Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/3281
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMONTEIRO, Helio Ferreira-
dc.date.accessioned2012-12-10T14:05:42Z-
dc.date.available2012-12-10T14:05:42Z-
dc.date.issued2012-07-12-
dc.identifier.citationMONTEIRO, Helio Ferreira. A concentração da indústria de frigoríficos e a crise da pecuária na região sudeste do Pará: uma abordagem multifacetada. 2012. 263 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Tropico Úmido.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3281-
dc.description.abstractThe present research analyzes the roots of 2008 crisis in cattle ranching in the state of Pará, focusing on the conflict between farmers and meatpackers from a multifaceted approach. Having as initial hypothesis the imbalance between supply and demand of cattle, the study is divided in two parts. In the first, it is researched the cattle ranching activity itself, particularly the scientific about its feasibility in Amazon soil and its recent evolution. The second part addresses the installation of the big meatpacker plants in the Southeastern region of Pará, its increase in slaughter capacity and the imbalance with the supply of bovine cattle. In the context of this imbalance, both external causes, such the exportation of live cattle e and international financial crisis, and internal causes, particularly the role non-governmental organizations, of public policy and the relationship between farmers and meatpackers. The study concludes that the crisis was caused by a combination of structural and conjunctural factors. These conjunctural factors are inset in the context of the insertion of the cattle breeding of the state of Pará in the international markets, affected by the international financial crisis, by the exportation of live cattle and by the industrial policy of the Federal Government. The structural factors are those related the concentrated land property structure e to the model of extensive cattle ranching model adopted in the region, still plagued by the breaching of environmental and labor laws, and by relations of mistrust between cattle ranchers and meatpackers, where the market still wasn’t able to create a governance structure where agents can solve their problems.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectPecuáriapt_BR
dc.subjectIndústria alimentíciapt_BR
dc.subjectFrigoríficopt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titleA concentração da indústria de frigoríficos e a crise da pecuária na região sudeste do Pará: uma abordagem multifacetadapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentNúcleo de Altos Estudos Amazônicos-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::ECONOMIA INDUSTRIAL-
dc.contributor.advisor1HURTIENNE, Thomas Peter-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7133222063843073-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3972982974717964-
dc.description.resumoO presente estudo analisa as raízes da crise de 2008 na pecuária paraense, enfocando o conflito entre pecuaristas e frigoríficos a partir de uma abordagem multifacetada. Tendo como hipótese inicial o desequilíbrio entre oferta e demanda de gado, o estudo está dividido em duas partes, onde, na primeira, é pesquisada a pecuária em si, quanto à discussão científica sobre a sua viabilidade na Amazônia e sua evolução recente no estado do Pará. Na segunda parte, trata-se da instalação da grande indústria de frigoríficos na Sudeste paraense, o aumento da capacidade de abate e o desequilíbrio com a oferta de gado bovino. No contexto desse desequilíbrio, são avaliadas tanto as causas externas, tais como a exportação de gado vivo e a crise financeira internacional, quanto domésticas, em particular a atuação das organizações não governamentais, das políticas públicas e do relacionamento entre pecuaristas e frigoríficos. O estudo conclui que a crise foi causada por um conjunto de fatores estruturais e conjunturais. Os fatores conjunturais inserem-se no contexto da inserção da pecuária paraense no mercado internacional, afetado pela crise financeira internacional, pela exportação de bovinos vivos e pela política industrial do Governo Federal. Os fatores estruturais são aqueles relacionados à estrutura fundiária concentrada e ao modelo de pecuária extensiva instalada na região, ainda marcado por infrações das leis ambientais e trabalhistas, e pela relação de desconfiança entre pecuaristas e frigoríficos, onde o mercado ainda não foi capaz de criar uma estrutura de governança onde os agentes possam equacionar seus problemas.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido-
Appears in Collections:Dissertações em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Mestrado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ConcentracaoIndustriaFrigorificos.pdf2,41 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons