Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3145
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 16-Aug-2012
metadata.dc.creator: SANTOS, Samai Serique dos
metadata.dc.description.affiliation: CEULS/ULBRA - Centro Universitário Luterano de Santarém/PA
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, Josenilda Maria Maués da
Title: Entre Aracne e Atena: professoras em situação de violência doméstica
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: SANTOS, Samai Serique dos. Entre Aracne e Atena: professoras em situação de violência doméstica. 2012. 108 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Educação, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Educação.
metadata.dc.description.resumo: Este estudo tem como tema a violência doméstica contra professoras e toma como objeto os registros sobre esse fato presentes em Inquéritos Policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher de Santarém-PA. A questão central da pesquisa consiste em problematizar: quais articulações entre a condição de violentada e o status profissional de professora são apresentadas no processo de denúncia, via inquérito policial, por professoras em situação de violência doméstica no município de Santarém? A partir dessa indagação central o objetivo geral da pesquisa volta-se para analisar as articulações entre a condição de violentada e o status profissional de professora presentes nos inquéritos policiais, articulado com a investigação das confluências entre as discussões sobre as relações de gênero, a violência doméstica e os direitos humanos das mulheres e a compreensão das formas de atravessamento entre os marcadores sociais das professoras em situação de violência doméstica. O tratamento metodológico foi pautado em um estudo qualitativo que se vale da pesquisa documental, por meio da análise de conteúdo dos Inquéritos Policiais da DEAM de Santarém, documentos estes que registram não só a ocorrência da violência como também o contexto em que ocorreram os atravessamentos dos diferentes marcadores sociais assumidos pelos sujeitos, autores das agressões e agredidas e suas intersecções. O marco teórico da pesquisa está pautado na perspectiva relacional que busca compreender a violência contra as mulheres resultantes das redes de relações de poder entre homens e mulheres e entre estes e os marcadores sociais que assumem. As análises conclusivas evidenciam que as tramas da violência doméstica contra as mulheres são complexas e marcadas por questões, tais como: a persistência na submissão à violência doméstica das docentes embora independam economicamente do agressor; a diferença geracional entre as docentes e os autores das agressões é marcada por homens mais jovens versus mulheres maduras, em processo de envelhecimento; o baixo nível de escolaridade dos agressores e o baixo prestígio da ocupação que desenvolvem em relação ao nível de escolaridade e posição social da profissão das docentes agredidas que possuem profissão definida, de natureza intelectual e reconhecida socialmente; as denúncias contra os autores das agressões só ocorreram após os motivos extremos de ameaças de morte e exposição pública da violência em uma profissão de natureza pública, a de professora; que o registro da ocorrência concretiza a alternância de poder nas relações de gênero e da própria violência doméstica, visto que na dinâmica da circulação de poder com os autores das agressões, as professoras agredidas reconheceram-se também como detentoras de poder, avançando da condição de vítimas para a de protagonistas; que na situação de violentadas, as professoras, foram capazes de perceber fios invisíveis naturalizados na teia da violência doméstica, partindo para o enfrentamento público, a denúncia.
Abstract: This study has as its theme the domestic violence against women teachers and has as its object the records on this fact present in surveys of the Bureau of Police Services to Woman Santarém-PA (Delegacia de Atendimento à Mulher de Santarém-PA/DEAM). The central research question is to discuss: what links between the condition and violated professional teacher status are presented in the complaint process, through the police inquiry by teachers in a situation of domestic violence in the city of Santarem? From this central question the purpose of the research turns to examine the links between the condition and status violated professional teacher present in police investigations, combined with the investigation of the confluence between the discussions on gender relations, domestic violence and human rights of women and understanding of the ways of crossing between the social markers of the teachers in situations of domestic violence. The methodological approach was based on a qualitative study that draws on the documentary research, through content analysis of police investigations of DEAM Santarém, which documents not only record the occurrence of violence, but also the context in which occurred the crossings of the different social markers made by individuals, aggressors and battered and their intersections. The theoretical framework of research is based on the relational perspective that seeks to understand the violence against women resulting from networks of power relations between men and women and between these and the social markers that disclaim. The conclusive analyses show that the plots of domestic violence against women are complex and marked by issues such as: the persistence in submission to the domestic violence of women teachers, although don´t depend economically on the aggressor, the generational difference between the women teachers and the authors of the aggression is characterized by younger men versus older women, in the aging process; the low educational level of the aggressors and the low prestige of the occupation that develop in relation to educational level and social position profession of women teachers assaulted with defined profession, of an intellectual and socially recognized; the complaints against the authors of the attacks occurred only after the grounds of extreme death threats and the public display of violence in a profession of a public nature, as a teacher; that the record of the occurrence embodies the alternation of power in gender relations and domestic violence itself, since the dynamics of circulation of power with the authors of the attacks, the women teachers were also assaulted recognized as having power, advancing the status of victims for the protagonists; that in the situation of abused the women teachers were able to perceive the invisible wires naturalized in the web of domestic violence, starting to face the public, the complaint.
Keywords: Violência na escola
Santarém - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
Professores
Mulheres
Violência doméstica
Violência contra as mulheres
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências da Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Educação (Mestrado) - PPGED/ICED

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AracneAtenaProfessoras.pdf864,7 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons