid.org/0000-0003-4330-8294
metadata.dc.description.affiliation: DIAS, A. C.A. A. Universidade Federal do Pará
Título : Structure and distribution of glandular trichomes in three species of Bignoniaceae
Otros títulos : Estrutura e distribuição de tricomas glandulares em três espécies da família Bignoniaceae
Citación : FRÓES, Fabíola Fernandes Paiva de Castro et al. Structure and distribution of glandular trichomes in three species of Bignoniaceae. Acta Amazonica, Manaus, v. 45, n. 4, p. 347-354, Oct./Dec. 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/1809-4392201404393. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12370. Acesso em:.
Resumen: Tricomas glandulares desempenham papel importante na caracterização morfológica de Bignoniaceae e, devido à grande diversidade de formas e funções que esses tricomas apresentam, o objetivo desse estudo foi inventariar os tricomas glandulares presentes no eixo vegetativo aéreo de Amphilophium magnoliifolium, Martinella obovata. e Stizophyllum riparium, bem como analisar sua estrutura e registrar a participação de formigas nessas espécies. Amostras frescas da região mediana à apical das lâmina foliolar, pecíolo e nó foram fixadas e processadas de acordo com os métodos usuais para microscopia de luz e eletrônica de varredura. Os tricomas glandulares encontrados nas espécies foram: peltados, capitados, estipitados e pateliformes/cupuliformes. Dentre esses tipos o mais abundante foi o tricoma peltado, apresentando também uma distribuição mais uniforme que os demais. Os tricomas pateliformes/cupuliformes estavam em regiões mais específicas, como profilos, lâmina foliolar e na região nodal. Martinella obovata foi a única espécie que apresentou os tricomas capitados e estipitados, amplamente distribuídos ao longo de todo eixo vegetativo aéreo. Em todas as espécies foram encontradas formigas, principalmente nas regiões nodais. A ocorrência do tricoma capitado é relatada pela primeira vez para o gênero.
Resumen : Glandular trichomes play a major role in the morphological characterization of the Bignoniaceae. Due to their great diversity of forms and functions, this study aimed to inventory the glandular trichomes present in the aerial vegetative axis of Amphilophium magnoliifolium, Martinella obovata and Stizophyllum riparium, analyze their structure and register the participation of ants in these plants. Fresh samples from the nodal region, petiole and from medium to apical regions of the leaflet blade were fixed and processed according to usual methods in light and scanning electron microscopies. The glandular trichomes found were: peltate, capitate, stipitate, and patelliform/cupular. Peltate trichomes are the most abundant ones and present the most uniform distribution. Patelliform/cupular trichomes occur at specific regions, such as prophylls, leaflet blade and nodal regions. Martinella obovata is the only species that presents capitate and stipitate trichomes, which are widely distributed along the entire aerial vegetative axis. Ants were found in all species, mainly at nodal regions. The occurrence of the capitate-type trichome is reported for the first time to the genus.
Palabras clave : Bignonieae
Estruturas secretoras
Nectários
Tricoma estipitado
Secretory structures
Stipitate trichome
Series/Report no.: Acta Amazonica
ISSN : 1809-4392
País: Brasil
Editorial : Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da Instituição: INPA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: http://ref.scielo.org/b83trx
metadata.dc.identifier.doi: https://doi.org/10.1590/1809-4392201404393
Aparece en las colecciones: Artigos Científicos - ICB

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
Article_StructureDistributionGlandular.pdf1,26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este ítem está sujeto a una licencia Creative Commons Licencia Creative Commons Creative Commons