Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3492
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 2010
Authors: TORRES, Danielly Gurjão
First Advisor: FRÉDOU, Thierry
Title: A ictiofauna e a atividade pesqueira na Ilha das Onças, Barcarena - Pará
Sponsor: Projeto PIATAM Mar
CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: TORRES, Danielly Gurjão. A ictiofauna e a atividade pesqueira na Ilha das Onças, Barcarena - Pará. 2010. 152 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Ecologia Aquática e Pesca.
Resumo: A Ilha das Onças é uma das numerosas ilhas que se encontram na margem esquerda da Baía do Guajará, sendo conhecida principalmente pela presença da palmeira que produz o açaí como fruto (Euterpe oleracea,) e pela importância que seus canais representam para a navegação regional. Entre os principais canais que compõem a ilha, destaca-se o Canal do Piramanha, que atravessa a Ilha das Onças. A composição e a distribuição da ictiofauna presente na Ilha é pouco conhecida, com base nisso, esse trabalho teve como objetivo descrever as espécies da região, bem como do seu uso pelo ambiente, e a importância que possuem para a população local. Foram feitas entrevistas com os pescadores onde foram obtidas informações básicas sobre a pesca no local. Foram realizadas pescarias trimestrais de acordo com os períodos climáticos com rede de tapagem no igarapé e de emalhe no canal. No momento da despesca foram registrados in situ os dados abióticos (pH, salinidade, temperatura), que não apresentaram diferenças entre os períodos. Foram capturados 1200 indivíduos de 20 famílias de maioria Aspredinidae, Sciaenidae e Pimelodidae, distribuídos em 39 espécies identificadas (27 no canal e 26 no igarapé). As espécies foram em sua maioria constantes (FO>75%), e a diversidade foi similar ao longo do tempo, não havendo espécies dominantes em nenhum período de coleta. A estatística W mostra ambientes perturbados, nos meses mais chuvosos de março e dezembro, onde também foram registrados as maiores abundâncias (CPUEn e CPUEb), indicando a análise pode não ser adequada a ambientes onde há dominância de indivíduos de pequeno porte, fazendo com que o método confunda a existência natural de grande quantidade de indivíduos pequenos com uma troca de dominância. As análises multivariadas mostraram que os ambientes são significativamente diferentes, principalmente pela grande abundância numérica de A. aspredo no canal, e da P. squamosissimus no igarapé, que juntamente com o L. dorsalis, o H. marginatus, o A. aff. ucayalensis formam as principais espécies capturadas na Ilha. No canal houve maioria de espécies estuarinas, que se alimentam principalmente de zoobentos e peixes, e no igarapé, houve dominância de espécies dulcícolas, cujas preferências alimentares mudam ao longo do ano, aparentemente de acordo com o regime de chuvas. De maneira geral as espécies são de pequeno e médio porte (CT < 30 cm), imaturas (maioria em estádio A) e alimentando-se em pelo menos um período do ano. Apesar do ambiente favorável a pesca, 90% dos entrevistados tem no açaí sua principal fonte de renda, sendo a pesca colocada como fonte secundária, baseada nos períodos de safra e entre safra do açaí. A principal arte de pesca é o matapi que tem como alvo o camarão da Amazônia (Macrobachium amazonicum), seguida das malhadeiras e tapagens, cujas espécies alvo são na sua maioria as mesmas capturadas em abundancia nesse estudo. Pelo pequeno porte e baixo valor econômico, a pesca na ilha é realizada principalmente como fonte suplementar de proteínas, visto que a intensa atividade pesqueira e a perturbação causada pelas embarcações diminuem ainda mais esse número.
Abstract: The Onças Island is one of the many islands that are on the left bank of the Guajará Bay, known mainly by the presence of palm tree that produces açaí as fruit (Euterpe oleracea) and the importance that its channels represent for the regional navigation. Among the main channels that make up the island, stands the Piramanha Channel, which crosses the Onças Island. The composition and distribution of the icthyofauna in this island is not well known, on that basis, this study aimed to describe the species in the region and its use for the environment and the importance they have for the local population. Fisheries were conducted quarterly in accordance with the climatic periods with block net in the river creek and gill nets in the channel. At the time of the sampling, abiotic data were recorded in situ (pH, salinity, temperature), with no results differences between the periods. Were captured 1177 individuals from 20 families, most of which were Aspredinidae, Sciaenidae and Pimelodidae, distributed in 39 species identified (27 in the channel and 26 in the river creek). The species were mostly constant (FO> 75%), and diversity was similar over time, with no dominant species in any period. The W statistics show disturbed environments, in the rainiest months of March and December, however, in them were also reported the greatest abundance (CPUEn and CPUEb), indicating that this analysis may not be suitable for environments where there is dominance of small individuals, causing a natural abundance, be confused with an exchange of dominance. Multivariate analysis showed that the environments are significantly different, mainly by numerical abundance of A. aspredo in the channel, and P. squamosissimus in the river creek, which together with the L. dorsalis, the H. marginatus, the A. aff. ucayalensis form the main species on the island. In the main channel were collected mostly estuarine especies, which feed mainly on zoobenthos and fish, and in the river creek, there was dominance of freshwater species, whose food preferences change over the year, apparently according to the rainfall. Generally the species are small and mediumsized (CT <30 cm), immature (mostly in stage A) and feed in a period of one year at least. Despite the favorable environment for fishing, 90% of residents has the açaí as its main source of income, and fishing as a secondary source, depending on harvest periods of açaí. The main fishing gear is the shrimp trap, that targets the Amazon shrimp (Macrobachium amazonicum), followed by gill net and block net, that targets species are mostly caught in the same abundance in this study. For small and low economic value, fishing on the island is mainly performed as a supplementary source of protein, since the intense fishing activity and disturbance caused by vessels further diminish this number.
Keywords: Amazônia brasileira
Ictiofauna
Pesca
Estuários
Ilha das Onças - PA
Pará - Estado
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Ciências Biológicas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ecologia Aquática e Pesca
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Ecologia Aquática e Pesca (Mestrado) - PPGEAP/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_IctiofaunaAtividadePesqueira.pdf3,28 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons