Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/2891
Tipo: Dissertação
Fecha de publicación : 29-dic-2011
Autor(es): PEREIRA, Elizabeth do Socorro Pantoja
metadata.dc.description.affiliation: UFPA - Universidade Federal do Pará
Primer Orientador: NASCIMENTO, Durbens Martins
Primer Coorientador: FARIAS FILHO, Milton Cordeiro
Título : O Papel da ouvidoria em hospital público: um estudo a partir das manifestações dos usuários do Hospital “Ophir Loyola”
Citación : PEREIRA, Elizabeth do Socorro Pantoja. O Papel da ouvidoria em hospital público: um estudo a partir das manifestações dos usuários do Hospital “Ophir Loyola”. Orientador: Durbens Martins Nascimento. 2011. 161 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2011. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/2891. Acesso em:.
Resumen: Esta dissertação versa sobre o papel da Ouvidoria no Hospital Ophir Loyola a partir das informações contidas nas manifestações dos usuários do serviço. Trata-se de uma pesquisa retrospectiva, realizada entre os anos de 2008 a 2010, de cunho exploratório-descritivo, baseada na análise de documentos oriundos do serviço. Tem por objetivo geral analisar em que medida a Ouvidoria cumpriu as suas atribuições quanto às manifestações dos usuários do HOL. Visa também identificar quais as principais manifestações de insatisfação apontadas pelos usuários da ouvidoria que prejudicam a dinâmica do atendimento, e, ainda, verificar como a gestão do HOL responde as manifestações dos usuários da ouvidoria, no sentido de atender individual ou coletivamente as suas necessidades. O instrumento utilizado foi um roteiro de coleta de dados, inspirado em um modelo desenvolvido por Falcão (2010) em pesquisa semelhante, dentro da seguinte composição: manifestações relacionadas à esfera da gestão hospitalar e manifestações relacionadas à esfera da gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). Dentro da esfera da gestão hospitalar, as manifestações foram assim distribuídas: denúncia, reclamação, solicitação, informação, elogio e sugestão, para cada um dos eixos de composição. Para a esfera da gestão do SUS, foram adotadas apenas: a reclamação, a solicitação e a informação, devido não terem tido ocorrências nas demais categorias. A amostra selecionada foi de 398 registros do serviço de ouvidoria. Contudo, no decorrer da pesquisa identificou-se que um registro gerava manifestação nas duas esferas de gestão, hospitalar e do SUS, o que gerou um acréscimo de 46 ocorrências, passando para 444, destas 81% contempla a esfera da gestão hospitalar e apenas 19%, a gestão do SUS. Quanto aos resultados, o estudo constatou que 50% das manifestações não foram atendidas no seu pleito, dessas, 8% estão relacionadas às não respondidas e 42% refere-se às respostas não satisfatórias, no entanto, esse dado chama atenção para o fato de a ouvidoria dar respostas, mesmo que não alcance o pleito desejado, principalmente quando este se relaciona à gestão do SUS, pela ingerência da gestão nesse processo. Com relação aos 50% restantes, 188 equivalem às respostas satisfatórias do pleito, destes 94% contemplam a soluções individuais e somente 6% (11 manifestações), alcançaram a coletividade, e apenas duas destas provocaram mudança de ordem gerencial. Desta forma, conclui-se que a ouvidoria do HOL não conseguiu cumprir as sua atribuições institucionais devido ao comportamento da gestão frente às informações geradas no serviço de ouvidoria mostrar-se pontual, com resoluções individuais e não voltado para a coletividade, no sentido de realinhar os entraves que prejudicam o desenvolvimento da assistência, sinalizados pelo usuário e promover a aprendizagem. Nesse sentido, o objetivo geral de analisar em que medida a Ouvidoria cumpriu as suas atribuições quanto às manifestações dos usuários do HOL foi alcançado.
Resumen : This dissertation deals with the role of Ombudsman in Ophir Loyola Hospital from the information contained in the manifestations of service users. This is a retrospective study conducted between the years 2008 to 2010, exploratory and descriptive, based on analysis of documents from the service. It aims at analyzing the extent to which the Ombudsman has fulfilled his duties as the manifestations of HOL users. It also aims to identify the main expressions of dissatisfaction by the users of the Ombudsman pointed out that undermine the dynamics of care, and also see how the HOL‟s management answers to the manifestations of users of the ombudsman, to individually and collectively meet their needs. The instrument used was a script from data collection, inspired by a model developed by Falcão (2010) in similar research in the following composition: effects related to the sphere of hospital management and manifestations related to the sphere of management of the Unified Health System ( SUS). Within the scope of hospital management, the manifestations were distributed as follows: complaint, request information, praise and suggestions for each of the axes of composition. In the sphere of SUS management were adopted only: the complaint, the request and information, because it did not have events in other categories. The selected sample was 398 records of the ombudsman service. However, during the research identified that generated a record rally in two levels of management, hospital and SUS, which resulted in an increase of 46 occurrences, rising to 444, 81% of these includes the sphere of hospital management and only 19 %, the SUS management. As to results, the study found that 50% of the manifestations were not answered in his cause, of which 8% are related to unanswered and 42% refers to the responses unsatisfactory, however, this finding calls attention to the fact ombudsman to respond, even if the election does not reach as desired, especially when it relates to the SUS management, by the interference of the management in the process. Regarding the remaining 50%, equivalent to 188 satisfactory responses of the election, 94% of these solutions include individual and only 6% (11 events), reached the community, and only two of these caused change in order management. Thus, it is concluded that the ombudsman's HOL failed to meet its institutional responsibilities due to the behavior of management face to the information generated of the ombudsman service show up on time, with individual resolutions and not facing the community in order to realign obstacles hindering the development of healthcare, marked by the user and promote learning.In this sense, the general objective of analyzing the extent to which the Ombudsman has fulfilled his duties as the manifestations of HOL users has been reached.
Palabras clave : Sistema Único de Saúde
Hospital Ophir Loyola
Gestão
Ouvidoria
Belém (PA)
Pará
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::OUTROS::ADMINISTRACAO HOSPITALAR
País: Brasil
Editorial : Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Núcleo de Altos Estudos Amazônicos
Programa: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Aparece en las colecciones: Dissertações em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Mestrado) - PPGDSTU/NAEA

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
Dissertacao_PapelOuvidoriaHospital.pdf2,9 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este ítem está sujeto a una licencia Creative Commons Licencia Creative Commons Creative Commons