Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/3899
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 7-Oct-2010
metadata.dc.creator: PINHEIRO, Priscila de Nazaré Quaresma
metadata.dc.contributor.advisor1: VIEIRA, José Luiz Fernandes
Title: Validação de metodologia analítica para determinação de lumefantrina em plasma e sangue total adsorvido em papel de filtro por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) em pacientes com malária por plasmodium falciparum
metadata.dc.description.sponsorship: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: PINHEIRO, Priscila de Nazaré Quaresma. Validação de metodologia analítica para determinação de lumefantrina em plasma e sangue total adsorvido em papel de filtro por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) em pacientes com malária por plasmodium falciparum. 2010. 130 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Medicina tropical, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Doenças Tropicais.
metadata.dc.description.resumo: Dentre as ferramentas para alcançar o tratamento ótimo para a malária, se destaca a monitorização das concentrações dos antimaláricos nos fluídos biológicos. Ao se considerar que o Coartem® é empregado na terapia de primeira linha para o tratamento da malária falciparum, justifica-se a realização deste estudo que objetivou validar metodologia analítica para determinação de lumefantrina em amostras de sangue total, adsorvidas em papel de filtro, e em plasma, por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE), em pacientes com malária por Plasmodium falciparum não complicada, empregando-se extração líquido-líquido. Foram realizados estudos de seletividade, linearidade, curva de calibração, limites de detecção e quantificação, recuperação, precisão intra e inter-ensaio, estabilidade e robustez. As amostras, para o estudo de aplicabilidade do método proposto, foram coletadas de pacientes com malária falciparum utilizando Coartem® (arteméter-20mg + lumefantrina- 120mg) no D3. As condições cromatográficas otimizadas foram: comprimento de onda de 335nm, fluxo 1,2mL/min. e fase móvel composta por acetonitrila-água (60:40, v/v) pH=3,5. A extração líquido-líquido demonstrou ser eficiente, pois a recuperação média foi de 101,3% para plasma e 84,3% para sangue total. O método foi seletivo e linear em intervalo de concentração de 160 a 1760ng/mL. Os limites de detecção e de quantificação foram 32ng/mL e 160ng/mL. O coeficiente de variação médio intra-ensaio, do plasma e sangue total, respectivamente, foram 10,88 e 8,38% e inter-ensaio de 13,21 e 11,78%. O analito demonstrou ser estável em sangue total adsorvido em papel de filtro por até 70 dias. Modificações no pH, fluxo e composição da fase móvel não alteraram significativamente a resolução do analito de interesse, sugerindo uma robustez adequada. O método demonstrou ser eficaz na quantificação de lumefantrina em amostras de sangue total de pacientes com malária falciparum bem como os parâmetros de validação estão de acordo com as recomendações dos órgãos regulamentadores no Brasil.
Abstract: Among the tools to achieve the optimal treatment for malaria, it highlights the concentration monitoring of antimalarials in biological fluids. Considering that Coartem ® is used in first-line therapy for treatment of falciparum malaria, it is appropriate that this study aims to validate an analytical methodology for determination of lumefantrine in whole blood samples, adsorbed on filter paper, and in plasma by high performance liquid chromatography (HPLC) in patients with falciparum malaria uncomplicated, using liquid-liquid extraction. Were carried out studies of selectivity, linearity, calibration curve, limits of detection and quantification, recovery, intra and inter assay precision, stability and robustness. The samples for study of applicability of the proposed method, were collected from patients with falciparum malaria using Coartem ® (artemether-20mg + lumefantrine-120mg) on D3. The optimized chromatographic conditions were: wavelength 335nm, flow 1.2 mL / min. and a mobile phase consisting of acetonitrile-water (60:40, v / v) pH = 3,5. The liquid-liquid extraction can be efficient, because the average recovery was 101.3% for plasma and 84.3% for whole blood. The method was selective and linear in the concentration range of 160 to 1760ng/mL. The limits of detection and quantitation was 32ng/mL and 160ng/mL. The average coefficient of variation intra assay, plasma and whole blood, respectively, were 10.88 and 8.38% and inter assay of 13.21 and 11.78%. The compound proved to be stable in whole blood absorbed onto filter paper for 70 days. Modification of pH, flow and mobile phase composition did not significantly alter the resolution of the analytes, suggesting an adequate strength. The method proved effective in quantifying lumefantrine in whole blood samples from patients with falciparum malaria and the validation parameters are consistent with the recommendations of regulatory agencies in Brazil.
Keywords: Malária falciparum
Plasmodium falciparum
Monitoramento de medicamentos
Terapêutica
Doenças transmissíveis
Brasil - País
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA::ANALISE E CONTROLE E MEDICAMENTOS
CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA::DOENCAS INFECCIOSAS E PARASITARIAS
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Medicina Tropical
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Doenças Tropicais
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Doenças Tropicais (Mestrado) - PPGDT/NMT

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ValidacaoMetodologiaAnalitica.pdf1,33 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons