Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3522
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: Nov-2012
metadata.dc.creator: PAULA, Danilo Monteiro de
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA FILHO, Manoel da
Title: Análise de mutações no gene GJB2 em indivíduos com deficiência auditiva neurossensorial não sindrômica
metadata.dc.description.sponsorship: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: PAULA, Danilo Monteiro de. Análise de mutações no gene GJB2 em indivíduos com deficiência auditiva neurossensorial não sindrômica. 2012. 77 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular.
metadata.dc.description.resumo: A surdez é o defeito sensorial mais frequente nos seres humanos, podendo ter diferentes causas ambientais ou hereditárias. Em países desenvolvidos, estimativas sugerem que em cada 1000 nascidos dois manifestam algum tipo de surdez e mais de 60% desses casos são de origem genética. No Brasil, muito pouco ainda é conhecido sobre surdez hereditária, acreditasse que quatro em cada mil recém-nascidos manifestem algum tipo de deficiência auditiva e que a frequência da surdez causada por fatores genéticos seja da ordem de 16%, enquanto os 84% restantes dos casos sejam causado por fatores ambientais e de etiologia desconhecida. As várias formas de surdez hereditária já identificada são muito raras, com exceção de uma causada por mutações no gene GJB2 que codifica a conexina 26. As conexinas representam uma classe de família de proteínas responsáveis pela formação de canais de comunicação entre células adjacentes (Gap Junctions), esta comunicação entre células adjacentes é fundamental para o crescimento e para a diferenciação de tecidos. Até o presente foram descritas 102 mutações do GJB2 que estão associadas com surdez hereditária. Três mutações se destacam por apresentarem frequência elevada em grupos populacionais específicos: 35delG entre europeus e brasileiros; 167delT entre Judeus askenazitas; e 235delG entre asiáticos. Neste trabalho, foi realizada a análise molecular de toda a sequência codificadora do gene GJB2 (Conexina 26) em uma amostra populacional constituída de 30 indivíduos não aparentados com surdez esporádica pré-lingual não sindrômica provenientes da população de Belém do Pará. O DNA foi obtido através de amostras de sangue periférico e analisado por meio da técnica convencional de PCR seguida do sequenciamento automático. Mutações no gene da Conexina 26 foram observadas em 20% da amostra (6/30). As mutações 35delG e R143W foram observadas em um único paciente (1/30), as duas no estado heterozigoto e relacionadas com a surdez do paciente. Duas outras mutações foram observadas em diferentes indivíduos: G160S em 1 paciente correspondendo a 3,3% (1/30); e V27I foi observado em 4 indivíduos com frequência alélica de 0.08; contudo as mutações G160S e V27I não estão relacionadas com a surdez. Neste trabalho as frequências observadas de mutações são equivalentes a frequências observadas em outras populações anteriormente estudadas. Esses resultados indicam que mutações no gene GJB2 são importantes causas de surdez em nossa região e não se pode excluir que a possibilidade da surdez apresentada por alguns indivíduos possa ser decorrente, principalmente, por fatores ambientais como processos infecciosos ocorridos durante a gestação, ou nos primeiros meses de vida.
Abstract: Deafness is the most frequent sensorial defect in human beings and it may have different causes since environmental to hereditary. In developed countries the estimates suggest that in each 1000 births some kind of deafness is expressed and more than 60% of the cases have a genetic origin. In Brazil, the hereditary deafness is not well-known. It is believed that four in each thousand newborns express some kind of hearing defect and that the frequency of deafness caused by genetic factors is estimated in 16%, while the 84% remaining cases are caused by environmental factors and have an unknown etiology. The many forms of hereditary deafness already identified are very rare, except for the one which is caused by mutations in the GJB2 gene which codifies the connexin 26. The connexins represent a class of a protein family which is responsible for the formation of communications channels between adjacent cells (Gap Junctions), this communication is fundamental for the growth and differentiation of the tissues. Until now there have been described 102 mutations of GJB2 gene which are associated to the hereditary deafness. Three mutations stand out because they have high frequency in specific population groups: 35delG among Europeans and Brazilians, 167delT among Ashkenazi Jews, and 235delG among Asians. In this study, we performed a molecular analysis of the entire coding sequence of the GJB2 gene (Connexin 26) in a population sample consisted of 30 unrelated individuals with prelingual nonsyndromic sporadic deafness from the population of Belém do Pará. DNA was obtained by peripheral blood samples and analyzed by the conventional PCR followed by automatic sequencing. Mutations in the Connexin 26 gene were found in 20% of the sample (6/30). The mutations 35delG and R143W were observed in one patient (1/30), both in the heterozygous and related to the patient’s deafness. Two additional mutations were observed in different individuals: G160S in a patient corresponding to 3.3% (1/30), and V27I was observed in 4 patients with allele frequency of 0.08; however mutations G160S and V27I are not related deafness. In this work the observed frequencies of mutations are equivalent to the frequencies observed in other populations previously studied. These results indicate that mutations in the GJB2 gene are important causes of deafness in our region and it cannot be excluded that the possibility of deafness presented by some individuals may be caused, mainly, by environmental factors such as infectious processes occurring during pregnancy or the first months of life.
Keywords: Surdez
Gene GJB2
Conexinas
Mutação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA::MUTAGENESE
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Neurociências e Biologia Celular (Mestrado) - PPGNBC/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AnaliseMutacoesGene.pdf1,23 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons