Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3251
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Jun-2008
Authors: STICKLER, Claudia
ALMEIDA, Oriana Trindade de
Title: Financiamento internacional para o setor agroindustrial no Mato Grosso: uma oportunidade para conservação?
Citation: STICKLER, Claudia; ALMEIDA, Oriana Trindade de. Financiamento internacional para o setor agroindustrial no Mato Grosso: uma oportunidade para conservação? Novos Cadernos NAEA, Belém, v. 11, n. 1, p. 51-84, jun. 2008. Disponível em: <http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/ncn/article/view/263/409>. Acesso em: 28 nov. 2012.
Resumo: Uma das principais tendências mundiais ligadas ao processo de globalização é a expansão da agroindústria nos trópicos úmidos. Embora a agroindústria seja uma importante fonte de renda para o Brasil, a sua expansão está levando ao deslocamento das populações locais e ao desmatamento extensivo da vegetação primária. Nesse contexto, enfocamos uma segunda tendência, também resultante da globalização, que consiste no movimento das instituições financeiras em direção à responsabilidade social e ambiental, evidenciado pela inclusão de condições socioambientais nos empréstimos para o setor agrícola. Nesse trabalho, examinamos a experiência de empréstimo da Corporação Financeira Internacional ao Grupo Maggi do Brasil analisando o potencial desse tipo de instrumento econômico para ajudar a reduzir os impactos negativos da expansão agroindustrial. Também é enfocado como os diferentes atores que participam desse debate (organizações não governamentais, indústrias, setor financeiro e governo) podem ajudar a otimizar esse potencial.
Abstract: One of the major trends linked to the process of globalization is the expansion of agro-industry into the humid tropics. Although agro-industry is an important source of income for Brazil , it is also leading to the displacement of local populations and extensive clearing of native vegetation. In this context, we focus on a second trend resulting from globalization in which financial institutions have demonstrated increasing concern with environmental and social responsibility, notably through the inclusion of environmental and social conditions on loans to the agricultural sector. In this article, we assess the potential for this type of economic instrument to help reduce the negative impacts of agroindustrial expansion through the lens of two International Finance Corporation loans to Brazil ’s Grupo Maggi. We also examine how the different actors who are shaping this debate (non-governmental organizations, industries, the finance sector, government) can best help to realize this potential.
Keywords: Uso do solo
Agroindústria
Instituição financeira
Gestão
Responsabilidade social
Amazônia brasileira
ISSN: 2179-7536
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_FinanciamentoInternacionalSetor.pdf243.79 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons