Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12458
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Issue Date: Apr-2018
metadata.dc.creator: ALMEIDA, Rozemberg Ribeiro de
NUNES, Francivaldo Alves
metadata.dc.description.affiliation: UFPA - Universidade Federal do Pará
Title: Escravidão, resistência, fugas e a formação de quilombos/mocambos em Ourém do Grão-Para (finais do século XVIII a 1830)
Citation: ALMEIDA, Rozemberg Ribeiro de; NUNES, Francivaldo Alves. Escravidão, resistência, fugas e a formação de quilombos/mocambos em Ourém do Grão-Pará (finais do século XVII a 1830). Nova Revista Amazônica, Bragança, v. 6, n. 1, p. 179-196, abr. 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.18542/nra.v6i1.6227. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/12458. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A ideia geral deste trabalho é mostrar como os escravizados da vila de Ourém e região sobre sua jurisdição construíram mecanismos de resistência ao regime de trabalho compulsório. Assim busca-se esse dialogo a partir do universo dos quilombos/mocambos que é o desdobramento de muitas das fugas empreendidas principalmente por negros que buscavam construir suas liberdades. Além disso, também busca-se compreender os vínculos criados entre diversos agentes, sobretudo negros e índios, que em muitas situações alimentavam os mesmos objetivos, ou seja, serem livres. Dessa forma, criaram acordos e alianças para se fortalecerem mediante a repressão das diligências que buscavam capturar os escravos fugidos. No Brasil o quilombo se manifestou como a forma de resistência mais tenaz ao regime de trabalho forçado, isto porque o mesmo representava o oposto da escravidão, ou seja, a liberdade. É a partir do desejo por ela que muitos agentes escravizados implementaram séculos de luta contra a ordem escravocrata. Assim, o mundo do escravo transitava entre o sonho da liberdade e o cotidiano da luta dentro da escravidão. Neste trabalho veremos como esse sonho se materializou em povoados no meio da mata que representaram um enclave para o sistema escravista e uma ameaça aos interesses de donos de escravos.
Keywords: Trabalho
Liberdade
Negro
Índio
Series/Report no.: Nova Revista Amazônica
ISSN: 2318-1346
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: https://periodicos.ufpa.br/index.php/nra/article/view/6227
metadata.dc.identifier.doi: http://dx.doi.org/10.18542/nra.v6i1.6227
Appears in Collections:Artigos - NRA/UFPA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_EscravidaoResistenciaFugas.pdf5,33 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons