Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/3021
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 17-Aug-2011
Authors: BORGES, Luciane Chedid Melo
First Advisor: RAZKY, Abdelhak
Title: Os termos da meliponicultura: uma abordagem socioterminológica
Sponsor: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: BORGES, Luciane Chedid Melo. Os termos da meliponicultura: uma abordagem socioterminológica. 2011. 197 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará. Instituto de Letras e Comunicação, Belém, 2011. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Resumo: O presente trabalho apresenta um glossário ilustrado da Meliponicultura, a criação de abelhas-sem-ferrão, em duas versões, eletrônica e impressa, desenvolvido à luz dos princípios fundamentais da Socioterminologia. Com um corpus constituído por 197 textos de diferentes gêneros — livros, artigos científicos, boletins informativos, apostilas, dissertações e teses, artigos de divulgação, cartilhas, artigos escritos por meliponicultores, trabalhos apresentados em congressos, textos publicados em sites na internet e apresentações de slides —, buscouse descrever termos que circulam no âmbito desse domínio especializado, bem como identificar suas variações terminológicas. O levantamento dos termos foi feito com o auxílio do programa WordSmith Tools e a organização do glossário, com o programa LexiquePro, ferramentas computacionais que propiciam agilidade e precisão ao processo de extração e organização das unidades terminológicas. O glossário está organizado em ordem alfabética nas duas versões e, na versão eletrônica, também apresenta um sistema de busca analógico, por campos semânticos. Ao todo, apresenta 523 verbetes, dentre os quais 177 são compostos por variantes e 147 são ilustrados, distribuídos em nove campos semânticos principais e 18 subcampos. A escolha da Meliponicultura como temática justifica-se pelo fato de esta atividade estar em plena expansão, não só no Brasil, mas em todo o mundo, e, sobretudo, pela projeção socioeconômica que ela representa para o Estado do Pará, especialmente por seu alinhamento com os conceitos de diversificação e uso sustentado da terra na Amazônia. Acredita-se que a organização de um produto socioterminológico sobre a Meliponicultura e sua disponibilização à sociedade representa, antes de tudo, a importante função da pesquisa terminológica de organizar e disseminar o conhecimento, visando favorecer a comunicação entre os interessados por essa atividade, entre eles meliponicultores, pesquisadores, docentes e estudantes. Embora este trabalho tenha tido como foco dados escritos, assumiu-se a premissa de que os dados linguísticos devem ser analisados em seu contexto real de uso, pois partiu-se do pressuposto de que não se pode entender a língua como um fenômeno isolado de variáveis extralinguísticas e sem relação com seus usuários.
Abstract: This dissertation presents a printed and an electronic version of an illustrated glossary of Meliponiculture, the beekeeping of stingless bees, developed within the theoretical principles of Socioterminology. The corpus was composed of 197 texts belonging to different genres, such as books, scientific papers, newsletters, brochures, dissertations and theses, popular articles, booklets, articles written by beekeepers, papers presented in congresses, documents published on the Internet and slide presentations. The main goal was to describe the terms in use within the field of Meliponiculture, as well as their associated variations. The WordSmith Tools software was used to extract and process automatically the overall data and helped to build the potential lexical items of the glossary. The freeware LexiquePro was also adopted to organize the terminological units. The glossary is divided into 9 main semantic fields and 18 subfields. There is a sum total of 523 lexical entries, 177 of which are variants and 147 are illustrated. Both the printed and the eletronic versions are organized alphabetically. In addition to that, the eletronic version of the glossary offers a system of analogic search, based on semantic fields. The choice of a subject on Meliponiculture is justified by the fact that this activity is booming, not only in Brazil but all over the world and, particularly, because of the socioeconomic impact that it represents for the State of Pará, Brazil, by its alignment with the concepts of diversification and sustainable usage of land in the Amazon. Developing a socioterminological product about Meliponiculture and making it available to community represents, above all, the important role of terminology research in organizing and disseminating knowledge, in order to facilitate the communication among those interested in this activity, including beekeepers, researchers, professors and students. Although this study focuses on written data, it assumes the premise that language must be analyzed in its real context, since it cannot be understood as a phenomenon apart from its extralinguistic variables such as context and users.
Keywords: Socioterminologia
Meliponicultura
Abelha-de-ferrão
Linguística
Glossário
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Letras e Comunicação
Program: Programa de Pós-Graduação em Letras
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Letras (Mestrado) - PPGL/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_TermosMeliponiculturaAbordagem.pdf36,46 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons