Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4118
Compartilhar:
Type: Tese
Issue Date: Apr-2004
Authors: CAMARGO-ZORRO, Mauricio
First Advisor: ISAAC, Victoria Judith
Title: A comunidade ictica e suas interrelacões tróficas como indicadores de integridade biológica na área de influencia do projeto hidrelétrico Belo Monte-Rio Xingu, PA
Citation: CAMARGO-ZORRO, Mauricio. A comunidade ictica e suas interrelacões tróficas como indicadores de integridade biológica na área de influencia do projeto hidrelétrico Belo Monte-Rio Xingu, PA. 2004. 183 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Belém, 2004. Curso de Pós-Graduação em Zoologia.
Resumo: Este estudo apresenta diferentes metodologias aplicadas para compreender o funcionamento dos ambientes de um trecho do rio Xingu (PA), em relação à comunidade de peixes que nele habitam. Através do uso da ictiofauna procurou-se confirmar alguns padrões ambientais, visando constatar o estado atual de conservação de um trecho deste rio. A partir de levantamentos da ictiofauna local conforme a variação sazonal do rio, foram feitas diferentes análises ao nível espécies, populações e guildas tróficas. No nível de organização das populações, o estudo de parâmetros biológicos tais como: taxa de crescimento corporal, tamanho corporal máximo, taxa de mortalidade e o tamanho médio do início da maturação sexual constituíram uma boa aproximação para entender a história de vida dos diferentes grupos de peixes. Foi evidenciada uma tendência das comunidades de estarem conformadas por espécies tipo r-estrategistas e com menor tamanho corporal, em relação ao número de k-estrategistas de maior tamanho. Numa abordagem funcional, foi verificado que estruturar as comunidades em guildas constitui um bom indicador tanto dos padrões de convergência de uni ecossistema afim ao setor estudado do Xingu quanto do atual estado de conservação do mesmo. Um modelo de balanço de massas construído para o setor do médio rio Xingu indicou que se trata de um sistema com grande instabilidade ambiental e, que por sua vez, se comporta como um sistema sazonalmente maduro. A aparente restrição sazonal na disponibilidade de recursos alimentares observada para o setor de rio estudado pode incidir numa máxima eficiência no uso e transferência dos mesmos no ecossistema. Uma análise biogeográfica foi feita a partir da ocorrência das espécies para contextualizar o setor do rio compreendido entre a confluência dos rios Iriri e Xingu até as proximidades do povoado de Senador José Porfirio, na bacia do Xingu. Através desta análise verificou-se que o médio (a montante das cachoeiras) e baixo Xingu (a jusante) encontram-se inseridos em duas áreas de endemismo. A baixa afinidade na composição de espécies, observada para estes dois setores, é atribuída a uma variação geográfica na paisagem. Assim, a ocorrência do limite das cachoeiras nas proximidades do povoado de Belomonte e o efeito do rio Amazonas no setor do baixo Xingu podem ser os principais fatores que explicam as diferenças na composição ictiofaunística e na abundância das espécies em relação ao setor do médio Xingu. Finalmente, ressalta-se a importância da manutenção da conectividade hidrológica como forma de manter os processos ecológicos que ligam o sistema das cabeceiras à foz, e discutem-se os eventuais impactos na dinâmica ambiental e nas espécies de peixes do médio rio Xingu que serão ocasionados com a construção do projeto hidrelétrico de Belomonte.
Abstract: This study presents applied methodologies to better understand the dynamics of mechanisms characterizing a portion of the Xingu River, with respect to fish communities living in that environment. Through the study of the ichthyofauna it is aimed to verify various environmental standard patterns, in order to assess the current conservation state of a part of the Xingu River. Based on surveys of the local ichthyofauna conducted over seasonal variations, analyses were conducted at the specieS, population and trophic guild levels. With regards to the ecological population level, study of biological parameters such as individual growth rates, asymptotic body length, mortality rates and size at first maturity were good indicators for a better understanding of the life history of those fish groups. Therefore a trend was observed in which species of relatively small body size to followed a "r" type strategy, whilw species of larger body sizes would follow the "k" strategy tactics. From a functional point of view, it was verified that guild community structure is not only a good indicator of convergence patterns to similar ecosystems as like the Xingu River studied stretch, but also a tool to assess its conservation status. A steady- state ecosystem model for the medium Xingu River sector indicated that it is a system highly instable, and simultaneusly look like a mature seasonal system. An apparent seasonal restriction of food availability observed in the studied river section could imply optimum use efficiency and transfer of the trophic resources. A biogeographic study was undertaken based on species occurrence in order to conceptualise the River stretch comprised between the confluences of the Iriri and Xingu Rivers up to the vicinity of of the village Senador José Porfirio, in the Xingu basin. By means of this analysis, it was possible to demonstrate that the medium upstream of waterfalls) and lower (downstream) courses of the Xingu River are parts of two endemic areas. The low affinity of species composition observed in these two sectors is attributed to geographic variations in the landscape. Therefore, the boundaries of the waterfalls around the village of Belomonte and the influence of the Amazon River in the lower Xingu course could trigger differences in ichthyofaunal composition and species abundance when compared to the medium course of that river. Finally, the importance of maintaining all hydrologic connectivity is pointed out in order to maintan the unity of the system, from the headwaters to the mouth. Impacts on environmental processes and fish populations in the medium course of the Xingu River as a result of the eventual construction of the Belemonte hydroelectric dam are discussed.
Keywords: Ictiofauna
Peixe
Comunidade (Ecologia)
Ecologia aquática
Biogeografia
Rio Xingu - PA
Pará - Estado
Amazônia Brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::TAXONOMIA DOS GRUPOS RECENTES
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Museu Paraense Emílio Goeldi
Institution Acronym: UFPA
MPEG
Department: Instituto de Ciências Biológicas
Program: Programa de Pós-Graduação em Zoologia
Appears in Collections:Teses em Zoologia (Doutorado) - PPGZOOL/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_ComunidadeIcticaInterrelacoes.pdf306,71 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons