Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/1664
Tipo: masterThesis
Título: Mártires de abril: o MST semeando a utopia camponesa
Título(s) alternativo(s): Martyrs of april: MST sowing the utopia farmer
Autor(es): ABE, Marlene Naoyo
Resumo: A descrição do Assentamento Mártires de Abril e a análise dos processos de construção das práticas e do discurso sobre sua organização e gestão são o objeto deste trabalho. Desse modo é que se definiu como temática o Estudo das Formas de Organização de Assentamento do MST com a perspectiva de pensar os processos sociais que se foram construindo nos assentamentos de Reforma Agrária do MST no Pará, e a sua complexidade, a partir da experiência do Assentamento Mártires de Abril que apresenta peculiaridades. A forma de organização da produção é uma tentativa de se implantar o projeto de organização de assentamento do MST, que, neste trabalho, foram assim denominados: Grupo Coletivo ou de Produção no Sistema de Cooperação; Semi-coletivo ou Produção Familiar Integrada e Individual ou Produção Familiar Não Integrada. Nesta perspectiva, definiu-se como objetivos do trabalho: compreender os limites e as possibilidades de implementação das formas de organização de assentamento do MST, associando coletivismo e gestão familiar, a partir da experiência do Assentamento Mártires de Abril; identificar os limites e as possibilidades das formas de organização da produção coletiva numa perspectiva de construção da proposta de assentamento; identificar as representações sociais no processo de construção da organização social, econômica e política do assentamento. Foi possível identificar que no Assentamento Mártires de Abril predomina a perspectiva de uma forma de organização da produção coletiva com possibilidade de se desenvolver a semi-coletiva e a individual; existência de diferenciação no nível político-ideológico de cada pessoa assentada, resultando na distinção dos estágios de desenvolvimento dos núcleos de base, o que vai determinar a forma de organização de cada núcleo e as estratégias de reprodução e que o contexto que o Assentamento Mártires de Abril apresenta é de estágio em desenvolvimento, com expressão de conflitos ainda evidentes, face ao processo de definição de uma forma própria de organização de assentamento. Entretanto, existe uma tendência, em médio prazo, à configuração de um projeto definido como uma nova alternativa de assentamento com elementos culturais da velha forma de produção, mesclada à uma nova proposta baseada na exploração semi-coletiva e culturas diversificadas.
Abstract: The description of the Mártires de Abril Nesting of and the analysis of the processes of construction of practical and the speech on the is organization anda management are the object of this work. In this way it is that if it defined as thematic the Study of the Forms of Organization of Nesting of the MST with the perspective to think the social processes that is had been constructing in the nestings of the Agrarian Reformation of the MST in Pará, and its complexity, from the experience of the Mártires de Abril Nesting that presents peculiarities. The form of organization of the production is an attempt of if to implant the project of organization of nesting of the MST that, in this works, thus had been called: Collective group or Production in the System of Cooperation; Half-collective or Familiar Production Integrated and Individual or Not Integrated Familiar Production. That perspective defined as objective do work: to understand the limits and the possibilities of implementation of the forms of organization of nesting of the MST, being associated collectivism and familiar management, from the experience of the Mártires de Abril Nesting; to identify to the limits and the possibilities of the forms of organization of the collective production in a perspective of construction of the nesting proposal; to identify to the social representations in the process of construction of the social, economic organization and politics of the nesting. It was possible to identify that in the Mártires de Abril Nesting it predominates the perspective form of organization of the collective production with possibility of if developing the half-collective one and the individual one; existence of differentiation in the politician-ideological level of each seated person, resulting in the distinction of the periods of traing of development of the base nuclei, what it goes to determine the form of organization of each nucleus and the reproduction strategies and that the context that the Mártires de Abril Nesting presents is of period of training in development, with expression of still evidences conflicts, face to the process of definition of a proper form of nesting organization. However, a trend exists, in average stated period, to the configuration of a definite project as a new alternative of nesting with cultural elements of the old form of production, mixed to the new one proposal based in the half-collective exploration and diversified cultures.
Palavras-chave: Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra
Assentamentos humanos
Trabalhadores rurais
Estrutura social
Reforma agrária
Movimentos sociais
Pará - Estado
Amazônia Brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA::ASSENTAMENTO RURAL
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::CIENCIA POLITICA::COMPORTAMENTO POLITICO::CONFLITOS E COALIZOES POLITICAS
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Sigla da Instituição: UFPA
EMBRAPA
Instituto: Núcleo de Estudos Integrados sobre Agricultura Familiar
Programa: Curso de Mestrado em Agriculturas Familiares e Desenvolvimento Sustentável
Citação: ABE, Marlene Naoyo. Mártires de abril: o MST semeando a utopia camponesa. 2004. 199 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Centro Agropecuário, Núcleo de Estudos Integrados sobre Agricultura Familiar, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Belém, 2004. Curso de Mestrado em Agriculturas Familiares e Desenvolvimento Sustentável.
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://www.repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/1664
Data do documento: 2004
Aparece nas coleções:Dissertações em Agriculturas Familiares e Desenvolvimento Sustentável (Mestrado) - PPGAA/NCADR

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_MartiresAbrilMST.pdf7,82 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons